Erva Moura – Origem, Benefícios e Efeitos Colaterais

Revisado por

Graduado em Ciências da Nutrição!

Especialista do Dicas de Saúde

A Erva moura é uma planta. Originalmente, a erva moura era chamado de “pequeno morel” para distingui-lo das espécies mais venenosas, a beladona, que é conhecida como “grande morel”. As pessoas usam toda a planta da erva moura, incluindo folhas, frutas e raízes para fazer remédios.

Erva Moura

Possui os nomes de maria pretinha, maria-preta, aguarágua, aguaraquiá, aguaraquiá-açú, araxixu, caaxixá, carachichu, caraxiocu, caraxixá, caraxixu, erva de bicho, erva-mocó, guaraquim, guaraquinha, pimenta de cachorro, pimenta de galinha, pimenta de rato, sué e erva-de-santa-maria e é classificada como uma planta medicinal.

Apesar das preocupações graves de segurança, a erva moura tem sido usado para irritação do estômago, cólicas, espasmos, dor e nervosismo.

Algumas pessoas aplicam erva moura diretamente à pele para um problema de pele chamada psoríase, hemorroidas e infecções profundas da pele (abscessos). As folhas frescas e machucadas são colocadas na pele para tratar o inchaço (inflamação), queimaduras e úlceras.

Benefícios da Erva de Moura:

Indicada para o uso externo no tratamento de pitiríase versicolor ou pano branco, feridas e úlceras (uso tópico das folhas contusas), inflamações, áreas intumescidas, irritadas e dolorosas, dartros, furúnculo, panarício, queimaduras, psoríaseEczema, escrófulas, abcesso, acnedermatiteerisipela, exantema, leucorreia, pústulas e vaginite.

Internamente para o tratamento de asmaamigdaliteanemiaCirrose, cólicas, DiarreiasEscorbutoGastriteMeningite, paludismo, úlcera gástrica, terror noturno, excitação nervosa, cólica e afecções urinárias, gastralgia, crises hepáticas, espasmos vesicais, distúrbios digestivos e ginecológicos e Hemorroidas.

Efeitos Colaterais e Segurança:

A erva moura é inseguro para ser tomada por via oral. Contém uma substância química tóxica chamada solanina.

Em doses menores, pode causar náusea, vômito, dor de cabeça e outros efeitos colaterais. Em doses mais altas, pode causar envenenamento grave.

Os sinais de envenenamento incluem batimentos cardíacos irregulares, dificuldade para respirar, tontura, sonolência, contração dos braços e pernas, cólicas, diarreia, paralisia, coma e morte.

erva moura Benefícios

Não há informações suficientes sobre se é seguro aplicar a erva moura diretamente na pele.

Gravidez e Amamentação:

É inseguro consumir erva moura caso esteja grávida. Pode causar defeitos congênitos.

Dosagem:

A dose apropriada de erva-moura depende de vários fatores, como idade, saúde e várias outras condições. Neste momento, não há informações científicas que determinam uma quantidade adequada de erva-moura.

Tenha em mente que os produtos naturais nem sempre são seguros e que as dosagens podem ser importantes. Siga as instruções relevantes nos rótulos dos produtos e consulte seu farmacêutico, médico ou outro profissional de saúde antes de usar.

0/5 (0 Reviews)
Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Rafael Cardoso

Com mais de 5 anos de experiência, Rafael Almeida é Graduado em Ciências da Nutrição pela Universidade Ceuma desde 2012. Atua em Atendimento Clínico-Nutricional, com foco no bem estar e qualidade de vida do paciente, através da reeducação alimentar e acompanhamento nutricional, com planos alimentares personalizados, de acordo com o objetivo e avaliação clínica individual, comprometido com o sucesso do tratamento de seus pacientes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

brotos de alfafa (1)

Os 7 Benefícios dos Brotos de Alfafa Para Saúde!

Febre Tifoide

Os 11 Remédios Caseiros Para Tratar a Febre Tifoide!