Início » Dieta e Nutrição » 10 principais alimentos ricos em antioxidantes!

10 principais alimentos ricos em antioxidantes!

principais alimentos antioxidantes

Os principais alimentos ricos em antioxidantes são bastante saudáveis eles precisam estar sempre incluídos em nossas dietas diárias. Cada um de nós temos antioxidantes e radicais livres presentes dentro de nossos corpos em todos os momentos.

Por exemplo, o fígado produz e usa radicais livres para desintoxicar o corpo, enquanto os glóbulos brancos enviam radicais livres para destruir bactérias, vírus e células danificadas. Quando certos tipos de moléculas de oxigênio podem viajar livremente pelo corpo, causam o que é conhecido como dano oxidativo, que é a formação de radicais livres.

principais alimentos ricos em antioxidantes
principais alimentos ricos em antioxidantes

Quando os níveis de Antioxidantes no organismo são mais baixos do que os dos radicais livres – devido à má nutrição, exposição a toxinas ou outros fatores – a oxidação causa estragos no corpo. O efeito? Envelhecimento acelerado, células danificadas ou mutadas, tecido quebrado, ativação de genes prejudiciais dentro do DNA e um sistema imunológico sobrecarregado.

O que são antioxidantes?

Embora existam muitas maneiras de descrever o que os antioxidantes fazem dentro do corpo, uma definição de qualquer substância que iniba a oxidação, especialmente uma usada para neutralizar a deterioração de produtos alimentícios armazenados ou remover agentes oxidantes potencialmente prejudiciais em um organismo vivo.

Os antioxidantes possuem dezenas de substâncias baseadas em alimentos que você pode ter ouvido antes, como carotenóides como beta-caroteno, licopeno e vitamina C. Estes são vários exemplos que inibem a oxidação, ou reações promovidas por oxigênio, peróxidos e / ou radicais livres.

Por que precisamos de antioxidantes?

As ervas, especiarias e chás, reduzem os efeitos dos radicais livres, cujo desempenham um papel importante na formação de doenças. Os principais problemas de saúde que enfrentamos hoje – incluindo doenças cardíacas, câncer e demência – têm sido associados ao aumento dos níveis de danos oxidativos e inflamação.

Em termos mais simples, a oxidação é uma reação química que pode produzir radicais livres, levando a outras reações químicas em cadeia que danificam as células.

Principais alimentos ricos em antioxidantes:

Os antioxidantes podem ser mais fáceis de serem adicionado em sua dieta do que você imagina. Com base nas pontuações ORAC, abaixo estão alguns alguns alimentos:

  1. Bagas de goji: 4,310 pontuação ORAC
  2. Mirtilos silvestres: 9,621 pontuação ORAC
  3. Chocolate escuro: 20.816 pontuação ORAC
  4. Pecãs: 17.940 pontuação ORAC
  5. Alcachofra (cozido): 9,416 pontuação ORAC
  6. Bagas de sabugueiro: 14.697 pontuação ORAC
  7. Feijão: 8.606 pontuação ORAC
  8. Cranberries: 9.090 pontuação ORAC
  9. Amoras: 5,905 pontuação ORAC
  10. Coentro: 5,141 pontuação ORAC

As pontuações ORAC acima são baseadas no peso. Isso significa que pode não ser prático consumir grandes quantidades de todos esses alimentos ricos em antioxidantes.

Outros alimentos não listados acima, que ainda são ótimas fontes e altamente benéficos, incluem alimentos comuns como tomates, cenouras, sementes de abóbora, batata-doce, romã, morango, couve, brócolis, uvas ou vinho tinto, abóbora e salmão selvagem. Tente consumir pelo menos três a quatro porções diárias desses alimentos ricos em antioxidantes (ainda mais é melhor) para uma saúde ideal.

antioxidantes
antioxidantes

Benefícios dos antioxidantes:

1. Contra os radicais livres:

Como descrito acima, o único benefício mais importante dos antioxidantes é neutralizar os radicais livres encontrados dentro de cada corpo humano, que são muito destrutivos para coisas como tecidos e células. Além disso, os radicais livres são responsáveis ​​por contribuir para muitos problemas de saúde e têm conexões com doenças, como câncer e envelhecimento prematuro da pele ou dos olhos.

2. Saúde dos olhos:

Os Antioxidantes presentes na  vitamina C, vitamina E e betacaroteno demonstraram ter efeitos positivos na prevenção da degeneração macular ou na perda/cegueira da visão relacionada à idade. Além disso, muitos alimentos que fornecem esses nutrientes também fornecem antioxidantes chamados luteína e zeaxantina, apelidados de vitaminas dos olhos, e encontrados em alimentos de cores vivas, como frutas e verduras – especialmente as folhas verdes e tipos que são de cor laranja ou amarela.

3. Saúde da pele:

Talvez mais notavelmente, os radicais livres aceleram o processo de envelhecimento quando se trata da aparência e saúde da pele. Os antioxidantes podem combater esse dano, especialmente consumindo fontes ricas em vitamina C, betacaroteno e outros antioxidantes.

4. Contra o AVC:

Como os antioxidantes ajudam evitar danos nos tecidos e nas células causados ​​pelos radicais livres, eles são necessários para proteger contra doenças cardíacas e derrames. Neste ponto, os dados não mostram que todos os antioxidantes são eficazes na proteção contra doenças cardíacas, mas alguns, como a vitamina C, parecem ser.

alimentos ricos em antioxidantes
alimentos ricos em antioxidantes

5. Contra o câncer:

Estudos descobriram que o consumo de vitamina A, vitamina C e outros antioxidantes podem prevenir ou tratar várias formas de câncer, graças à sua capacidade de controlar células malignas no corpo e causar parada do ciclo celular e apoptose (destruição) das células cancerígenas. O ácido retinóico, derivado da vitamina A, é uma substância química que desempenha papéis importantes no desenvolvimento e diferenciação celular, bem como no tratamento do câncer.

6. Contra o alzheimer:

Acredita-se que o estresse oxidativo desempenhe um papel central na patogênese das doenças neurodegenerativas, mas uma dieta rica em nutrientes parece diminuir o risco. Publicações especializadas relatam que o consumo de alimentos ricos em antioxidantes, como vitamina C e vitamina E, pode reduzir modestamente o risco a longo prazo de demência e doença de Alzheimer.

Muitos estudos descobriram que as pessoas que consomem dietas baseadas em vegetais com alto teor de antioxidantes, como a dieta mediterrânea, têm melhor proteção sobre a cognição.

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.