Os 10 Benefícios do Wasabi Para Saúde!

Revisado por

Nutrição - CRN6-MA 16199

Os 10 Benefícios do Wasabi Para Saúde!
4.8 (95.76%) 151 votos

Os Benefícios do Wasabi Para Saúde são excelentes. Além disso, o Wasabi possui ricas propriedades medicinais que favorecem toda a saúde o corpo humano. Você está procurando por um vegetal que ajuda a manter seu coração saudável? Quer saber se existe algum ingrediente que elimine as toxinas do seu corpo também? Então este vegetal é o que você deve ser incluído em sua dieta.

Benefícios do Wasabi
Benefícios do Wasabi

O Wasabi possui uma série de benefícios. Você gostaria de saber quais são? Então, conheça agora os Benefícios do Wasabi Para Saúde:

Benefícios do Wasabi Para Saúde:

1. Ajuda na Perda de Peso:

Tentando perder peso este ano? Este vegetal pode lhe ajudar. É um delicioso alimento de baixa caloria que é frequentemente cozido com ervilhas. Servido como um lanche na maioria das vezes, o Wasabi é adequado para todos aquelas pessoas ansiosas para perder peso. É um substituto melhor comparado a outros lanches altamente calóricos e contém nutrientes para nutrir seu corpo.

2. Benefícios do Wasabi Para Saúde Digestiva:

Este vegetal também cuida muito bem do seu sistema digestivo. Combate todas as toxinas nocivas e limpa o intestino. É rico em fibras, que previne a constipação, problemas com gases, inchaço, arrotos, etc.

3. Melhora a Saúde do Coração:

Um dos benefícios mais surpreendentes deste vegetal para saúde é a sua capacidade de melhorar a saúde do seu coração. Reduz as chances de ataques cardíacos, impedindo a agregação de plaquetas. O Wasabi evita que as plaquetas se colem, o que pode ser muito prejudicial se assim for.

4. Benefícios do Wasabi Contra o Câncer:

O Wasabi tem uma associação próxima com vegetais como brócolis e repolho que contêm substâncias químicas cujo podem melhorar a saúde do fígado. Os produtos químicos neutralizam com sucesso as substâncias tóxicas que provocam o câncer após um período. Segundo estudos, o Wasabi é bom para aumentar a imunidade e controlar os efeitos cancerígenos.

Wasabi
Wasabi

5. Age Como Desinfetante Natural:

O Wasabi também pode ser usado como um desinfetante natural. Surpreso? Sim! Wasabi combate bactérias pylori que provocam a infecção.

6. Benefícios do Wasabi no Combate a Artrite:

O Wasabi vem com propriedades anti-inflamatórias que oferecem alívio de dores nas articulações. Os isotiocianatos disponíveis no Wasabi o tornam menos propenso a doenças intestinais e asma.

7. Melhora a Saúde da Pele:

Este vegetal contém sulfinil, que combate o envelhecimento e ajuda a conseguir uma tonalidade de pele impecável e brilhante. Sulfinil é um poderoso antioxidante que reduz o oxigênio reativo no corpo. Não somente isso, o Wasabi  ajuda no combate ao câncer e reduz o processo de decomposição.

8. Benefícios do Wasabi Para Melhorar Circulação Sanguínea:

O Wasabi também pode ajudá-lo a melhorar a circulação sanguínea. Evita a aglomeração de coágulos sanguíneos e previne acidentes vasculares cerebrais. Seus benefícios circulatórios ajudam no mantimento da pele macia e clara.

9. Combate Frio e Alergias:

A deglutição deste vegetal pode ajudá-lo a impedir o frio e alergias. Combate bactérias e gripes causadoras de patógenos que tendem a infectar o trato respiratório.

10. Benefícios do Wasabi Contra a Intoxicação Alimentar:

Este vegetal pode prevenir a intoxicação alimentar, neutralizando todos os esporos de fungos. Especialistas sempre recomendaram adicionar um toque dele para evitar que a comida estrague.

Como Selecionar o Wasabi:

Os pós e pastas de Wasabi são bastante populares na maioria dos mercados e mercearias nos EUA. Às vezes, elas não são feitos de Wasabi real. Muitas vezes o produto que é vendido é de muito má qualidade.

O pó deste vegetal contém pó de mostarda, amido de milho e corantes artificiais. Como as plantas este vegetal são muito peculiares quando se trata de necessidades, o Wasabi real custa muito mais do que o rábano. Então, quando estiver selecionando Wasabi , por favor, escolha somente aqueles que têm raízes frescas, limpas e irrestritas. Você também deve seguir esta regra enquanto estiver comprando verduras.

Como Armazenar o Wasabi:

Para armazenar as raízes de Wasabi, você precisa envolvê-las em uma toalha que seja preferencialmente úmida. Leve à geladeira somente quando não estiver sendo usado. Apare corretamente e remova todos os pontos. O Wasabi geralmente dura aproximadamente 30 dias. As folhas deste vegetal devem ser mantidas dentro da geladeira o mais rápido possível.

Como Usar Wasabi ao Cozinhar:

Caso queira usar o vegetal durante o cozimento, aqui está o método mais simples que pode ser tentado!

  • Selecione a raiz de Wasabi mais fresco. As raízes devem estar sem rugas.
  • Agora remova as folhas com a ajuda de uma faca.
  • Prepare o vegetal tirando todos os solavancos e marcas. O vegetal deve estar limpo.
  • Compre um ralador fino para remover a quantidade do vegetal que realmente gostaria de usar.
  • Reúna o Wasabi ralado. Forme e pressione em uma bola.
  • Deixe descansar por dez minutos antes de servir. Isso adicionará mais sabor.

Pasta de Wasabi Fresco:

A pasta Wasabi é tão fácil de preparar . Siga as instruções cuidadosamente antes de aplicar.

  • Misture quantidades iguais de pó de Wasabi e água.
  • Agite a mistura até que tenha sido completamente combinado.
  • Você pode manter a pasta fresca colocando-a dentro de um recipiente.
  • Misture deixando descansar por 15 minutos.
  • Isso irá melhorar o sabor.

Como Cultivar o Wasabi:

Muito apreciada na culinária japonesa, seu cultivo vem aumentando também no ocidente, principalmente porque a produção japonesa de Wasabi não atende nem mesmo a sua própria demanda interna. Porém, é considerada uma planta difícil de cultivar.

Wasabi ou raiz-forte japonesa cresce bem em locais de clima frio e úmido. O ideal é que a temperatura permaneça entre 8°C e 20°C. Locais que apresentam temperaturas acima de 28°C são considerados inadequados para o cultivo. Em regiões onde a temperatura cai abaixo de -3°C, a parte aérea da planta morre, mas esta pode ainda sobreviver e rebrotar quando a temperatura estiver adequada novamente.

A planta cresce melhor em sombra parcial, embora também possa ser cultivada com luz solar direta em regiões onde o clima é ameno mesmo durante o verão.

O cultivo deve ser realizado em locais de solo úmido, rico em matéria orgânica, geralmente sob grandes árvores que provem sombra e ajudam a manter o ambiente úmido. O solo deve reter bem a água, permanecendo constantemente úmido, mas não deve ficar encharcado ou inundado. A Wasabi cresce bem em água corrente, com boa concentração de oxigênio, não em solo inundado com água estagnada.

Uma outra alternativa é o cultivo em sistemas hidropônicos. O pH da água e do solo deve estar entre 6 e 7, tanto neste tipo de cultivo quanto no anterior. O Wasabi ou raiz-forte japonesa é normalmente cultivada a partir de rebentos ou de sementes. Também é possível usar pedaços dos rizomas, mas isso é menos comum.

Quando uma planta é colhida, seus rebentos são retirados e usados para propagar a planta. Assim muitas vezes a colheita e o plantio são realizados ao mesmo tempo, pois os maiores rebentos podem ser plantados diretamente no local definitivo. Os menores podem ser plantados em vasos deixados sobre bandejas com água, para que o solo do vaso não fique seco. Os rebentos devem ter uma aparência saudável e ter pelo menos 4 cm de altura e pelo menos 4 folhas. Pode haver até 20 rebentos em cada planta.

As sementes normalmente não germinam se não passarem por um longo período de baixas temperaturas. Assim é necessário deixar as sementes em um refrigerador a 5°C por dois meses para quebrar a dormência antes de semeá-las (o tempo necessário pode variar, dependendo do cultivar). Semeie em sementeiras, módulos, bandejas e outros recipientes, com pelo menos 10 cm de altura, e deixando as sementes cobertas com 1 cm de solo. A germinação ocorre aproximadamente em três semanas.

Wasabi Para Saúde
Wasabi Para Saúde

Quando as mudas estiverem com pelo menos 4 folhas e 5 cm de altura, o que leva de 4 a 6 meses, poderão ser transplantadas para um canteiro com sombra parcial. Deixe as mudas separadas por 5 cm, com a coroa 1 cm acima da superfície do solo. Cerca de dois meses depois, as mudas estarão com aproximadamente 10 cm de altura e poderão ser transplantadas para o local definitivo.

Já os pedaços de rizoma são colocados em recipientes contendo solo ou areia mantidos constantemente bem úmidos, preferencialmente com temperatura ambiente em torno de 10°C. Os rebentos podem levar dois meses para começar a aparecer, e quando estiverem com 4 ou 5 folhas, podem ser cortados do rizoma e transplantados como indicado no parágrafo anterior.

No local definitivo, as plantas podem ficar espaçadas por uma distância de 30 cm. Ao realizar o transplante, não esqueça de deixar a coroa cerca de 1 cm acima da superfície do solo. O Wasabi  pode ser cultivada em vasos com pelo menos 30 cm de diâmetro e altura.

Deixe um recipiente raso com água embaixo do vaso para manter o solo sempre úmido. (Neste caso, indicamos o Vaso Autoirrigável que é uma ótima solução pois possui reservatório de água e umidifica a planta sempre que necessário e na medida certa). É importante se lembrar de sempre retirar as plantas invasoras que estejam concorrendo por nutrientes e recursos, principalmente quando o plantio é realizado no solo. Em sistemas semiaquáticos há menos problemas com plantas invasoras.

A colheita do vegetal ocorre geralmente de 18 a 24 meses após o plantio, quando o rizoma está com 3 a 5 cm de diâmetro e de 10 a 20 cm de comprimento. Contudo, algumas vezes a planta fica crescendo por até cinco anos antes da colheita ser realizada. Depois é só ralar o  vegetal (ralado na hora, o vegetal conserva a cor e a complexidade de sabores) e se deliciar com seus pratos favoritos.

0/5 (0 Reviews)

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Ana Karolynne Goncalve

Sou graduada no curso de Nutrição pela Universidade Federal do Maranhão(UFMA), CRN6-MA 16199, com Mestrado na área da Nutrição Clínica com relação ao metabolismo, prática e terapia nutricional, realizado também na Universidade Federal do Maranhão(UFMA), Atualmente trabalho no campo de pesquisa sobre a Qualidade e Inovação em Alimentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *