Vitamina D: O que é, Para que Serve, Alimentos, Benefícios e Deficiência!

Revisado por

Nutrição e Educação Física pela UFT

Especialista do Dicas de Saúde

Vitamina D: O que é, Para que Serve, Alimentos, Benefícios e Deficiência!
4.8 (96.67%) 6 votos

Vitamina D é uma vitamina essencial para o corpo. Hoje vamos falar um pouco sobre a Vitamina D, O que é, Para que Serve, Alimentos ricos em Vitamina D, Benefícios e Deficiência. A Vitamina D é importante para regulação do metabolismo ósseo, e age como hormônio mantendo em quantidades equilibrada do cálcio e Fósforo presentes no sangue, através do aumento ou diminuição da absorção desses componentes no intestino delgado.

O que é Vitamina D?

Vitamina D
Vitamina D

A Vitamina D, também conhecida como a “ vitamina do sol ”, é uma vitamina lipossolúvel essencial. Pode ser obtido na dieta, através de alimentos e suplementos dietéticos, ou sintetizado na pele após exposição à luz solar. Embora classificado como uma vitamina, deve ser considerado um hormônio porque está envolvido em muitos processos metabólicos no organismo.

A Vitamina D desempenha um papel importante no equilíbrio de cálcio e Fósforo na saúde óssea e na atividade nervosa e muscular. Além disso, Também regula a pressão sanguínea, a função imunológica, a produção de células e a secreção de insulina.

Desempenha um papel potencial na prevenção e terapia do câncer e condições crônicas, como doenças autoimunes, doenças cardiovasculares e infecções.

Vitamina D para que serve?

para que serve Vitamina D
para que serve Vitamina D

Esta vitamina cumpre algumas tarefas fundamentais para o funcionamento do nosso corpo. Principalmente isso:

  • Regula a absorção de cálcio pelo fortalecimento dos ossos,
  • Melhorar a saúde cardiovascular,
  • Estimula a produção de serotonina,
  • Fortalecer o sistema imunológico,
  • Prevenir o envelhecimento precoce,
  • Fortalecer ossos e dentes, tornando-os mais saudáveis,
  • Aumentar a produção de músculos,
  • Prevenir doenças como obesidade, diabetes, hipertensão e esclerose múltipla,
  • Melhorar o equilíbrio,
  • Prevenir alguns tipos de câncer, como os de cólon, de reto e da mama,

As vitaminas do grupo D, portanto, são essenciais para nossos ossos e também influenciam o estado de nosso humor.

Necessidade diária de Vitamina D:

A quantidade necessária de vitamina D por dia varia de acordo com a idade:

  • Crianças até 1 ano: 10 mcg;
  • Crianças maiores de 1 ano e adultos: 15 mcg;
  • Idosos com mais de 70 anos: 20 mcg;
  • Gestantes: 15 mcg.

Quantidade de vitamina D nos alimentos

Os Alimentos ricos em vitamina D são especialmente de origem animal, e a tabela a seguir traz a quantidade desta vitamina em cada 100 g de alimento.

Alimentos ricos em vitamina DPorçãoQuantidade de vitamina DCalorias
Óleo de fígado de bacalhau13,5 g34 mcg118 calorias
Arenque fresco100 g 23,57 mcg228,5 calorias
Salmão cozido 100 g12,5 mcg271,4 calorias
Ostras cruas100 g8 mcg 81 calorias
Sardinhas enlatadas 100 g7,5 mcg296,4 calorias
Leite Ninho fortificado100 g6,92 mcg 500 calorias
Ovo cozido100 g1,3 mcg 156 calorias
Fígado de galinha100 g1,31 mcg 136,9 calorias

Alimentos Ricos em Vitamina D

Alimentos Ricos em Vitamina D
Alimentos Ricos em Vitamina D

Os Alimentos Ricos em Vitamina D são dividida em alguns grupo. Além disso, Se a produção de vitamina D pelo corpo se revela insuficiente, é possível suprir o déficit através de alimentos com concentrações consideráveis de vitamina D.  Veja alguns dos Alimentos ricos em Vitamina D mais Populares.

Óleo de fígado de bacalhau:

O Óleo de Fígado de bacalhau tem sido um dos suplementos mais eficientes para suprir as necessidades de Vitamina D no organismo. Uma Cápsula de Óleo de Fígado de bacalhau , com 100 gramas de óleo, contém cerca de 250 mcg de vitamina D.

Gema de ovo:

A Gema de Ovo é um dos principais Alimentos Ricos em Vitamina D. Pois, ela contém 37 IUs de Vitamina D. Além disso, ovos são boas fontes de proteína e, apesar de serem associados ao colesterol, não estão ligados ao aumento de risco de problemas cardíacos.

Manteiga:

A acompanhante favorita daquele pãozinho da tarde a Manteiga também é uma boa fonte de Vitamina D. Cerca de 100 gramas de Manteiga possui 1,5 mcg.

Salmão:

O Salmão é um dos principais Peixes ricos em Vitamina D. pois, Existe um número grande de alimentos marinhos com altas doses de vitamina D. O Salmão está no topo da lista. Aproximadamente 100g do alimento enlatado oferecem 650 IUs, mais do que você precisa para um dia.

Queijos:

Uma fatia de queijo suíço contém cerca de 6 IUs, é menos processada e contém menos sódio do que o queijo americano. Um copo de ricota oferece 25 IUs, mas deve ser consumida com moderação, pois também possui gordura.

Atum enlatado:

Cerca de 100g de Atum enlatado e conservado em água fornece 154 IUs, quase um terço do que pede a recomendação diária. O Atum conservado em óleo contém ainda mais Vitamina D, no entanto, é mais gorduroso.

Ostras:

Os deliciosos frutos do mar também são uma ótima fonte de Vitamina D. Cada 100 gramas do alimento contém 2,025 mcg do nutriente.

Sardinha:

A Sardinha também é uma boa opção de Alimentos rica em Vitamina D é a sardinha. Duas latas destes pequenos peixes oferecem 46 IUs, que representam cerca de 13% do valor recomendado diariamente.

Iogurte:

Em sua versão desnatada, o iogurte também pode ser um grande aliado na reposição de Vitamina D no organismo. Cerca de 100 gramas do produto contém 0,1 mcg do nutriente.

Suco de laranja:

Além de fornecer outros nutrientes ao organismo, o suco de laranja contém, em cada copo de 200 ml, cerca de 2,2 mcg e 3,75 mcg de Vitamina D.

Leite:

Além de rico em outros nutrientes essenciais ao corpo, o leite também pode repor a quantidade de Vitamina D ideal para o corpo. Cerca de 100 ml de leite contém 2,5 mcg de Vitamina D.

Benefícios da Vitamina D

Benefícios da Vitamina D
Benefícios da Vitamina D

A Vitamina D desempenha muitas funções, essenciais para a saúde do organismo ; é especialmente importante para a absorção intestinal de Cálcio e Fósforo e para a sua deposição ao nível ósseo; além disso, algumas pesquisas mostrariam sua importância para a prevenção de algumas doenças .

Suas propriedades são indispensáveis para a saúde do esqueleto em todas as fases da vida, mas assumem um papel ainda mais importante, especialmente na criança e nos idosos . De fato, durante a fase de crescimento, a  Vitamina D promove um correto desenvolvimento do sistema esquelético; nos idosos, no entanto, uma deficiência de vitamina D pode ser a base da perda de massa óssea e causa de fraturas.

A Vitamina D também contribui para a saúde do cólon, pele, pâncreas, músculos e sistema nervoso . De acordo com estudos científicos recentes, também é muito importante para o sistema imunológico .

Fortalece Os Ossos:

Doses diárias de Vitamina D fortalece os ossos e reduzem o risco de osteoporose e fraturas na terceira idade. Além disso, também fortalece os dentes. Isso é possível, pois ela aumenta a absorção de cálcio e fósforo no intestino e facilita a entrada desses minerais nos ossos, que são essenciais para a sua formação.

Melhora A Imunidade:

A Vitamina D ajuda a melhorar o sistema imunológico e reduzir a inflamação no organismo, porque diminui a produção de substâncias inflamatórias e ajuda no combate a doenças autoimunes, como psoríase, artrite reumatoide e lúpus.

Regula o metabolismo:

A Vitamina D diminui a possibilidade da obesidade, pois não permite que o corpo acumule mais gordura do que precisa;

Previne O Câncer:

Um dos motivos para você consumir os alimentos ricos em Vitamina D, é por ela controlar a morte de células, diminuindo a formação de células deficientes que provocam o câncer, principalmente de mama, próstata, colorretal e renal;

Fortalece o coração:

Composta por substâncias que auxiliam na contração dos vasos sanguíneos, a Vitamina D regula a pressão arterial e previne o coração de sustos, como os terríveis infartos.

Previne a Diabetes:

A Vitamina D Ajuda a prevenir a diabetes. Ela atua na manutenção da saúde do pâncreas, que é o responsável pela produção de insulina;

Melhora a Saúde Hormonal:

Bons níveis de Vitamina D se relacionam também à saúde hormonal ao estimular a produção adequada de estrogênio nas mulheres e de testosterona nos homens. Além disso, A Vitamina D é sintetizada pelo corpo através da exposição ao sol, essa poderia ser uma explicação para o aumento da libido durante o verão.

Porém, não apenas a libido é influenciada pelos níveis corretos desses hormônios. A saúde em geral de mulheres e homens dependem dos seus bons níveis, que influenciam até mesmo o humor. Na falta desses hormônios, é sério o risco de desenvolvimento de um quadro de depressão.

O humor também se beneficia das funções Vitamina D através de sua influência em outro hormônio. O cortisol, um hormônio relacionado aos efeitos nocivos do estresse, é controlado e tem seus níveis diminuídos pela Vitamina D.

Previne Doenças Cardíacas:

Promove a produção de um hormônio que regula a pressão arterial; a Vitamina D também participa no controle da contração do músculo cardíaco e permite o relaxamento dos vasos sanguíneos. Além disso, também reduz o risco de mortalidade e aumenta a perspectiva de vida.

Deficiência ou Falta de Vitamina D:

Osteoporose por falta de vitamina D
Osteoporose por falta de vitamina D

A Vitamina D desempenha um papel vital no desenvolvimento da estrutura óssea: importante durante o período de crescimento, continua a ser um elemento sempre presente na dieta de pessoas de qualquer idade. Dor óssea e Fraqueza muscular são os sintomas da Deficiência ou Falta de Vitamina D mais comuns para aqueles que sofrem de estados deficientes. Em casos graves, o raquitismo e a osteoporose podem ocorrer.

É por isso que a deficiência de vitamina D pode criar problemas relacionados ao desenvolvimento irregular do osso , como o raquitismo e a osteoporose. Em particular, torna a absorção de cálcio difícil , importante para o desenvolvimento saudável da estrutura óssea.

A Falta de Vitamina D também pode ser acompanhada por sintomas relacionados ao músculo , como fraqueza, espasmos, cãibras e formigamento. Entre os sintomas também podem aparecer deformações esqueléticas e inchaço nas articulações.

A Deficiência ou Falta de vitamina D no organismo pode trazer alguns malefícios à saúde, sendo por isso manter a quantidade diária recomendada do nutriente no organismo. Veja, a seguir, quais são os principais sintomas da falta de vitamina D no corpo:

A absorção e a produção de vitamina D estão prejudicadas em algumas doenças, como insuficiência renal, lúpus, doenças de Crohn e doença celíaca.

Sintomas do Excesso de Vitamina D:

Excesso de vitamina D
Excesso de vitamina D

Os Sintomas do excesso de vitamina D no organismo são o enfraquecimento dos ossos e a elevação dos níveis de cálcio na corrente sanguínea, o que pode levar ao desenvolvimento de pedras nos rins e arritmia cardíaca.

Os principais sintomas do excesso de vitamina D são falta de apetite, náuseas,Vômitos, aumento da frequência urinária, fraqueza, hipertensão arterial, sede, coceira na pele e nervosismo. No entanto, o Excesso de vitamina D só ocorre devido ao uso exagerado de suplementos dessa vitamina.

Assim como a sua deficiência, a Vitamina D em excesso também pode causar efeitos colaterais indesejados no corpo, causada pela chamada hipercalcemia (nível elevado de cálcio no sangue). Veja:

  • Diarreias;
  • Enjoos;
  • Excesso de urina;
  • Perda de apetite;
  • Pressão alta;
  • Fadiga;
  • Sede excessiva;
  • Dores abdominais;
  • Confusão mental;
  • Fraqueza no corpo.

Suplementação de Vitamina D: 

A Suplementação de Vitamina D não é recomendada, exceto em casos de deficiência estabelecida: de fato, o excesso pode causar calcificação nos órgãos, vômitos, diarreia e espasmos musculares. Caso contrário, em caso de gravidez, é aconselhável prestar atenção aos níveis de Vitamina D: nestes casos, o corpo necessita de uma quantidade maior para permitir a formação do esqueleto do feto e do recém-nascido.

A melhor maneira de descobrir a deficiência ou Falta de vitamina D é realizar um teste de sangue, que irá medir o nível de vitamina. Por isso, inclua alimentos nutritivos em sua alimentação, tome sol de maneira saudável e use protetor solar.

5/5 (1 Review)
Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Alan Costa

Sou nutricionista e Personal Trainer. Me formei pela Universidade Federal do Tocantins em 2002, com registro profissional no CRN-4 nº 1509723, tenho especialização em Nutrição Esportiva, Treinamento Físico e treinos Curto de alta intensidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *