Remédios Naturais

10 melhores diuréticos naturais para emagrecimento!

melhores diuréticos naturais para emagrecimento

Os melhores diuréticos naturais para emagrecimento mais importantes para o funcionamento adequado do organismo funcionam muito bem em casa. Beber água é um bom hábito. Mas o que pode acontecer se ela se acumular em diferentes partes do seu corpo? Aumentaria seu peso corporal, alteraria a consistência de seu sangue e eletrólitos e causaria outras complicações.

Então, como se livrar da retenção de líquidos? A resposta é: diuréticos. Eu posso ver o ponto de interrogação em seu rosto. Leia para descobrir mais.

melhores diuréticos naturais para emagrecimento
melhores diuréticos naturais para emagrecimento

O que é diurético?

Um diurético é um medicamento que aumenta a produção de urina. Geralmente altera a excreção de sódio dos rins. O sódio leva a água junto com o sangue – aumentando assim a produção de urina.

À medida que o teor de água no sangue diminui, o mesmo acontece com a pressão nas paredes dos vasos – e isso reduz sua pressão arterial. Devido a essa ação, os diuréticos também são chamados de pílulas de água.

Quais são os tipos de diuréticos?

Dependendo de seus modos de ação e dos alvos, os diuréticos são divididos em três classes:

  1. Tiazidas: reduz os fluidos e relaxa os vasos sanguíneos. Por exemplo: clorotiazida, metolazona e indapamida.
  2. Diuréticos de alça: atuam na alça de Henle nos rins e tratam a retenção de líquidos que poderia causar insuficiência cardíaca. Por exemplo: Torsemide, Furosemide e Bumetanide.
  3. Diuréticos poupadores de potássio: reduzem a retenção de líquidos sem a perda de potássio, e isso evita problemas cardíacos. Por exemplo: Amiloride, Triamterene e Eplerenone.

Bem, é bom conhecer esses nomes extravagantes. Mas você pode não saber sua eficácia (e efeitos colaterais, se houver) até que realmente o utilize. Infelizmente, os diuréticos sintéticos são conhecidos por causar efeitos colaterais para pele.

Melhores diuréticos naturais para emagrecimento:

1. Café: 

Bebidas cafeinadas como café e certos tipos de chá têm um efeito diurético em seu corpo, portanto podemos classificar o café como um dos melhores diuréticos naturais para emagrecimento. Compostos chamados metilxantinas presente na cafeína afetam a reabsorção de sódio nos rins – e você acaba perdendo sódio e outros solutos junto com muita água.

Quando tomado nas quantidades certas, o café ajuda na diminuição da pressão sanguínea e a retenção de líquidos em seu corpo, além disso, ainda contribui para o emagrecimento.

2. Chás de ervas:

Um dos inúmeros benefícios dos chás de ervas é sua propriedade diurética. Estes chás foi usado na medicina antiga como tratamentos para distúrbios digestivos e cardíacos. Nesse caso também podemos classificar o chá verde como um dos melhores diuréticos naturais para emagrecimento.

Seus componentes bioativos, como flavonoides, terpenóides e poliálcoois, conferem as propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias – e, em alguns casos, propriedades diuréticas também.

Alguns dos mais usados e frequentemente prescritos chás de ervas são feitos a partir destes ingredientes: dente de leão, cavalinha, espinheiro, salsa, urtiga (Urtica dioica), camomila, hibisco, alfafa, raiz de bardana, calêndula e zimbro.

Esses chás, além de serem usados para diminuir a pressão sobre o sangue, também atuam no emagrecimento, pois contribuem para a eliminação de líquidos e inchaços.

No entanto é necessário Cautela ao fazer uso desses chás, pois alguns diuréticos, quando tomados em quantidades maiores, podem levar à desidratação. Então, moderação é a palavra chave.

3. Aspargos:

Outro dos melhores diuréticos naturais para emagrecimento são os Aspargos, ou melhor o composto arginina (um aminoácido básico que a maioria das proteínas contém) presente no mesmo. É por isso que consumir uma boa quantidade de aspargos irá ajudá-lo na eliminação das toxinas e o excesso de líquido do seu corpo (um problema também chamada de edema).

Isso reduzirá sua pressão arterial e peso corporal e o risco de infecções do trato urinário. Os aspargos também podem aumentar sua ingestão de fibras. Mas, lembre-se de cozinhá-lo da maneira certa – não cozinhe demais.

4. Abóbora:

A abóbora (Cucurbita maxima) e suas sementes têm sido usadas para tratar infecções do trato urinário, infecção da bexiga e até mesmo distúrbios da próstata. O óleo de semente, juntamente com o fruto, tem propriedades diuréticas e também pode curar problemas de micção, como a noctúria.

Portanto a abóbora, embora muitos desconheçam, também pode ser classificada como um dos melhores diuréticos naturais para emagrecimento e, além de eliminar a retenção de líquidos, ainda pode contribuir para a dieta de pessoas que desejam perder peso.

5. Melancia:

A melancia é o melhor amigo dos seus rins, pois ajuda na filtração, clarificação e produção de urina. A polpa contém alcanos e esteróides que reduzem os níveis de sódio no sangue e impedem a formação de cálculos de cálcio e oxalato.

Somado a isto, a melancia tem outros componentes bioativos, como a cucurbocitrina e a citralina, que dilatam os vasos sanguíneos e mantêm a pressão arterial.

6. Aipo e sementes:

Pertencente à família de cebola, alho e alho-poró (Apiaceae), o aipo e suas sementes também podem reduzir a hipertensão e aumentar a frequência cardíaca – e isso pode estar ligado à sua natureza diurética.

O aipo atua como um diurético poupador de potássio, restaurando o equilíbrio entre os íons de sódio e potássio em seu corpo. Portanto, ao preparar a sua salada desta vez, use um simples molho de sementes de aipo para colher todos os seus benefícios! Além disso, como todo diurético ele também contribui para a perda de peso.

7. Sementes de cominho preto:

Elas também têm sido usadas na medicina tradicional egípcia para tratar diabetes, infecções oculares, indigestão, dor de dente, etc. Além de combater infecções, as sementes de cominho preto também podem controlar hipertensão, asma, edema (retenção de líquidos), inchaço nas articulações e inchaço – graças à sua natureza diurética.

Isso aumenta a saúde do sistema urinário, incluindo os rins.  Além disso, ainda podem ajudar na dieta de quem está lutando para perder aqueles quilos extras.

8. Vegetais verdes folhosos e beterraba:

O nitrato dietético, abundantemente encontrado em folhas verdes, pode prevenir doenças cardíacas, regular a pressão arterial e manter os sistemas vascular e circulatório. Verduras como espinafre, couve, alface, repolho, choi (repolho chinês), brócolis e agrião têm um alto teor de nitrato que lhe proporciona propriedade diurética que ajuda na desintoxicação do seu corpo.

A beterraba e suas folhas são excelentes fontes de nitrato e potássio – ambos com capacidade de diurese, mantendo assim a pressão arterial. Sendo assim, quando se pensa em esses não poderiam faltar.

9. Suco de cranberry:

Assim como o aipo, o suco de cranberry também está incluído na lista dos melhores diuréticos naturais para emagrecimento,  isso ocorre porque ele também é poupador de potássio que restaura os níveis de potássio em seu corpo enquanto elimina o excesso de fluido.

Este suco tem antioxidantes e vitamina C que combatem infecções microbianas no trato urinário e protegem os seus rins e bexiga.
Você pode tentar consumir bagas secas ou suplementos de frutas, caso não goste muito do sabor do suco.

10. Água de limão:

A melhor maneira de começar o dia pode ser com uma xícara de café, mas com água de limão também pode ser perfeito. Sim! Água morna com uma fatia de limão faz maravilhas para o seu corpo, muito mais do que uma xícara de chá quente.

Como são reservatórios naturais de vitamina C, os limões contêm melhores antioxidantes. Além disso, eles ajudam na expulsão de sais e líquidos excessivos do seu corpo. Esta bebida simples pode ajudá-lo na perda de peso sem efeitos colaterais.

Efeitos colaterais dos diuréticos naturais: 

Os diuréticos naturais têm menos efeitos colaterais do que suas contrapartes sintéticas. Esses efeitos colaterais também são raros e surgem somente quando a dosagem, a forma de administração ou o histórico do paciente não esteja bem definidos, sendo assim, os principais efeitos colaterais que o uso dessas bebidas diuréticas pode trazer estão listados a seguir:

  • Desidratação;
  • Diarreia;
  • Tontura;
  • Alergias (hipersensibilidade);
  • Perda de potássio no sangue (hipocalemia);
  • Níveis de sódio perigosamente baixos no corpo;
  • Cãibras musculares e dormência;
  • Gota;
  • Arritmia cardíaca;
  • Dificuldade em controlar o diabetes;
  • Falência renal;
  • Infecção urinária devido a alterações de pH e composição.
Gostou do post? Avalie!
[Total: 0 votos: ]

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

Deixe um comentário