Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Dicas de Saúde Doenças e Tratamentos

Kwashiorkor – O que é, Causas e Sintomas

Kwashiorkor – O que é, Causas e Sintomas que não devemos ignorar por um longo período. Alem disso, a Kwashiorkor é o tipo mais comum e disseminado de desnutrição encontrado em países em desenvolvimento. É um tipo de desnutrição causado pela insuficiência de proteínas na alimentação. Todas as nossas células contêm proteínas.

As proteínas obtidas pela alimentação são necessárias para a restauração e para a produção de novas células. É assim que as células se regeneram constantemente em um organismo sadio. As proteínas também são importantes para o desenvolvimento de crianças e da gestação.

Carnes, leite, queijo, peixe, ovos, soja, feijão, nozes, sementes e alguns tipos de grãos (como a quinoa) são alguns dos alimentos que contêm proteínas. Crianças com kwashiorkor poderão deixar de crescer e de se desenvolver de forma adequada. Trata-se de uma doença muito séria que, se não tratada, pode ser uma ameaça à vida.

Umas das doenças nutricionais que é considerada a mais grave e pode ser encontrada em qualquer lugar, porém, em países muitos pobres é comum aparecer nas famílias em situação extrema de pobreza. Cita-se maior ocorrência no primeiro filho porque quando nasce o segundo filho, a mãe tem a necessidade de alimentá-lo com todo o seu leite.

O Kwashiorkor, na maioria das vezes, ocorre em famílias miseráveis de países muito pobres, pois quando nasce um segundo filho, a mãe necessita dar todo o seu leite a ele, em prejuízo do anterior.

O que Causa a Kwashiorkor? A Kwashiorkor é causada pela deficiência extrema de proteínas no organismo (mesmo que o paciente consuma calorias) o que provoca um desequilíbrio osmótico no sistema gastrointestinal provocando edema ou retenção de líquidos.

A retenção de fluidos acontece por causa do mau funcionamento do sistema linfático (responsável por recuperar os fluidos, manter a imunidade e absorver os lipídios) e das trocas capilares.

A baixa ingestão de proteína leva ainda a outros sinais específicos como uma erupção descamativa e descoloração do cabelo, já a distensão abdominal deve-se a uma ascite, por causa de hipoalbuminemia, e ao aumento de volume do fígado.

Em geral, as crianças com Kwashiorkor mostram cabelos brancos ou avermelhados, pele ressecada, inflamada e despigmentada, profunda apatia, fraqueza, tristeza, olhos avermelhados e abdômen distendido.

Quais são os Sintomas da Kwashiorkor:

  • Anorexia;
  • Aumento do fígado (com infiltrados);
  • Caquexia (grau extremo de enfraquecimento);
  • Desnutrição;
  • Despigmentação da pele;
  • Edemas dos pés e tornozelos;
  • Inchaço e distensão do abdome (por causa da falta de proteínas não há pressão suficiente para extrair fluidos );
  • Irritabilidade;
  • Marasmo (nos locais em que o clima é muito seco);
  • Perda de dentes;
  • Queda de cabelo;As vítimas de Kwashiorkor não produzem anticorpos após a vacinação contra as doenças. Em climas secos, o marasmo é a doença mais frequentemente associada à desnutrição.

O crescimento da criança fica prejudicado, assim com a imunidade, o processo de cicatrização, a produção de hormônios e de enzimas. De um modo geral, o Kwashiorkor pode ser tratado através da adição de proteína na dieta.

Quando detectado precocemente o Kwashiorkor possui um prognóstico positivo. No entanto, pode causar um retardo no desenvolvimento físico e mental de uma criança, às vezes muito significativo, além de uma série de infecções, de doenças cardíacas e em casos graves e continuados pode levar à morte.

O prejuízo mental pode ser sanado quando detectado a tempo. A doença pode ser prevenida através de uma dieta balanceada e de bons hábitos alimentares.

Os esforços internacionais para fornecer alimentos e ensinar as pessoas sobre o crescimento de diferentes tipos de alimentos, comer os alimentos certos, e as formas de limitar o tamanho da família são úteis na luta contra a desnutrição, mas continua a ser um problema em curso nos países em desenvolvimento.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.