Benefícios dos Óleos

Óleo de Sucupira – Para que Serve, Benefícios e Como Usar!

Óleo de Sucupira – Para que Serve, Benefícios e Como Usar. Além disso, o óleo de sucupira é extraído da semente da sucupira.

Uma árvore da família das Fabaceae, bastante comum no Brasil, principalmente em São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás e Tocantins.

Oleo da Semente de Sucupira
Óleo da Semente de Sucupira

Esta planta sempre foi muito utilizada medicinalmente, principalmente para evitar dores decorrentes de inflamação nas articulações.

Há quem use o chá da semente de sucupira, mas sua versão em óleo está ficando cada vez mais popular.

Propriedades do Óleo de Sucupira:

A sucupira é usada por suas propriedades medicinais, entre elas pela ação anti-inflamatória, antioxidante, anestésica, antibiótica e até anticancerígena.

Sua propriedade anti-inflamatória é uma das mais evidentes. O uso da sucupira é frequente para quem tem problemas nas articulações, como artrite e artrose.

A ação antioxidante é responsável por eliminar radicais livres, elementos que prejudicam nossa saúde e até causa alguns tipos de câncer e doenças crônicas.

Para que Serve o Óleo de Sucupira?

O Óleo de Sucupira torna a estrutura dos ossos mais resistente, auxiliando contra a formação de desenvolvimento de doenças ósseas.

Doenças como úlceras, reumatismo, artrose, bico-de-papagaio e hérnia de disco e outras podem ser tratadas com o uso do Óleo de Sucupira.

Artrite pode ser tratada com o uso diário do Óleo de Sucupira. A sucupira proporciona um tratamento contínuo contra as dores, um alivio que pode trazer resultados positivos para o bem-estar físico.

Qual o Benefício da Sucupira Para a Saúde?

Vamos falar um pouco mais sobre o Óleo de Sucupira e seus benefícios, para que serve, e algumas dicas para quem se interessa em usar este óleo.

Possui Propriedades Analgésicas:

A ação analgésica do Óleo de Sucupira aliada à suas propriedades anti-inflamatórias é o que fez desta planta um remédio natural conhecido em todo Brasil.

Estudos feitos em animais indicam que os flavonoides encontrados na semente e Óleo de Sucupira podem diminuir a produção de prostaglandinas.

Substâncias capazes de transmitir e aumentar as dores.

Previne Inflamações:

A medicina popular já conhece os benefícios do Óleo de Sucupira para melhorar a inflamação muscular há muito tempo.

O Óleo de Sucupira deve ser usado regularmente, duas vezes ao dia, aplicando três gotas no lugar da dor, fazendo movimentos circulares.

Oleo de Sucupira
Óleo de Sucupira

Alivia Dores:

Alguns estudos recentes feitos em animais mostram que o extrato de sucupira tem o poder de diminuir a inflamação muscular.

O que é um bom indicativo de que a sucupira também pode ter o mesmo efeito em seres humanos.

Uma outra forma de tratamento é o extrato hidroalcoólico, que nada mais é que uma imersão da semente de sucupira em uma mistura de água e álcool.

Esta combinação vai retirar os diterpenos do óleo interno da semente de sucupira e amenizar as dores e sintomas desagradáveis.

Mas é importante ressaltar que, nos estudos realizados, este tratamento não impediu que a doença evoluísse.

Combate o Câncer:

Existem indícios de que alguns compostos do Óleo de Sucupira tem propriedade que ajuda no combate ao câncer, atuando na morte de células cancerígenas.

O óxido de etileno, substância obtida do extrato da sucupira, impede o crescimento e proliferação de células de câncer em animais, por sua propriedade citotóxica.

Ainda faltam mais estudos para comprovar que a semente de sucupira realmente possui uma ação anti-cancerígena.

Protege o Trato Gastrointestinal:

Este é um dos Benefícios do Óleo de Sucupira. Principalmente para úlceras e gastrite. O Óleo de Sucupira é um ótimo remédio para o trato gastrointestinal.

O consumo do Óleo de Sucupira ajudou a reduzir a presença de exsudato ao mesmo tempo em que aumentou células que agem na defesa do nosso organismo.

Onde Encontrar Óleo de Sucupira?

O Óleo de Sucupira já pode ser encontrado em lojas de produtos naturais, assim como a semente também já está sendo mais facilmente encontrada nestas lojas.

Além disso, há algumas empresas que comercializam os princípios ativos da sucupira em cápsulas, que são vendidas também em lojas naturais ou em farmácias de manipulação.

Como Usar o Óleo de Sucupira?

O óleo pode ser usado através da ingestão de cápsulas, sendo duas vezes ao dia antes das principais refeições.

Sob a forma de óleo extraído da semente, devem ser ingeridas 5 gotas duas vezes ao dia.

Para problemas como dermatoses, feridas e que necessitem de ação antisséptica, antibiótica e analgésica.

Aplique o óleo no local fazendo uma massagem para sua melhor absorção. Faça a aplicação de algumas gotas 2 vezes ao dia.

Como é Feito o Óleo de Sucupira?

Antigamente, o Óleo de Sucupira não era facilmente encontrado em lojas naturais, como é hoje.

Por isso, quem já conhecia as propriedades medicinais desta semente fazia o óleo artesanalmente.

O Óleo de Sucupira é feito a partir da parte interna da semente de sucupira da variedade branca.

A parte de dentro da semente é bastante oleosa e, uma vez que a casca dura for retirada, não é difícil extrair o óleo.

Óleo de Sucupira Benefícios

Precauções ao Usar Óleo de Sucupira:

Mesmo sendo uma planta, não quer dizer que a sucupira – ou qualquer outra supostamente fitoterápica – não possa ter efeitos adversos.

A semente de sucupira, por exemplo, é vista como uma planta ‘milagrosa’, mas sua ingestão não está livre de riscos.

Na internet, há controvérsias a respeito da planta, que há anos é apontada como aliada no combate a diversos problemas, da artrite ao câncer de próstata.

Um dos pontos é que não existiria nenhum estudo científico comprovando a eficácia do vegetal em seres humanos.

Os testes teriam sido feitos somente em animais. E, portanto, sua segurança não foi validada para nosso uso.

Então, convém ficar atento também aos derivados como o Óleo de Sucupira. E perguntar sempre ao médico antes de iniciar qualquer tratamento.

Lembrando que a definição para o termo fitoterápico, segundo a Anvisa, é o seguinte: São medicamentos obtidos a partir de plantas medicinais.

Gostou do post? Avalie!
[Total: 0 votos: ]

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

Deixe um comentário