Dieta da Água Gelada Funciona? Benefícios e Receitas!

Revisado por

Nutrição - CRN6-MA 16199

Dieta da Água Gelada Funciona? Benefícios e Receitas!
4.8 (96%) 275 votos

Dieta da Água Gelada Funciona? Benefícios e Receitas que você precisa conhecer. Além disso, a Dieta da Água Gelada uma boa oportunidade Para quem está em buscar de emagrecer com saúde. No entanto, está tentando perder peso, esta pergunta é emocionante! Se você simplesmente quer saber se seu corpo queima calorias aquecendo a água, a resposta é sim. Mas se você quiser saber se beber muita água gelada pode ajudar a perder peso, ou manter o peso, este “sim” precisa ser qualificado com alguns cálculos.

dieta das 3 horas como funciona

Em primeiro lugar, as calorias diferenciam maiúsculas de minúsculas. Existem calorias e depois há calorias . Calorias com um grande “c” são as usadas para descrever a quantidade de energia contida nos alimentos . Uma caloria com um pouco de “c” é definida como a quantidade de energia necessária para elevar a temperatura de 1 grama de água a 1 grau Celsius.

O que a maioria das pessoas pensa ser uma caloria é, na verdade, um quilo-calórico: é preciso uma caloria para elevar a temperatura de 1 quilograma de água a 1 grau Celsius. Então, quando você bebe uma lata de refrigerante de 140 calorias, você está ingerindo 140.000 calorias. Não há motivo para alarme, porque a conversão se aplica em todo o quadro. Quando você queima 100 calorias correndo uma milha, você está queimando 100.000 calorias.

Como Surgiu a Dieta da Água Gelada?

A origem exata da dieta da água é desconhecida. Alguns recursos da Internet traçam a dieta para um artigo escrito e publicado em 1997 pelo Instituto de Pesquisa Psicoativa em Durham, Carolina do Norte, enquanto Douglas Silver Porter, supostamente um “médico e cientista”, também reivindica a invenção da Dieta da Água.

Como Funciona a Dieta da Água Gelada?

Na Dieta da Água Gelada, o dieter bebe 64 oz. de água fria ou fria em oito 8 oz. porções ao longo do dia, com ou sem refeições, além da ingestão normal de fluidos da pessoa que faz dieta. A água pode ser água da torneira, água engarrafada ou qualquer outro tipo de água que seja segura para beber. Os recursos disponíveis na Dieta da Água desencorajam mastigar cubos de gelo para compensar a ingestão de água. A Dieta da Água não altera os tipos de alimentos que a pessoa come, nem limita o tamanho da porção. O exercício não é um componente da dieta da água.

Prós e Contras da Dieta da Água Gelada:

As vantagens da Dieta da Água Gelada é que é grátis – qualquer pessoa com acesso a água potável pode experimentá-la. A desvantagem é que os dietistas se encontrarão no banheiro frequentemente. Enquanto alguns especialistas apoiam a ideia de que beber água antes de uma refeição pode ajudar uma pessoa a cortar calorias, a Dieta da Água Gelada não aborda os componentes necessários da dieta, como limitar a ingestão calórica diária e incorporar exercícios à rotina diária da pessoa que faz dieta.

dieta da agua geladaComo observadores da Dieta da Água Gelada apontam, a Dieta não é realmente uma dieta – ela simplesmente encoraja as pessoas a beberem a quantidade de água que deveriam beber em primeiro lugar.

Então, a Dieta da Água Gelada Emagrece ou Não?

Como acabamos de ver, apesar de realmente aumentar a queima de calorias, o consumo da água gelada não resulta em um gasto tão significativo ao ponto de causar, por si só, um emagrecimento nítido.

Por outro lado, é bem verdade que a Dieta da Água Gelada também determina o consumo dos alimentos termogênicos que podem aumentar o seu efeito de queima de calorias e favorecer o emagrecimento de forma mais eficiente.

Entretanto, por mais que eles realmente estimulem o maior gasto calórico, é importante entender que ainda é preciso fazer algo a mais para perder peso. Além da água gelada e destes alimentos, é fundamental fazer refeições com cardápios saudáveis, nutritivos e controlados, sem o abuso de guloseimas e comidas calóricas e pouco nutritivas.

Até porque não adianta de nada estimular o metabolismo para queimar mais calorias, se ao mesmo tempo, consume-se alimentos que igualam ou ultrapassam a quantidade de calorias que foram perdidas, anulando o efeito dos termogênicos.

Para conseguir montar uma dieta efetiva para acompanhar a água gelada e os termogênicos com o objetivo de emagrecer de maneira saudável, recorra à ajuda de um bom profissional que saberá qual programa alimentar é o mais indicado para o seu caso.

Cardápio da Dieta da Água:

Esse cardápio da Dieta da Água Gelada foi construído sobre a metodologia do consumo de água gelada, mas é importante saber que podem haver cardápios variantes e com pouco embasamento em diversos meios de informações voltados para dietas emergenciais.

dieta da agua gelada receitas

15 minutos antes de comer ainda em jejum durante a Dieta da Água Gelada:

300 ml de água gelada

Café da Manhã da Dieta da Água Gelada :

  • 1 fatia de pão integral com pasta de ricota;
  • 1 xícara de café ou chá sem açúcar;
  • 1 iogurte grego ou desnatado com linhaça.

Lanche da Manhã da Dieta da Água Gelada :

  • 300 ml de água gelada;
  • 1 barra de cereal.

Almoço da Dieta da Água Gelada :

Lanche da Tarde da Dieta da Água Gelada:

  • 300 ml de água gelada;
  • 1 taça de gelatina.

Jantar da Dieta da Água Gelada:

  • 200 ml de água gelada;
  • Salada à vontade;
  • 1 fruta.

Ceia da Dieta da Água Gelada:

Riscos da Dieta da Água Gelada:

Desmaios, tonturas, constipação, dores de cabeça e mal estar não estão fora da lista de consequências adquiridas junto com a adesão da dieta da água Gelada. A falta de vitaminas que a frequência na dieta da água causa pode gerar perda de músculos, complicações relacionadas aos níveis de açúcar no sangue, gerar diabetes ou desidratação. O plano de emagrecimento ainda pode causar a urgência de urinar com frequência.

0/5 (0 Reviews)
Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Ana Karolynne Goncalve

Sou graduada no curso de Nutrição pela Universidade Federal do Maranhão(UFMA), CRN6-MA 16199, com Mestrado na área da Nutrição Clínica com relação ao metabolismo, prática e terapia nutricional, realizado também na Universidade Federal do Maranhão(UFMA), Atualmente trabalho no campo de pesquisa sobre a Qualidade e Inovação em Alimentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *