Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Cardápios de Dietas

Dieta Volumétrica: Funciona? Cardápio? Benefícios e Como Fazer!

Dieta Volumétrica: Funciona mesmo? Bem, para responder se a Dieta Volumétrica funciona ou não, devemos analisa-lá. Porém, o sucesso da Dieta Volumétrica é determinado pelos alimentos que você come, então o primeiro passo seria fazer uma lista de alimentos de baixa densidade energética e criar refeições e lanches com base na sua lista. A dieta é geralmente iniciada aderindo a uma dieta de 1.600 calorias, então planeje sua comida para cada dia de acordo.

Em vez de contar calorias ao fazer dieta, você deve se preocupar com a densidade energética de seus alimentos, de acordo com “The Volumetrics Eating Plan”. O livro, um best-seller do New York Times por Barbara Rolls, Ph.D., recomenda alimentos de baixa densidade energética sobre alimentos que são ricos em densidade de energia.

Dieta VolumetricaDensidade de energia refere-se a calorias por grama. Alimentos com baixa densidade energética são mais volumosos, mas têm menos calorias. Eles são ricos em fibras e teor de água, fazendo você se sentir completo depois de consumi-los.

O que é a Dieta Volumétrica?

A Dieta Volumétrica não é uma dieta nova, mas o estilo alimentar passou no teste do tempo, já que muitos dietistas a usam para perder peso e para se manter saudáveis. A volumetria baseia-se na premissa de que é o volume de comida consumida, em vez do número de calorias consumidas, que leva à perda de peso. Quando comemos mais comida, sentimos uma sensação de saciedade ou plenitude.

Se você seguir a Dieta Volumétrica, aprenderá a ingerir alimentos de baixa caloria que o deixam satisfeito, o que ajuda a perder peso sem sentir que está em dieta. O plano é projetado para que você não sinta fome ou seja privado a comer.Você também aprenderá sobre “densidade calórica” ​​se seguir este plano. Os alimentos recomendados na dieta Volumetrics têm baixa densidade energética ou calórica.

Isso significa que eles promovem uma sensação de plenitude, sem uma tonelada de calorias. Os alimentos que você evita na Dieta Volumétrica são densos em energia, ou seja, mesmo que tenham muitas calorias, você precisa comer mais para se sentir satisfeito.

O que eu Posso Comer na Dieta Volumétrica?

O principal componente da Dieta Volumétrica é o foco na densidade energética, também conhecida como densidade calórica, que é o número de calorias encontradas em um determinado alimento. Alimentos de baixa densidade energética são aqueles que são baixos em calorias e podem, portanto, ser consumidos em quantidades maiores.

Alimentos que contêm muita água ou fibra são os alimentos mais comuns de baixa densidade energética. Nesta dieta, você pode comer frutas e legumes ilimitados, bem como produtos lácteos com baixo teor de gordura e peixe, feijão, frango sem pele e peru, carnes magras e grãos integrais. Veja em detalhes o por quê você deve consumir alguns dos alimentos citados acima para fazer a Dieta Volumétrica:

Carnes Magras:

O plano enfatiza o consumo moderado de carne magra em vez de carnes vermelhas com alto teor de gordura. As carnes magras são uma fonte importante de proteínas e vitaminas e minerais essenciais. Escolha aves e peixes na maior parte do tempo. Se consumir carne vermelha, procure por cortes classificados como “magra”.

Grãos Integrais:

Escolha trigo integral em vez de farinha branca refinada. A dieta recomenda altamente fazer sua própria comida em vez de comer alimentos pré-embalados. Tente fazer o macarrão com queijo da maneira volumétrica. Use massa de trigo integral, rica em fibras. A dose recomendada é de 1/2 xícara, com 100 calorias. Adicione o leite desnatado e o queijo magro. Em seguida, adicione alguns alimentos de baixa densidade energética à refeição adicionando vegetais.

Leite com Baixo Teor de Gordura:

Os produtos lácteos são importantes porque são uma boa fonte de cálcio, certas vitaminas, minerais e proteínas. leite, iogurte e queijo são as melhores fontes de cálcio. O “Plano de Comida Volumétrico” recomenda o consumo de produtos lácteos, mas com moderação e escolhendo opções com baixo teor de gordura ou sem gordura. Vale ressaltar que você deve escolher o leite desnatado e não leite integral para Dieta Volumétrica.

Você também precisa criar um diário de comida e bem-estar para registrar seus alimentos ingeridos, suas quantidades de calorias, seus exercícios e sua perda de peso.

Como eu sei se a Dieta Volumétrica é Ideal Para mim?

A Dieta Volumétrica é um plano nutricional adequado para você, se você…

  • É Interessado em perder peso a um ritmo saudável;
  • Está Procurando por uma solução a longo prazo para perda de peso;
  • Está Empenhado em fazer uma mudança de vida e quer comer mais saudável (independentemente de perder peso);
  • Cansado de passar fome na mais nova dieta de moda passageira e não ver resultados.

A Dieta Volumétrica tem Algum Revés?

A Dieta Volumétrica é uma ótima maneira de encontrar equilíbrio na sua vida alimentar. Ele incentiva você a treinar-se para comer apenas quando estiver com fome, e que não há problema em ingerir alimentos em grande quantidade, desde que sejam nutritivos. Mas enquanto a Dieta Volumétrica parece ser uma solução saudável a longo prazo, ela exige muito trabalho preparatório e dedicação.

Vale ressalta que comer muitos alimentos de baixa caloria sob o plano da Dieta Volumétrica ajudará você a se sentir satisfeito, mas o efeito pode não durar. “Quando você come alimentos com alto teor de água, você se sente satisfeito na hora, mas pode sentir fome pouco tempo depois”, diz uma especialista. Tente ter proteína com as suas refeições para ajudar a sensação de saciedade durar mais tempo.

Os Possíveis Efeitos de Curto e Longo Prazo da Dieta Volumétrica:

A curto prazo, você não se sentirá privado com o plano Volumetrics, diz a especialista. Ao mesmo tempo, não é provável que você veja uma rápida perda de peso.

Mas, a longo prazo, as pessoas que seguem o plano da Dieta Volumétrica são mais propensas a construir hábitos saudáveis ​​duradouros. “Eles vão desenvolver um estilo de vida mais saudável e manter a perda de peso“, diz Giancoli. “Você estará recebendo uma dieta mais baseada em vegetais e comendo grãos integrais. Você será mais saudável.

Coisas que Você Deve Saber Sobre a Dieta Volumétrica:

As maiores desvantagens da Dieta Volumétrica são o custo e o tempo de preparação das refeições. Você passará um bom tempo planejando os alimentos que planeja comer na semana seguinte e preparando-os semanalmente ou diariamente. Porque tem um foco pesado em vegetais frescos, frutas e carnes magras, os principais ingredientes podem se tornar caros.

Isto é especialmente verdadeiro se você está convertendo toda a sua família à dieta para apoiar alguns membros ou encorajar hábitos alimentares saudáveis. Os membros da família podem ajudar a contribuir para facilitar os aspectos de preparação e culinária do plano. Os benefícios da Dieta Volumétrica geralmente superam as desvantagens para a maioria da Dieta Volumétrica.

Cardápio da Dieta Volumétrica:

Cardápio:

Café da manhã: uma fatia de pão de forma integral com 1 colher de sopa de queijo cottage, 1 xícara de café com leite desnatado sem açúcar e 1 xícara de mix de melancia, melão e mamão salpicado com 1 colher de sopa rasa de quinoa em flocos;
Lanche da manhã: 1 fatia média de abacaxi salpicada com hortelã fresca;
Almoço: 1 prato raso de salada de cenoura crua, escarola e abacaxi em cubos; mais 3 colheres de sopa de arroz integral com pimentões de diferentes cores; mais 2 colheres de sopa de grão-de-bico refogado com salsa e cebola. 1 filé médio de peixe assado com mix de cogumelos;
Lanche da tarde: 2 bolachas integrais com 1 xícara de gengibre;
Jantar: 1 prato raso de salada de almeirão, palmito em rodelas e beterraba ralada. 1 pegador de espaguete integral ao sugo com atum em pedaços conservado em água mais 2 colheres de sopa de brócolis cozidos com cebola com tiras grossas e alho;
Uma refeição da noite: 1 xícara de gelatina feita com 1 envelope sabor frutas vermelhas sem açúcar, suco de 1 maçã e de ½ limão, pêssego e morango naturais picadinhos.

Cardápio 2:

Café da manhã: Consuma uma fatia de mamão e um pote de iogurte desnatado com uma colher de chá de aveia e uma colher de sobremesa de semente de linhaça triturada;
Lanche da manhã: tome uma xícara de leite desnatado com café, sem açúcar ou adoçante;
Almoço: comer duas colheres de sopa de lentilha, 100 gramas de filé grelhado de carne magra, uma salada com alface crespa, tomate caqui e manjericão fresco à vontade, três colheres de sopa abóbora cozida e três colheres de sopa de arroz integral. Para a sobremesa, chupar um picolé de fruta;
Lanche da tarde: comer três damascos e duas castanhas-do-pará;
Jantar: salada com alface crespa, cenoura ralada e tomate, duas colheres de sopa de arroz integral e um pedaço de 100 gramas de frango ensopado com tomate.

Cardápio 3:

Café da manhã: omelete com vegetais. Para acompanhar, uma medida de melão e cerca de 240 ml de leite com baixo teor de gordura;
Lanche da manhã: pode ser ingerido aproximadamente 240 ml de um iogurte de morango com baixa quantidade de gordura;
Almoço: uma sopa de abóbora, sanduíche de rosbife, uma tangerina e de sobremesa meia medida de pudim de chocolate sem açúcar;
Lanche da tarde: três damascos e duas castanhas-do-pará;
Jantar: uma fruta fresca, uma salada de espinafre, salmão escalfado, brócolis e meio copo de arroz integral.

O cardápio da Dieta Volumétrica prevê que a pessoa tenha três refeições, lanche e uma sobremesa por dia. Por exemplo, uma dieta com a ingestão de 1.600 calorias diárias permite que no café sejam consumidas 400 calorias, no almoço 500, no jantar mais 500 e 200 em um lanchinho. O número de calorias ingeridas diariamente depende de questões específicas de cada indivíduo que for realizá-la. Essa quantia pode ser estabelecida com a orientação de um nutricionista.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.