Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Dicas de Saúde

Depois que Descobrir Como esses 5 Produtos são Feitos Você Nunca Mais vai Querer Comer!

Depois que Descobrir Como esses 5 Produtos são Feitos Você Nunca Mais vai Querer Comer. Além disso, espero que você não esteja comendo nenhum desses produtos enquanto lê isso, já que você provavelmente nunca mais vai querer comprá-los novamente. Normalmente, comemos alimentos industrializados sem pensar, até mesmo quando não estamos com fome, e esquecemos de investigar a procedência de tais produtos.

Por mais que seja difícil de se acreditar, há coisas que, apesar de serem extraídas de algo “natural”, ainda são esquisitas e muito piores do que você realmente pode imaginar. No artigo de hoje vamos mostrar uma lista com 5 produtos que provavelmente você não vai mais comprar após descobrir como são produzidos. Confira!

como são feitos os alimentosNesta lista, mostraremos alguns exemplos de produtos comuns que você provavelmente não sabia do que são feitos. É claro que você não precisa deixar de consumir os itens, mas é sempre bom saber o que você está comprando. Confira, então Os 5 Produtos que Você Não Sabe Como São Feitos:

Gelatinas:

Embora sejam alimentos livres de colesterol e bastante indicado pelos médicos para prevenir a osteoporose, as gelatinas também guardam segredos atormentadores sobre seu processo de produção, e muitas pessoas não sabem como é feito este produto. Isso porque esses alimentos são feitos à base de tutano, uma substância extraída da raspagem do couro e dos ossos de bovinos; de onde a indústria extrai o colágeno, responsável por 90% de sua composição.

Para a fabricação, os fabricantes recebem carcaças com, no máximo 24 horas depois do abate, que são lavadas com ácido. O produto extraído dessa matéria-prima, então, fica de molho em uma solução de cal por até 10 semanas. Em seguida, tudo isso é fervido a uma temperatura de 145 ºC e depois resfriado, para ficar sólido. A fase final é responsável por saborizar o produto e transformá-lo em outros tipos de doces.

Salsicha:

Em uma simples salsicha que é feita com um mix de restos de carne de boi, frango e suína, podemos encontrar o focinho de um porco, coágulos de sangue de um frango, gordura do pescoço e restos de carne de boi como o cérebro, além de muito sal e corantes para disfarçar o sabor.

Nutella:

Essa pasta de avelã é o prazer de muitas pessoas, não é mesmo? Tem gente que até entra dentro de uma banheira dessa belezura. Entretanto, julho de 2015, a organização de consumidores e usuários realizaram uma pesquisa detalhada do alimento e concluíram que ela faz mal para a saúde de quem consome e também para o meio ambiente, devido há um de seus ingredientes secretos, que é a baunilha que contia petróleo e alguns químicos que são usados para criar pesticidas e plásticos

Kanikama ou Kani:

Este é um nome genérico de um produto fabricado a partir de surimi, uma pasta de peixe branco que contém aromatizantes e corantes para simular o gosto e sabor do caranguejo. Para preparar a mistura geralmente são utilizados os peixes cavala, bacalhau e/ou pescada. A mistura é lavada várias vezes e, em seguida, passada através de uma máquina que aquece e esfria a mistura.

Após o processo durar aproximadamente 40 minutos, a substância vira um gel que é adicionada a amido, aromatizantes, clara de ovo, sal, açúcar, conservantes, corantes, e uma longa lista de ingredientes. O produto é então montados em blocos e congelado.

Como são feitos certos alimentosNuggets:

 O recheio com o qual são feitos os tão deliciosos nuggets de frango que costumamos comer como uma alternativa aos hambúrgueres parece uma espécie de iogurte de morango congelado, ou uma goma de mascar gigante. Na realidade, é uma pasta cor de rosa, consequência da trituração dos frangos inteiros separados mecanicamente. Mas o assunto não termina aqui. A massa que resulta desta técnica está cheia de bactérias.

Então, o que fazem para eliminá-las? Lavam-na com amônia. Solução simples e repugnante ao mesmo tempo. Mas claro, se o processo acabasse aí perceberíamos quando abríssemos um destes lanches.

Por isso, o mecanismo usado para ocultar o sabor e o odor deste desinfetante químico, é o uso de cobre com aromatizantes e corantes artificiais (se pararmos para pensar, também há uma grande quantidade desses aditivos em outros alimentos que estamos acostumados a consumir diariamente).

Clique em "SEGUIR NO PINTEREST" Acima ✌☝☝☝

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.