Como Acabar com a Micose nos Seios em 3 Dias!

Revisado por

Formado em Medicina pela USP!

Especialista do Dicas de Saúde

Como Acabar com a Micose nos Seios em 3 Dias!
4.8 (95.01%) 453 voto[s]

Como Acabar com a Micose nos Seios em 3 Dias! que qualquer um pode realizar. Além disso, a coceira na região dos seios é um problema relativamente comum entre as mulheres, mas que também pode ocorrer nos peitorais masculinos. Ela pode ser causada por coisas leves e comuns, como o uso de um novo sabonete ou creme, ou por problemas mais sérios. Preste bastante atenção nos sintomas para descobrir o melhor tratamento para acabar com esse problema incomodo e até mesmo doloroso.

Acabar com a Micose nos Seios

Micose nos Seios o que é: Os fungos precisam de ambientes úmidos, quentes e com pouca luz para viver. Por conta disso, a virilha, as axilas e a região abaixo dos seios são os pontos mais comuns para o surgimento das infecções fúngicas.

A região abaixo dos seios é conhecida como sulco inframamário. Esta é uma área propícia para o crescimento de fungos como o ‘Candida albicans’, um causador comum de infecções em humanos.

O fungo’ Candida’ albicans também é conhecido por causar infecções vaginais e bucais.
Não há nenhum efeito sério decorrente de uma infecção de candida abaixo dos seios, exceto um escurecimento possivelmente permanente da pele. É possível que a condição se espalhe.

Evite Coçar os Seios. Por mais difícil que seja resistir à tentação de coçar os seios, tenha força para evitar problemas futuros.

  • Coçar irrita mais a área e causa lesões, o que pode fazer com que você sinta ainda mais coceira.
  • Pressione suavemente a base da palma da mão contra a região e massageie-a. Se isso não for suficiente, coloque um paninho fresco na área para reduzir a coceira.
  • Algumas pessoas se coçam durante o sono não intencionalmente. Tente cobrir as unhas com curativos ou colocar meias nas mãos para não se coçar.
  • Os fungos precisam de ambientes úmidos, quentes e com pouca luz para viver.
  • Por conta disso, a virilha, as axilas e a região abaixo dos seios são os pontos mais comuns para o surgimento das infecções fúngicas.
  • A região abaixo dos seios é conhecida como sulco inframamário.
  • Esta é uma área propícia para o crescimento de fungos como o ‘Candida albicans’, um causador comum de infecções em humanos.
  • O fungo’ Candida’ albicans também é conhecido por causar infecções vaginais e bucais.
  • Não há nenhum efeito sério decorrente de uma infecção de candida abaixo dos seios, exceto um escurecimento possivelmente permanente da pele.

Micose nos Seios Quais os Tratamentos: Você pode alterar o ambiente que está promovendo o crescimento fúngico ou utilizar medicamentos antifúngicos prescritos por um médico para tratar a infecção associada ao intertrigo abaixo dos seios.

  • Evite que a pele sofra atrito com ela mesma para evitar que a umidade se acumule na região.
  • Utilize um sutiã com o tamanho adequado e que evite que o tecido mamário se apoie contra a região da barriga para que não aja acumulo de transpiração na região.
  • Se necessário, coloque um adesivo de curativo esterilizado ou um paninho seco e limpo na base do sutiã para absorver a transpiração excessiva e evitar o toque entre as camadas de pele.
  • Vista um sutiã limpo por dia. Sempre utilize blusas soltas e de tecidos respiráveis como o algodão.
  • Tire o sutiã sempre que possível e coloque um tecido limpo e seco entre as dobras da pele.
  • Os homens devem evitar camisetas apertadas e de tecidos que estimulem a transpiração.
  • Se possível, vista uma camiseta de algodão por baixo de camisas para absorver a umidade.

OBS: O mais importante é que as pessoas busquem informação, conheçam as opções de tratamento que podem ser utilizadas e juntamente com um profissional de sua confiança iniciem o quanto antes o seu tratamento.

0/5 (0 Reviews)

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Osmar da Costa Junior

Sou formado em medicina pela USP no ano de 2012. Atuo na área de estudo e orientação inicial de doentes; Coordenação de exames de saúde regular; Diagnóstico e tratamento de grande parte das doenças de adultos; Acompanhamento e tratamento de doentes crônicos; Orientação de pacientes que apresentam quadros complexos, com patologias raras e múltiplas, juntamente com a participação de outros especialistas, quando for necessário; Integração final de dados clínicos e exames complementares, decorrentes da observação dos pacientes por outro especialista.

Atualmente sou Clinico Geral residente no Hospital Regional de Cotia e Editor no site "Dicas de Saúde" onde tenho participação com comentários, e criação de artigos relacionados a saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

Pressão Alta

Pressão Alta – Causas, Sintomas e Tratamentos

Receita Caseira Para Melhora a Circulação Sanguínea