Dicas para Emagrecer

Vinagre de maçã para secar a barriga 3kg em 2 dias!

vinagre de maçã para secar a barriga

O vinagre de maçã para secar a barriga funciona pois, o problema de peso e ter excesso de gordura é uma coisa muito comum mas pode ser feito em casa. Especialmente com o estilo de vida que vivemos hoje, não é de admirar que seja uma questão global de perder peso.

vinagre de maçã para secar a barriga
vinagre de maçã para secar a barriga

Às vezes, entre a gordura elevada, podem ser observados depósitos de gordura de cor amarela no tipo de ladrilho ou nó nas pálpebras superiores ou em outras partes do corpo.

Com a progressão da doença chega ao espessamento das paredes das artérias. Além disso, nicotina e álcool aceleram esse processo. O resultado são geralmente doenças cardiovasculares, que é uma das principais causas de morte. Este remédio ajudou muitos e agora é a hora de ajudá-lo. Agora veja a receita de vinagre de maçã para secar a barriga:

Receita de vinagre de maçã para secar a barriga:

Ingredientes:

  • 1 xícara de vinagre de maçã
  • 3 figos secos
  • água.

Modo de Preparo:

  • Pegue três figos secos, pique-os com um palito de dente por todos os lados e coloque-os em um recipiente de vidro com vinagre de maçã.
  • Além disso, deixe os figos descansar durante a noite.
  • Em seguida, coma-os de manhã antes do café da manhã.
  • Além disso, não descarte o vinagre de maçã, você pode usá-lo novamente.

Essa quantidade de vinagre de maçã é suficiente por uma semana. Após uma semana, descarte o vinagre de maçã e repita o procedimento com um novo.

Após duas semanas, você notará os resultados.

Gostou do post? Avalie!
[Total: 0 votos: ]

Drª. Wanessa Matos Dermatologista formou-se em Medicina na Unicamp e na mesma instituição realizou sua residência em Dermatologia, obtendo o título de especialista. Atua nas áreas de dermatologia clínica, cirúrgica e estética. Além disso, é sócio titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia, com registro no Conselho Regional de Medicina e Associação Médica Brasileira.

Deixe um comentário