Scroll Top

Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Como Conquistar o homem dos seus Sonhos

Dicas de Saúde Doenças e Tratamentos

Hipotireoidismo Congênito – O que é, Causas e Tratamentos

Hipotireoidismo Congênito – O que é, Causas e Tratamentos que não devemos ignorar. Além disso, O hipotireoidismo congênito é uma doença hereditária que impossibilita a glândula tireoide do recém-nascido de gerar o hormônios tireoidiano T4. Em crianças pequenas esse hormônios é fundamental e a ausência dele diminui o metabolismo, impedindo o crescimento e o desenvolvimento físico e mental do indivíduo. O hipotireoidismo congênito é uma das causas mais frequentes e preveníveis de deficiência mental.

Esta condição não é curável, mas é tratável e, quando detectado precocemente, o paciente pode sentir efeitos de hipotireoidismo congênito. Muitos centros médicos rotineiramente tela para esta condição no momento do nascimento, para que eles possam identificar e resolver se presente. Então, confira Hipotireoidismo Congênito – O que é, Causas e Tratamentos.

Causas do Hipotireoidismo Congênito: Onde há deficiência de iodo na alimentação, o hipotireoidismo congênito pode ser causado por esse fator. Em regiões onde essa deficiência não é endêmica, o hipotireoidismo congênito em geral é causado por uma glândula tireoide ausente ou ectópica (localizada, por exemplo, na base da língua), geneticamente determinada. Mais raramente, é uma patologia herdada que leva a uma falha na biossíntese do hormônios tireoidiano.

Sintomas do Hipotireoidismo Congênito: As crianças não tratadas precocemente têm o crescimento e desenvolvimento mentais seriamente comprometidos, ficando com hipotonia muscular, dificuldades respiratórias, cianose, icterícia prolongada, constipação, bradicardia, anemia, sonolência excessiva, choro rouco, hérnia umbilical, alargamento de fontanelas, mixedema, sopro cardíaco, dificuldade na alimentação com deficiente crescimento de peso e estatura, atraso na dentição, retardo na maturação óssea, pele seca e sem elasticidade, atraso de desenvolvimento neuromotor e retardo mental.

É importante lembrar que cerca de 20% dos casos são assintomáticos ao nascimento e que os sintomas, quando presentes, podem ser pouco expressivos. O que aumenta a importância da realização do Teste do Pezinho em todos os recém-nascidos. O ideal é que a coleta seja feita ainda na maternidade, após 48 horas de vida.

Tratamento Para Hipotireoidismo Congênito: O tratamento do hipotireoidismo congênito requer hormonal regular para confirmar que o desenvolvimento do bebê está ficando testes de hormônios suficientes. Conforme a criança cresce, será necessário aumentar a dose. As pessoas continuam a suplementação hormonal para a vida, garantindo que seus corpos consiga obter o suficiente do hormônios para funcionar. dose constante de hormona da tiroide eliminar atrasos no desenvolvimento que de outra forma ocorrer com hipotireoidismo congênito.

O tratamento para hipotireoidismo congênito deve começar logo após a realização do Teste do Pezinho ter detectado o problema, já na primeira semana de nascimento. O tratamento para hipotireoidismo congênito consiste na reposição dos hormônios tiroide  deficitários e deverá ser mantido por toda a vida. No início do tratamento, é usada uma dose alta de T4 com o objetivo de atingir rapidamente os níveis de T4 considerados ideais para minimizar os danos cerebrais. Se os exames destinados a esclarecer a etiologia do problema tiverem que retardar o início da reposição hormonal é aconselhável que não sejam realizados neste momento, deixando-os para mais tarde, quando os hormônios podem ser suspensos temporariamente.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.