Dicas de Saúde Efeitos Colaterais

Os 11 Efeitos Colaterais do Kiwi Para Saúde

Os 11 Efeitos Colaterais do Kiwi Para Saúde

Revisado por

Educação Física pela UGF

Especialista do Dicas de Saúde

Os 11 Efeitos Colaterais do Kiwi Para Saúde
4.8 (95.96%) 267 votos

Os Efeitos Colaterais do Kiwi. Além disso, o que pode ser benéfico para alguns pode ser maléfico para outros. O Kiwi é um fruto muito popular que tem uma alta reserva de vitamina C. É como uma laranja com carne verde brilhante. Ele é salpicado com pequenas sementes pretas que dão um toque tropical as saladas de frutas. Esta fruta está disponível durante todo o ano. Na Califórnia, o Kiwi é cultivado em novembro no mercado e continua até maio. Então, confira agora, Os 11 Efeitos Colaterais do Kiwi.

Efeitos Colaterais do Kiwi

Reações alérgicas: Pode-se desenvolver reações alérgicas devido ao consumo de kiwis. É importante ser cauteloso ao consumi-los. Muitos indivíduos, que consumiram kiwis em grandes quantidades, relataram sensibilização cruzada e diferentes tipos de alergias.

Erupções e inchaço: De acordo com estudos, verificou-se que o excesso de kiwi pode levar ao inchaço. A anafilaxia também pode ocorrer em pessoas que consumem kiwi excessivamente. A erupção, asma e urticária também são comuns. Também pode levar à irritação local da boca.

Síndrome da Alergia Oral (SAO): Muitas pessoas relataram a síndrome de alergia oral devido ao excesso de kiwi. A síndrome inclui inchaço da boca, lábios e língua. Ele também leva a sensações de formigamento e coceira na boca.

Dermatite: Indivíduos que consomem grandes quantidades de kiwi em uma base diária podem desenvolver distúrbio de pele, como dermatite.

Interação com Alguns Tipos Específicos de Remédios: De acordo com muitas pesquisas, verificou-se que este fruto tem atividades antifúngicas e pode levar a efeitos viciantes quando ingerido com outros medicamentos antifúngicos. Ele aumenta as chances de sangramento, se tomado com tipos específicos de medicamentos. Alguns desses fármacos são anticoagulantes, aspirina, heparina, antiplaquetários e anti-inflamatórios não esteroides.

Pancreatite: O consumo excessivo de kiwi pode levar a pancreatite aguda. Este saboroso fruto vem enriquecido com potássio, serotonina e vitamina C e E. As doses elevadas destes componentes podem alterar o nível de triglicerídeos no sangue, o que pode prejudicar o pâncreas a longo prazo.

Diarreia e colapso: O consumo excessivo de kiwi também leva a vômitos, náuseas e diarreia. Também pode levar a desmaios e dificuldade em engolir.

Alergia ao látex: De acordo com alguns estudos descobriu-se que a maioria das pessoas com alergia ao látex também são propensas a desenvolver alergia ao kiwi. Se você tem reações alérgicas ao látex, então você deve evitar o consumo de kiwi e produtos com kiwi.

Aleitamento materno e gravidez: Se você é mãe em estado de lactação ou está grávida, consulte o seu médico sobre a dosagem de kiwi. Comer esta fruta durante a gravidez pode afetar sua saúde negativamente.

Aumenta o Efeito de Remédios: De acordo com diversos estudos, foi constatado que este fruto tem atividades antifúngicas e pode conduzir a efeitos aditivos quando comido com outros medicamentos antifúngicos. Ele aumenta a probabilidade de hemorragia, se tomado com esses tipos específicos de remédios. Alguns dos medicamentos anticoagulantes são aspirina, heparina, drogas anti-plaquetas e anti-inflamatórios não-esteroides.

Interações Com Suplementos Dietéticos e Ervas: Como mencionado antes, o Kiwi tem propriedades antifúngicas. Por isso, leva a um efeito viciante quando comida com outros antifúngicos. O Kiwi tem uma elevada concentração de serotonina. Os inibidores seletivos da recaptação da serotonina (ISRS) podem alterar os níveis de serotonina no corpo humano. Geralmente, aumenta o nível de serotonina. Assim, os ISRS e Kiwi pode levar a efeito sinérgico sobre os níveis de serotonina.

0/5 (0 Reviews)
Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.