Scroll Top

Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Como Conquistar o homem dos seus Sonhos

Dicas de Saúde Doenças e Tratamentos

Gota – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos

Gota – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos e muito mais é o que você vai aprender a partir de agora, então continue conosco e desvende tudo sobre a Gota, doença essa que mata mais brasileiros a cada dia. Além disso, a Gota é uma doença caracterizada pela elevação de ácido úrico no sangue, o que leva a um depósito de cristais de monourato de sódio nas articulações.

É esse depósito que gera os surtos de artrite aguda secundária, que tanto incomodam seus portadores. É importante saber destacar que somente 20% das pessoas com a taxa de ácido úrico elevada (hiperucemia) desenvolverão a Gota que acomete mais os homens adultos do que as mulheres.

O que é a Gota: A Gota ou artrite gotosa, chamada popularmente de reumatismo nos pés, é uma doença inflamatória causada pelo excesso de ácido úrico no sangue que causa muita dor nas articulações. Os sintomas incluem o inchaço, a vermelhidão e a dor ao movimentar uma articulação, sendo que a mais afetada, geralmente, é a do dedão do pé, que fica dolorido, principalmente ao caminhar.

As crises da Gota têm cura, que pode ser alcançada com a alimentação para reduzir os níveis de ácido úrico no sangue e o uso de medicamentos anti-inflamatórios para controlar a dor e a inflamação, como o Ibuprofeno, o Naproxeno ou a Colchicina. No entanto, é importante controlar os níveis de ácido úrico no sangue para evitar que aconteçam crises de Gota e que surjam complicações que são irreversíveis, como deformações nas articulações, em forma de blocos.

Para controlar os níveis de ácido úrico no sangue, o reumatologista pode indicar o uso de remédios para bloquear a produção de ácido úrico, como o Alopurinol, ou remédios para ajudar os rins a eliminar o ácido úrico pela urina, como a Probenecida.

A Gota é causada pelo excesso de ácido úrico no sangue que se acumula formando cristais de uratose no sangue e é eliminado pela urina, porém, quando o corpo produz muito ácido úrico ou os rins eliminam pouco ácido úrico, ele pode se acumular nas articulações, formando cristais de urato que originam a Gota.

Causas da Gota: A Gota é causada pela presença de níveis mais altos do que o normal de ácido úrico na corrente sanguínea. Isso pode ocorrer se o corpo produzir ácido úrico em excesso ou se o tiver dificuldade de eliminar o ácido úrico produzido. Quando essa substância se acumula no líquido ao redor das articulações (líquido sinovial), são formados cristais de ácido úrico. Esses cristais causam inchaço e inflamação nas articulações. A causa exata da Gota, no entanto, é desconhecida.

Há registros da Gota desde muitos séculos antes de Cristo, época em que era conhecida como “enfermidade dos patrícios”. Houve uma epidemia de Gota na Roma Antiga e Inglaterra Vitoriana entre os séculos XVII e XIX, que durou aproximadamente 200 anos. Acredita-se que a intoxicação pelo chumbo, presente nos alimentos e no vinho, tenha sido a causa da epidemia de Gota que se disseminou entre os habitantes. Isso se deve porque o excesso de chumbo interfere na excreção de ácido úrico pelos rins.

Como na época a Gota estava muito relacionada à alimentação farta e não havia medicamentos que reduzissem as quantidades de ácido úrico no organismo, há registros de Gota em grandes nomes da História – como Alexandre, o Grande, Henrique VIII, Carlos Magno, Voltaire, Leonardo Da Vinci, Charles Darwin e Isaac Newton. Também por isso que a Gota foi, durante muitos anos, associada ao pecado capital da gula.

Sintomas da Gota: Gota é mais comum em homens na faixa entre 40 e 50 anos ou mulheres após a menopausa. Isso porque as mulheres no período fértil produzem maior quantidade do hormônio estrogênio (que auxilia no fluxo renal), e, após a menopausa, os índices desse hormônio diminuem e pode haver o favorecimento do depósito de ácido úrico nas articulações e o surgimento da Gota, quando não houver um bom controle alimentar. Alguns sinais da Gota são:

  • Intensa dor nas articulações, principalmente no momento da crise gotosa (que ocorre, principalmente, durante a noite). Após a crise, pode haver desconforto e rigidez no movimento articular;
  • Vermelhidão e inflamação;
  • Inchaço e possível formação de “caroços”;
  • Queimação na área atingida;
  • Febre, pois é a forma como o organismo tentará se proteger dos cristais depositados na articulação;
  • Dor repentina.

Tratamentos Para a Gota: Para tratar a Gota podemos distinguir dois tipos de tratamento: o tratamento da crise de Gota (1) e o tratamento que previne crises futuras (2):

Tratamentos da Crise de Gota – Medicamentos Para a Crise de Gota: Para acalmar a dolorosa crise de Gota, o médico dispõe principalmente de medicamentos analgésicos ou anti-inflamatórios como:

  • Anti-inflamatórios não-esteróidais (AINEs) como aqueles à base de diclofenaco, naproxeno e ibuprofreno a serem tomados, por exemplo, em forma de comprimidos. Evite a tomada de aspirina no tratamento da Gota, pois ela pode exercer influência sobre o ácido úrico e agravar os sintomas da Gota.
  • A colchicina (um antigotoso), que age contra a inflamação causada pelos cristais de ácido úrico. Entretanto, esse medicamento deve ser cuidadosamente avaliado devido a suas reações adversas, como náuseas, vômitos e diarreias.
  • Corticosteroides, como a prednisona e cortisona podem ser usados devido a sua ação anti-inflamatória. Podem ser administrados na forma de comprimidos ou em injeções nas articulações. Os corticosteroides normalmente são destinados a pessoas que não podem utilizar AINEs.
  • A prednisolona, um corticoide sintético, também é frequentemente utilizada em casos de crise de Gota. Um estudo de pesquisadores de Hong Kong foi publicado em fevereiro de 2016 na revista especializada Annals of Internal Medicine, mostrara que este medicamento é seguro (não leva a efeitos secundários graves), eficaz e pode se dizer que possui o mesmo efeito analgésico que a indometacina, um fármaco anti-inflamatório não esteroidal (AINE), em caso de Gota.
  • O canacinumab, um anticorpo dirigido contra a interleucina, utilizado em alguns pacientes. É prescrito quando outros medicamentos, como os AINEs e a colchicina são ineficazes ou contraindicados.

Tratamentos Preventivos da Crise de Gota: De início é aconselhado seguir determinados conselhos como uma mudança no estilo de vida (diminuição do álcool, consumo de carnes, etc), para tratar a Gota e limitar as futuras crises. Se a mudança do estilo de vida não surtir efeito, existe a possibilidade de o médico prescrever um medicamento muito eficaz para evitar e limitar novas crises de Gota, o alopurinol.

  • Em geral, o médico irá iniciar um tratamento medicamentoso preventivo à base de alopurinol somente se o paciente já tiver passado por diversas crises de Gota. É importante saber também que este medicamento diminui a concentração de ácido úrico no sangue, o que reduz a probabilidade de ter uma crise de Gota, mas será necessário tomá-lo regularmente, pois uma vez a interrompida a terapia, a probabilidade de uma crise pode aumentar. Trata-se então de um tratamento a ser tomado em um longo prazo.
  • Vale a pena notar que numerosas pessoas que se tratam com alopurinol por um ano e, em seguida, por exemplo, no segundo ano ou pelo menos algum tempo após, param a administração. Isso é perigoso porque provoca risco à saúde do paciente (Gota, complicações renais, etc). Essas terão que tomar o medicamento todos os dias e o médico ou farmacêutico podem ajudá-las a atingir esse objetivo.
  • Outro medicamento que também bloqueia a produção de ácido úrico é o febuxostato. Tanto o alopurinol quanto o febuxostato podem desencadear uma nova crise de Gota se tomados antes que uma crise recente seja totalmente curada.
  • A probenecida é um medicamento que aumenta a habilidade renal de excretar o ácido úrico. Desta forma, as concentrações de ácido úrico no sangue diminuem o que reduz o risco de desenvolvimento de Gota.

Receitas que Ajudam a Tratar a Gota: As receitas a seguir  podem ajudar a aliviar a dor, inchaço e reduzir a acumulação de ácido úrico no corpo.

  • Cereja:Cereja contém um flavonoide chamado antocianina, que é muito eficaz quando se trata de prevenir e combater a Gota. Este ingrediente é muito eficaz para a dor causada por Gota e diminuir os níveis de ácido úrico no corpo. Os especialistas recomendam comer 15 a 20 Cerejas por dia e adquirir um efeito calmante para a condição de Gota.
  • Banana: Banana tem Potássio presente em grandes quantidades, ela combate muito eficazmente a acumulação de cristais de ácido úrico derivados no nosso corpo. Além disso, a Vitamina C presente na Banana, também ajuda no tratamento da Gota. É recomendado comer entre 2 ou 3 bananas por dia para lidar com essa condição.
  • Vinagre de Maçã: O vinagre de maçã é uma das suas melhores opções. Esta acidez neste ingrediente é capaz de aliviar o inchaço em grande escala e dor causada por GotaAdicione uma colher de sopa de vinagre de maçã para um copo de água e beba esta mistura 2 ou 3 vezes por dia.
  • Sal de Epsom: Tome um banho quente em água quente com um pouco de sal Epsom para aliviar os sintomas de GotaEsta substância presente em magnésio, ajudam a regular a pressão sanguínea e relaxar todo o seu corpo, fazendo assim com que o inchaço e dor diminuir.
  • Suco de Limão: Suco de Limão pode também ser muito eficaz quando o tratamento da Gota, porque é um ingrediente totalmente alcalina que reduzir rapidamente os níveis de ácido úrico no corpo. Misture Suco de Limão com uma colher de sopa de bicarbonato de sódio, e, em seguida, adicione esta mistura em um copo de água e bebidas. Você vai se surpreender com os resultados!
  • Maça: O Ácido málico presente na maça, ajuda a reduzir rapidamente os níveis de ácido úrico no corpo. Se você quiser saber como fazer o tratamento da Gota e rapidamente reduzir os sintomas desta condição dolorosa, você pode comer 2 maçãs por dia é a solução mais prática e simples.
  • Bicarbonato de Sódio: O bicarbonato de sódio é um dos melhores remédios caseiros para tratar a Gota. Dissolve-se apenas meia colher de chá de bicarbonato de sódio em um copo de água, e beber esta mistura poderosa 2 ou 3 vezes por dia durante duas semanas consecutivas, a fim de tratar a Gota.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.