Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Dicas de Saúde

Como Acabar com a Cólica em Poucos Minutos

Como Acabar com a Cólica em Poucos Minutos pode ser uma ótima alternativa para se livra da Cólica. Além disso, as mulheres mais jovens sofrem mais, pois o corpo ainda está se “entendendo” com a produção de prostraglandina, uma espécie de hormônio. E o movimento de contração do útero ocorre para eliminar o endométrio após não haver fecundação.

O que é a Cólica: A Cólica é uma dor que ocorre em órgãos ocos, especialmente estômago, intestino e útero. Caracteriza-se por ciclos de dor intensa, com aumento gradual da intensidade até um pico e depois melhora lentamente. As causas mais comuns de Cólica são a síndrome do intestino irritável e a Cólica menstrual.

A menstruação é muito propensa a desenvolver Cólica no abdômen de severidade variável que pode irradiar para a região lombar e coxas. A Cólica menstrual são chamadas de dismenorreia, e podem ser tratadas com ibuprofeno, exercícios de alongamento ou com a aplicação de calor com banhos quentes ou bolsas de água quente. A Cólica menstrual que não respondem ao tratamento podem ser sintoma de uma endometriose ou de problemas de saúde.

Outros Dados Sobre a Cólica:

  • 22% das mulheres com endometriose têm desinteresse constante por sexo, contra 4% das sadias
  • 36% ficam mais tensas e ansiosas quando o parceiro quer fazer sexo
  • 30% têm menos que duas relações sexuais por semana (contra 10% a 12%, entre as que não apresentam a doença)
  • 30% estão insatisfeitas com a capacidade de trabalhar (contra 8% a 10% das que não têm endometriose)
  • 25% afirmam não terem – ou terem muito pouca – energia para o dia a dia
  • 33% acham que a dor física as impede extremamente de fazer o que precisam
  • 45% necessitam de tratamento médico para conseguir fazer as atividades diárias (contra apenas 10% a 12% das demais)
  • 30% têm frequentemente sentimentos negativos, como mau humor, desespero, ansiedade e depressão (contra 14% a 15% das mulheres sadias)

Fatores de Risco Para Cólica: O principal fator de risco é a idade; a Cólica são comuns em mulheres antes dos 20 anos e vão melhorando conforme a mulher envelhece. Entretanto, algumas pacientes podem continuar apresentando quadros de Cólica menstrual muito incômodos mesmo com o passar com anos. Entre os fatores de risco para a dismenorreia, podemos citar:

  • Menarca (primeira menstruação) antes dos 12 anos.
  • Índice de massa corporal (IMC) menor que 20 ou maior que 30.
  • Menstruação volumosa ou com duração de vários dias.
  • Ciclos menstruais irregulares.
  • Tabagismo.
  • História familiar de dismenorreia.
  • Nuliparidade (nunca ter tido filhos).

Tipos de Cólica Menstrual: Há dois tipos de Cólica menstrual: primária e secundária.

Dismenorreia Primária: Essa é uma palavra grande para a Cólica menstrual comuns causadas pelo seu ciclo menstrual e não é uma doença. Você pode sentir uma dor, mais forte ou mais fraca, na parte inferior do seu abdômen, costas e coxas. A dor começa antes da sua menstruação e normalmente dura entre 12 a 72 horas. Esse tipo de dismenorreia é mais comum em mulheres jovens e frequentemente fica menos intensa a partir dos 20 anos e após a gravidez.

Dismenorreia Secundária: Esse tipo de dismenorreia é normalmente causada por uma disfunção dos órgãos reprodutivos. Algumas dessas condições incluem a endometriose, a fibroide, os cistos ou uma infecção. Ela também pode ser causada pelo uso de dispositivo intrauterino (DIU), que é uma forma de contraceptivo. A dor normalmente começa no início do ciclo menstrual e dura mais tempo que a dismenorreia primária.

Sintomas da Cólica: O principal sintoma é a dor em Cólica no baixo ventre, de intensidade variável, que se irradia para as costas e membros inferiores, durante a menstruação. É uma dor aguda e intermitente, às vezes incapacitante, com curtos períodos de acalmia. Quando muito forte, pode estar associada a outros sintomas como náuseas, vômitos, dor de cabeça e nas mamas, inchaço.

Tratamentos e Cuidados Para a Cólica: Um mal que atinge grande parte das mulheres em idade fértil, a Cólica menstrual é uma dor na região pélvica que é provocada pela liberação da prostaglandina, substância que faz com que o útero contraia para a eliminação da camada interna do útero em forma de sangramento. As fortes dores podem ter como causa o ciclo menstrual ou patologias do aparelho reprodutivo, como miomas, tumores ou endometriose.

Quando as dores severas passam a ser rotina na vida de uma mulher, é preciso procurar um ginecologista para investigar o motivo desse incomodo, estabelecendo o diagnóstico correto por meio de exames clínicos e laboratoriais para iniciar o tratamento.

Se o motivo da dor é apenas reflexo dos hormônios do período menstrual, o melhor tratamento consiste na praticar exercícios físicos para a liberação de endorfina e relaxamento do corpo, ingestão e alimentos ricos em fibra e a aplicação de bolsas de água quente já são suficientes para aliviar as dores. Mas, se a Cólica tiver fundo patológico, é necessário fazer a ingestão de medicamentos de acordo com orientação médica. Para saber o tratamento ideal para sua Cólica menstrual procure um médico ginecologista para ele, como um especialista no assunto, possa te dar o diagnóstico correto e iniciar o melhor tratamento para você.

Tratamentos Caseiros Para Cólica Menstrual: As ervas podem ajudar as mulheres em uma variedade de problemas associados ao ciclo menstrual, como dores, fluxo intenso, ciclo irregular, tensão pré-menstrual, menopausa e também infecções vaginais. Veja agora Como Acabar com a Cólica em Poucos Minutos:

Chá de Orégano: O orégano é fantástico, sendo inclusive um excelente tratamento caseiro para Cólica menstrual. Possui ação diurética, sudorífera, eliminando as toxinas do organismo, podendo ser utilizado em casos de Cólica menstrual e dores de cabeça. Deixe ferver 1 xícara de água. Em seguida coloque 1 colher rasa de sobremesa orégano. Deixe agir por 10 minutos e coe. O chá de orégano pode ser tomado durante todo o mês.

Chá de Camomila: A camomila é calmante e antiespasmódica. As infusões e tinturas aliviam a Cólica e o estresse. Deixe ferver 1 xícara de água. Em seguida coloque 1 colher de sobremesa de flores de camomila. Deixe agir por 10 minutos e coe. O chá de camomila pode ser tomado durante todo mês.

Chá de Gengibre: O gengibre para dor menstrual é uma boa solução, pois ele possui propriedades analgésicas e anti-inflamatórias que diminuem a dor, muito presente antes ou durante a menstruação. Deixe ferver 1 xícara de água. Em seguida coloque 1 colher de sobremesa de gengibre ralado. Deixe agir por 10 minutos e coe. Tome uma xícara nos dias da menstruação. O chá de gengibre pode ser tomado também durante todo o mês.

Como Tomar os Chás Para Cólica Menstrual? O chá pode trazer muitos benefícios à nossa saúde, porém é bom sempre ter cautela na hora da quantidade. Para fazer os efeitos benéficos e não ter efeitos desagradáveis, o ideal é que se tome no máximo 2 xícaras ao dia. Então você pode escolher uns 2 tipos de chá da sua preferência e tomar sem medo. Você também pode fazer apenas um tipo de chá, misturando os tipos de ervas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.