Doenças e Tratamentos

3 formas de reduzir o risco da doença de alzheimer em 50%!

formas de reduzir o risco da doença de alzheimer

Esta são as melhores formas de reduzir o risco da doença de alzheimer em 50%  de maneira simples e natural, pois a alzheimer é uma das causas mais comuns de demência. É a causa de 60 a 70 por cento dos casos de demência. Esta doença neurodegenerativa crônica geralmente começa lentamente e piora com o tempo. Os sintomas iniciais podem incluir perda de memória e dificuldades com o pensamento.

À medida que a doença avança, os sintomas podem incluir problemas de linguagem, alterações de humor, perda de motivação, não gerenciar o comportamento. A causa exata da doença de alzheimer não é conhecida. No entanto, cerca de 70% dos casos estão relacionados à genética. Outros fatores de risco incluem histórico de lesões na cabeça, depressão ou hipertensão.

formas de reduzir o risco da doença de alzheimer
formas de reduzir o risco da doença de alzheimer

Caso tenha um alto risco de sofrer da doença de alzheimer, fazer algumas escolhas alimentares pode ajudar muito. De fato, muitos alimentos podem melhorar a saúde cognitiva e reduzir o risco de desenvolver a doença.

Formas de reduzir o risco da doença de alzheimer:

1. Como reduzir o risco da doença de alzheimer com chá verde:

Quando se trata de alimentos ricos em antioxidantes para melhorar o poder do cérebro, o chá verde deve definitivamente ser incluído na lista de como reduzir o risco da doença de alzheimer. Sua natureza antioxidante suporta os vasos sanguíneos saudáveis no cérebro para que possa funcionar corretamente. Além disso, beber chá verde pode interromper o crescimento de placas no cérebro que está ligado a Alzheimer e ao Mal de Parkinson, os dois distúrbios neurodegenerativos mais comuns.

Outro estudo publicado em 2012 destaca os efeitos neurais do extrato de chá verde no córtex pré-frontal dorsolateral, que é importante para mediar o processamento da memória de trabalho no cérebro humano. Beba 2 a 3 xícaras de chá verde diariamente para proteger a saúde a longo prazo do seu cérebro.

2. Como reduzir o risco da doença de alzheimer com canela:

Uma especiaria popular que pode ajudar na quebra da placa do cérebro e reduzir a inflamação do cérebro que pode causar problemas de memória é a canela.
Canela é eficaz na prevenção, bem como reduzir o risco da doença de alzheimer, facilitando um melhor fluxo sanguíneo para o cérebro. Até mesmo inalar sua fragrância pode melhorar o processamento cognitivo e o funcionamento do cérebro relacionado à atenção, memória de reconhecimento virtual, memória de trabalho e velocidade visual-motora.

Um estudo de 2009 relatou que o extrato de canela inibe a agregação de tau e a formação de filamentos, duas características. Outro estudo publicado em 2011 relata que o extrato de canela administrado oralmente reduz a osteomerização da beta-amiloide e corrige o comprometimento cognitivo na doença de alzheimer em modelos animais. Mais pesquisas sobre seres humanos ainda são necessárias. Beba uma xícara de chá de canela diariamente, bem como polvilhe canela em pó na torrada, cereais, aveia, assados, saladas de frutas e smoothies.

3. Como reduzir o risco da doença de alzheimer com salmão:

Além disso, os ácidos graxos ômega-3 encontrados no salmão desempenham um papel importante de como reduzir o risco da doença de alzheimer e outras formas de demência. Em um estudo de 2007, pesquisadores descobriram que o ácido docosaexaenoico (DHA), um tipo de ácido graxo ômega-3, pode prevenir o desenvolvimento da doença de alzheimer. Pode retardar o crescimento de duas lesões cerebrais que são características desta doença neurodegenerativa.

Um recente estudo de 2016 descobriu que o consumo de frutos do mar está associado com menos neuropatologia. No entanto, se houver níveis mais altos de mercúrio no cérebro, isso funcionaria contra. Para reduzir o risco da alzheimer, apenas 1 porção de salmão por semana é tudo o que você precisa.

alzheimer
alzheimer

Um estudo de 2014 relatou que o óleo de coco atenua os efeitos da beta amiloide nos neurônios corticais.Além disso, os péptidos beta amiloides estão associados a doenças neurodegenerativas. Apenas 1 colher de sopa de óleo de coco extra-virgem diariamente melhorará o funcionamento cognitivo e a memória em pessoas de todas as idades, incluindo idosos.

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

Deixe um comentário