Ácido Láurico: Benefícios, Para que Serve e Como Usar!

Revisado por

Graduado em Nutrição!

Especialista do Dicas de Saúde

Ácido Láurico: Benefícios, Para que Serve e Como Usar!
4.8 (95.26%) 38 voto[s]

Ácido Láurico: Benefícios, Para que Serve e Como Usar da forma correta. Além disso, o Ácido Láurico é um tipo particular de ácido graxo encontrado em alimentos com gordura saturada. A única fonte melhor de Ácido Láurico é o coco, e de fato muitos dos benefícios do óleo de coco que foram bem estabelecidos em ambientes de pesquisa se devem à presença do Ácido Láurico. Como um ácido graxo de cadeia média (MLFA), também chamado de triglicerídeo de cadeia média (MCT), o Ácido Láurico faz parte da classe de compostos orgânicos conhecidos como lipídios.

Acido Laurico
Acido Laurico

Lipídios são outro nome para gorduras, os macronutrientes que são vitais para a saúde humana para a construção de membranas celulares e impedindo o corpo de entrar em um estado de “fome”. Todas as gorduras e óleos são compostos de cadeias de pequenos compostos chamados ácidos graxos, e sua estrutura química determina se eles são considerados saturados ou insaturados.

O corpo humano precisa de gorduras saturadas e insaturadas; na verdade, não podemos existir sem eles. Os ácidos gordos são incorporados em todas as nossas membranas celulares, amortecem e suportam os nossos órgãos, são utilizados para a produção de hormonas e são até uma valiosa fonte de energia.

Os alimentos que contêm gorduras também nos ajudam a absorver nutrientes lipossolúveis que são cruciais para a saúde em geral, e alguns ajudam a combater infecções virais e bacterianas também.

Embora muitas pessoas ainda temam comer fontes de gorduras saturadas como coco ou manteiga, esses alimentos fornecem inúmeros benefícios, além de ácidos graxos especiais, como Ácido Láurico – como vitamina A, vitamina D e vitamina E, além de potássio e magnésio.

O que é o Ácido Láurico?

O Ácido Láurico, também conhecido como ácido dodecanóico, é um ácido graxo saturado e principal componente dos lipídios presentes no coco (assim como em seus derivados: o leite de côco, o óleo de coco etc). Mas, também pode ser encontrado em outras fontes de lipídios de cadeia média, como o óleo de palma.

Além destas fontes as quais consumimos após a vida adulta, ele também pode ser encontrado em quantidades expressivas no leite materno. Ele é formado por 12 moléculas de carbono, 24 moléculas de hidrogênio e duas moléculas de oxigênio. Sua fórmula estrutural é CH3(CH2)10COOH.

Como o Ácido Láurico Funciona:

O Ácido Láurico é mais conhecido por suas propriedades antimicrobianas, já que é o precursor da monolaurina, um agente antimicrobiano mais poderoso que é capaz de combater vírus e infecções bacterianas.

Quando o Ácido Láurico é digerido, certas enzimas dentro do trato digestivo formam o tipo valioso de monoglicerídeos chamado monolaurina. Embora o próprio Ácido Láurico tenha habilidades de combate à doença, a monolaurina do Ácido Láurico é ainda mais capaz de inibir o crescimento de agentes patogênicos devido a fortes propriedades antimicrobianas e antibacterianas.

Por esta razão, durante séculos, os alimentos que contêm Ácido Láurico como o coco foram utilizados para o tratamento de infecções virais, incluindo influenza (gripe), infecções fúngicas, resfriado comum, febre, feridas e herpes genital.

Benefícios do Ácido Láurico:

Os principais benefícios da Ácido Láurico incluem:

Fortalece a Imunidade:

O Ácido Láurico é um alimento funcional formado por triglicerídeos de cadeia média, que em contato com o estômago se transformam em monolaurina – um potente antibactericida, antifúngico e antiviral, ou seja, age diretamente na imunidade.

Ele também é rico em vitaminas lipossolúveis (A,D,E e K), que controlam o colesterol, aumentam o HDL (gordura boa) e reduzem o LDL (gordura ruim), por isso o  Ácido Láurico tem efeito anti-inflamatório e antitrombótico.

Melhora o Metabolismo:

Ácido Láurico contém triglicerídeos de cadeia média (TCM). Estes ácidos graxos são rapidamente absorvidos, e podem aumentar a quantidade de calorias que você queima. Estudos afirmam que os TCMs podem aumentar significativamente a taxa metabólica, pelo menos temporariamente. Em média, 15-30 gramas dele aumentam o gasto de calorias, em cerca de 120 calorias durante um período 24 horas.

Hidrata Pele e Cabelos:

Ácido Láurico traz excelentes resultados para os cabelos e a pele, não só pelo uso oral, mas também no uso tópico. De acordo com a nutricionista, ele pode ser passado no cabelo antes de dormir, que o resulta em fios com mais brilho e menor queda. O potente óleo inibe a ação da enzima 5-alfa-redutase, o que evita a queda de cabelo, se o caso claro for alopecia idiopática.

Combate Infecções:

Ácido Láurico tem fortes propriedades antibacterianas, que podem ajudar a combater infecções. Um estudo descobriu que ele ajuda a parar o crescimento da bactéria intestinal Clostridium difficile; responsável por causar diarreia grave. Suas propriedades também são ótimas para combater várias outras bactérias e leveduras.

Ácido Láurico Emagrece?

Os TCMs (triglicerídios de cadeia média) há tempos têm sido utilizados com o princípio de auxiliar na redução das gorduras corpóreas, seja pela substituição energética com os carboidratos, por seus processos termogênicos ou por conta de estimularem a lipólise. Especialmente o Ácido Láurico possui todas essas capacidades.

Estudos são categóricos ao comparar pessoas as quais usaram e não usaram TCMs e/ou Ácido Láurico e relatam que as que fizeram uso, tiveram reduções na gordura corpórea muito mais significativas. Todavia, existem teorias as quais demonstram que o Ácido Láurico e os TCMs em geral podem ser uma substituição dos carboidratos no pós-treino, quando isso é uma irrealidade.

Na verdade, nem mesmo os carboidratos são necessários neste momento, portanto, os TCMs também são dispensáveis, mesmo que você esteja em um protocolo de perda de gordura corpórea.

0/5 (0 Reviews)
Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Leandro Almeida

Olá, meu nome é Leandro Cardoso de Almeida sou graduado no curso de Nutrição pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA) desde 2011 e Mestre em Nutrição Clínica pela Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto, Portugal. Atualmente atendo em consultório particular no Brasil e atuo como editor no site Dicas de Saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

Bromelaína

Bromelaína: O que é, Fatos, Para Que Serve, Como Tomar e Efeitos Colaterais

Sódio – O que é, Benefícios, Alimentos, Como Usar e Deficiências!