Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Dicas de Saúde Dieta e Nutrição Doenças

Os 6 Efeitos Colaterais do Repolho Para Saúde

Os 6 Efeitos Colaterais do Repolho Para Saúde
Gostou do post? Avalie!

Os Efeitos colaterais do Repolho Para Saúde são diversos e poucas pessoas sabem disso. Além disso, o Repolho pode ser tanto amigo quanto inimigo da nossa Saúde! O Repolho Contém quantidades significativas de rafinose (um açúcar indigestível), que pode bloquear os intestinos causando flatulência ou provocando um ataque de diarreia. As mães recentes devem evitar o consumo, pois pode proporcionar cólica à seu bebê. O consumo excessivo associado à deficiência de iodo pode resultar em hipotiroidismo.

Você ama o Repolho? Se estiver consumindo uma grande quantidade de vegetais crucíferos, deve saber que eles possuem alguns efeitos colaterais. Caso esteja consumindo grandes quantidades de Repolho para aliviar as dores de estômago, úlceras, ou outras doenças,  você deve ler este artigo.

O resultado de vários estudos epidemiológicos indica que um adulto com boa saúde deve consumir cerca de cinco porções por semana de vegetais crucíferos. Tente consumir meia xícara Repolho ralado por porção. Lembre-se que cada um de nossos corpos reage de uma maneira diferente. Então, o que pode ser facilmente digerido por uma pessoa, não pode ser para você. Você precisa descobrir os limites do seu próprio corpo e verificar quais alimentos você pode comer sem esses efeitos colaterais. Confira: Os 6 Efeitos Colaterais do Repolho Para Saúde:

Aumenta a Flatulência: Gazes ou Flatulência. Possivelmente o mais infame de todos os Efeitos Colaterais do Repolho. Este é um dos quais você, provavelmente, já ouviu falar. E é verdade. Assim como o brócolis, couve-flor, farelo e feijão, o Repolho também não é facilmente digerido pelas enzimas do intestino delgado. Quando atingem o cólon, as bactérias agem, criando gazes. Se você estiver sentindo flatulência ou inchaço, abster-se deste vegetal é a única maneira de interromper o problema.

Hipotireoidismo: Consumir Repolho em excesso pode interferir no funcionamento normal da tireoide. Isso ocorre porque não permite a captação de iodo pela tireoide para prosseguir normalmente. Consumir o Repolho durante um longo período em grandes quantidades, pode resultar em uma deficiência de iodo, e até mesmo desenvolver hipotireoidismo ou bócio. Você pode come-lo ocasionalmente.

Mas, não exagere, especialmente se tiver comendo outros alimentos como couve, couve-flor, espinafre, pinhões, mostarda verde, nabos, couves de Bruxelas, brócolis ou milho, o que pode prejudicar a função da tireoide e produzir os mesmos Efeitos Colaterais do Repolho.

Diarreia: Aqueles que têm doenças digestivas, como a síndrome do intestino irritável, devem evitar o Repolho, que é rico em rafinose (um tipo de açúcar chamado trisacarídeo) e que não é facilmente digerido. O Repolho contém muita fibra insolúvel – a média é que 100 gramas de Repolho cru têm cerca de 2,5 g de fibra. Toda essa fibra que é boa para seu sistema digestivo, quando tomada em excesso, pode ser problemática. Os Efeitos Colaterais do Repolho podem acabar bloqueando seus intestinos ou provocando uma diarreia.

Hipoglicemia: Quando se trata de regular os níveis de açúcar no sangue, o Repolho pode ser tanto amigo quanto inimigo. Embora tenha a capacidade de baixar os níveis de glicose no sangue, o consumo de grandes quantidades pode causar uma queda nos níveis de açúcar. Isso pode causar hipoglicemia, caso não seja cuidadoso.  Por isso fique sempre alerta com os Efeitos Colaterais do Repolho que podem provocar uma grande queda dos níveis de açúcar em seu sangue.

Cólica em Bebês Durante a Amamentação: Lembra que o Repolho causa acumulação de gás e flatulência em adultos? Se você é uma mãe que está amamentando, uma pesquisa mostra que os Efeitos Colaterais do Repolho podem produzir impacto em bebê. Em geral, sugere-se que elimine qualquer alimento que cause cólicas no bebê.

Interação com Anticoagulantes: O Repolho contém 38,2 g de Vitamina K, uma ajuda natural à coagulação. Uma vez que os remédios anticoagulantes e antiplaquetários evitam a coagulação, a Vitamina K pode retirar o efeito ou alterar a sua eficácia. É por isso que você deve falar com o seu médico para evitar Efeitos Colaterais do Repolho.

Este artigo foi útil?
1 Estrelas2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Avalie este post)
Loading...

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

1 Estrelas2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Avalie este post)
Loading...

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.