Scroll Top

Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Como Conquistar o homem dos seus Sonhos

Câncer de Mama Dicas de Saúde Dicas Variadas

As 10 Coisas que toda Mulher Precisa Saber Sobre Câncer de Mama

Os casos de Câncer de Mama têm triplicado nos últimos 50 anos, por isso listamos As 10 Coisas que toda Mulher Precisa Saber Sobre Câncer da Mama. Além disso, não há uma causa específica para o desenvolvimento de Câncer de Mama.

Na verdade, muitos fatores de risco são envolvidos direta ou indiretamente em sua aparência. Identificá-los é fundamental. Na verdade, quanto mais informações você tem sobre esta doença será mais fácil de suportar com sucesso e até mesmo chegar à frente do diagnóstico.

coisas-que-toda-mulher-precisa-saber-sobre-cancer-da-mamaOs órgãos são formados por células de uma forma ordenada, divididas e estão substituindo as mais velhas. Quando este processo é alterado, a divisão descontrolada leva ao aparecimento de um nódulo ou tumor.

Os tumores benignos da mama são formados por células que se dividem excessivamente embora não danificado ou pode ocorrer de invadir outras partes do corpo. Os tumores malignos são células, sem controle e também pode destruir tecidos e órgãos vizinhos e proliferam em outras partes do corpo (metástase).

Na fase inicial ou pré-clínico não tem nenhum sintoma. É posteriormente, quando pode se manifestar de várias maneiras. Por um lado, a presença de um nódulo palpável doloroso ou não, é o sintoma mais comum. Quando ampliado, pode manifestar irregularidades no contorno da mama, retração do mamilo ou alterações cutâneas (vermelhidão, úlceras …). Então, confira As 10 Coisas que toda Mulher Precisa Saber Sobre Câncer de Mama: 

1. 90% das Mulheres com Câncer de Mama não Têm Histórico Familiar: Essa é uma das mais chocantes Coisas que toda Mulher Precisa Saber Sobre Câncer de Mama: a maioria das mulheres que desenvolvem esse tumor não tem ninguém na família com o mesmo problema. Esse é o tipo de câncer mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, depois do de pele não melanoma, respondendo por cerca de 25% dos casos novos a cada ano. Só em 2016, o Inca (Instituto Nacional de Câncer) prevê 57.960 novos casos no Brasil.

Inchaços ou Tumores nas Mamas ou Axilas, que Geralmente não Produzem Dor: Este tipo de sintoma pode ser identificado com um autoexame de mama e também com a mamografia. Não é em todos os casos que inchaço ou tumor será um Câncer. Por isso é importante procurar um médico imediatamente, para que ele faça o diagnóstico correto.

Menstruação Precoce: A relação entre menstruação e Câncer de Mama está entre As Coisas que toda Mulher Precisa Saber Sobre Câncer de Mama, por esse fato de que é no início desse período que o corpo da mulher passa a produzir quantidades maiores do hormônio Estrógeno. Esse hormônio em quantidades alteradas facilita a proliferação desordenada de células mamárias, resultando em um tumor.

Quanto mais intensa e duradoura é a ação do hormônio nas células mamárias, maior é a probabilidade de um tumor. Se a primeira menstruação ocorre por volta dos 9 ou 10 anos de idade, é porque os ovários intensificaram a produção do hormônio cedo e, assim, o organismo ficará exposto ao Estrógeno por mais tempo no decorrer da vida.

Menopausa Tardia: A lógica nesse caso é a mesma do caso acima – enquanto a menstruação não cessa, os ovários continuam a produzir o Estrógeno, deixando as glândulas mamárias mais expostas ao crescimento celular desordenado.

Saída Espontânea de Líquido dos Mamilos: A saída de líquido dos mamilos também acontece fora do período de amamentação. Produzir leite no peito fora da fase de amamentação é chamada galactorreia. Secreções nas mamas podem estar relacionadas a alterações funcionais ou desordens de várias origens, mas se acontecem apenas em uma das mamas podem estar relacionadas a várias doenças e sua aparência varia entre leitosa, amarelada, clara, negra, verde-escura ou misturada com sangue. Toda saída de líquido ou secreção deve ser cuidadosamente investigada. O médico avaliará o histórico do paciente e pedirá exames que irão verificar ou não a presença do Câncer.

Colesterol Alto: O Colesterol é a gordura que serve de matéria prima para a fabricação do Estrógeno. Dessa forma, mulheres que altos níveis de Colesterol tendem a produzir esse hormônio em maior quantidade, aumentando o risco de Câncer de Mama.

Estar Acima do Peso Aumenta Suas Chances de Ter Câncer de Mama em Mais de 40%: De acordo com estudo citado pela Health, mulheres que ganharam de 9 a 13 kg após os 18 anos têm maior risco de desenvolver Câncer de Mama após a Menopausa. Entre os médicos que participaram da enquete da revista, 78% recomendaram que os pacientes percam peso como forma de diminuir os riscos de se desenvolver a doença.

Tumor Invasivo ou Não: Um Câncer de Mama não invasivo essa é uma importante Coisa que toda Mulher Precisa Saber Sobre Câncer de Mama, também chamado de câncer in situ, é aquele que está contido em algum ponto da mama, sem se espalhar para outros órgãos – a membrana que reveste o tumor não se rompe, e as células cancerosas ficam concentradas dentro daquele nódulo. Já o tipo invasivo acontece quando essa membrana se rompe e as células cancerosas invadem outros pontos do organismo. Todo Câncer de Mama in situ tem potencial para se transformar em invasor.

Tumores Pequenos não Causam Sintomas: Câncer de Mama é uma doença bem traiçoeira, pois em seus estágios iniciais (quando há mais chance de cura), a mais importante Coisas que toda Mulher Precisa Saber Sobre Câncer de Mama é que ele não apresenta sintomas (por isso a importância da mamografia). Já os tumores um pouco maiores podem ou não causar alterações visuais nas mamas.

Assim, durante o autoexame, fique atenta a nódulos palpáveis (caroços), secreção sanguinolenta pelos mamilos, alterações (ínguas) nas axilas, pele áspera e ondulações (aspecto de casca de laranja, tipo celulite), deformações ou alterações no formato das mamas, abaulamentos ou retrações e feridas ao redor do mamilo. Mas lembre-se: achar algum desses sinais não significa que você tenha Câncer, porque existem outras alterações e nódulos benignos. Procure seu ginecologista!

cancer-de-mama-3Implantes não Causam o Câncer de Mama: Em todos os estudos já feitos, não foram encontradas relações que a prótese de silicone provoque o Câncer de Mama. No entanto, este implante pode sim dificultar o diagnóstico da doença em mamografias.

Alterações no Bico do Peito: Se você não tem nenhum defeito de nascimento em seus mamilos e perceber que ele começou a se retrair, ser puxado para dentro como um dedo de luva revirado ou engrossar, tendo ou não dor, talvez seja um sinal de tumor cancerígeno.

Maiores Riscos: O risco de ter Câncer de Mama aumenta para as mulheres que não tiveram filhos ou que não amamentaram, para aquelas que fazem reposição hormonal durante a menopausa por período superior a cinco anos, para as fumantes e para as que consomem bebidas alcoólicas.

O Câncer de Mama pode atingir tanto mulheres quanto homens, mas a incidência é maior no público feminino (99%) do que no masculino (1%), por isso, é necessário ficar atenta a essas Coisas que toda Mulher Precisa Saber sobre Câncer da Mama.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.