Scroll Top

Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Como Conquistar o homem dos seus Sonhos

Dicas de Saúde Sintomas

Os 10 Principais Sintomas de Infecção no Colo do Útero

Antes de ler o Artigo, Curta-nos Abaixo!

Os Principais Sintomas de Infecção no Colo do Útero são diversos, uma doença no sistema reprodutor da mulher provocada pela presença de microrganismos, como vírus ou bactérias, que atinge o colo do útero ou a parte mais interna do útero.

Alem disso, a inflamação mais comum no útero é aquela que ocorre no colo do útero (cérvix ou cervice), que é a região mais estreita do útero localizada no fundo da vagina e por onde o sangue menstrual é eliminado. A inflamação do colo do útero não interfere na boa evolução da gravidez desde que seja tratada adequadamente.

No entanto, nem todas as mulheres com infecção no útero apresentam todos os sintomas e, além disso, existe a possibilidade de se estar com uma infecção no útero e não apresentar nenhum sintoma, como pode acontecer na cervicite, que é a inflamação no colo do útero.

Os sintomas de inflamação no útero mais comuns são corrimento, sangramento e dor, principalmente durante a relação sexual. Porém, esses sintomas dependem também da localização da inflamação, que pode ocorrer no colo do útero (cervicite) ou na região interna do útero (endometrite): Então, conheça Os 10 Principais Sintomas de Infecção no Colo do Útero.

Os Sintomas da Inflamação no Colo do Útero:

  • corrimento vaginal (leucorreia) com mal cheiro e com coloração amarelada;
  • dor para urinar (disúria);
  • dor nas relações sexuais (dispareunia);
  • sangramento após a relação sexual;
  • sangramento fora do período menstrual;
  • dor na região inferior da barriga (abdominal baixa);
  • Falta de higiene íntima;
  • Uso de produtos químicos ou sintéticos, como látex;

O tratamento para infeção do útero deve ser orientado pelo seu ginecologista e, normalmente é feito com antibióticos, antivirais ou mesmo anti-inflamatórios. O tratamento deve ser feito pela paciente e pelo seu parceiro e, pode ser feito através da toma de comprimidos ou da aplicação de creme diretamente na vagina.

Caso a inflamação no útero não seja tratada, ela pode atingir regiões mais internas, como o endométrio, as trampas e os ovários. Nesses casos, pode ser necessário que o tratamento seja feito no hospital, com medicação dada diretamente na veia para conter a inflamação mais rapidamente.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.