Doenças

Os 4 Órgãos Afetados Pelo Estresse

Órgãos Afetados Pelo Estresse

Os Órgãos Afetados Pelo Estresse como o figado, coração e os pulmões que sofrem mais tensão. Alem disso, pessoas que sofrem de tensão mais grave, pode sofrer graves problemas de saúde físicos e emocionais, dado o atual estilo de vida tão agitado como o principal desencadeador de estresse para que os casos destas pessoas estão a aumentar.Órgãos Afetados Pelo EstresseUm nível de estresse elevado pode causar um aumento do colesterol, assim como da pressão arterial, e por isso poderia resultar em problemas do músculo cardíaco miocárdio. como resultado, a tensão provoca doenças psicossomáticas que se manifestam em fenômenos físicos no nosso corpo, como a queda de cabelo.

O estresse é um sentimento de tensão física e emocional que pode aparecer como uma reação do corpo diante de diferentes situações ou pensamentos, podendo ser causado por frustração, raiva e nervosismo.

Em níveis baixos é possível falar do estresse como algo positivo, já que a reação no corpo pode evitar que corramos um perigo ou passemos por uma situação de risco. No entanto, a maioria das pessoas sente um tipo de tensão forte que pode causar sérios problemas de saúde física e emocional.

Com o estilo de vida moderno tão agitado, os casos de pessoas com este problema vêm aumentando e o transtorno vai evoluindo, tornando-se mais difícil de controlar. O pior de tudo é que a maioria das pessoas que sofre com ele não prestam atenção suficiente e, ao final, é a saúde que sofre as consequências.

No entanto, além disso, você sabia que o estresse está relacionado a alterações em alguns órgãos do corpo e que, com isso, pode reduzir a sua qualidade de vida ainda mais. Então, confira Os 4 Órgãos Afetados Pelo Estresse.

Alteração das Células no Fígado: O acúmulo de hormônios do estresse provoca alteração das células que estão no fígado, que são as responsáveis por destruir os hepatócitos, fazendo com que possam ocorrer doenças específicas do fígado.

Excesso de Cortisol no Cérebro: Estar muito estressado aumenta a produção de um hormônio chamado cortisol. O excesso de cortisol pode afetar de forma negativa o córtex frontal que é o responsável pela tomada de decisões e pela memória.

Coração: Ao provocar uma tensão permanente, os níveis elevados de estresse influenciam o aumento do colesterol, da pressão arterial e dos triglicerídeos na corrente sanguínea. Em um artigo da Biblioteca Nacional de Medicina dos Estados Unidos, foi revelado que as pessoas que sofrem de estresse crônico têm problemas em seu ritmo cardíaco.

Pulmões são Afetados: Os pulmões são afetados, pois a sua função é alterada e a sua resposta imunológica perante agentes externos diminui. Um estudo revelado pela Universidade de São Paulo identificou que poderia haver uma relação entre a asma e o estresse, já que se rompe o equilíbrio no organismo.

Gostou do post? Avalie!
[Total: 0 votos: ]

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

3 comentários

  • […] É importante notar que eritema nodoso, enquanto irritante e muitas vezes doloroso, não ameaça os órgãos internos e a perspectiva de longo prazo geralmente é muito […]

  • […] princípios ativos em seus nutrientes. O Iodo ajuda no crescimento normal e maturidade dos órgãos reprodutivos. Uma quantidade suficiente de Iodo em mulheres grávidas é essencial para evitar […]

  • […] Digestão de Proteínas a Causa da Queda de Cabelo: Uma dieta pobre combinada com altos níveis de estresse pode causar o estômago a secretar menos ácido clorídrico, e o  estômago não pode diminuir o […]

Deixe um comentário