Ciclobenzaprina: Para que Serve, Como usar e Malefícios do Uso!

Revisado por

Educação Física pela UGF

Especialista do Dicas de Saúde

Ciclobenzaprina: Para que Serve, Como usar e Malefícios do Uso!
4.7 (93.64%) 22 voto[s]

Ciclobenzaprina: Para que Serve, Como Usar e Malefícios do Uso. Alem disso, O Cloridrato de Ciclobenzaprina (substância ativa) é destinado ao tratamento de espasmos musculares associados com condições musculoesqueléticas agudas e dolorosas, como as lombalgias, torcicolos, periartrite escapuloumeral, cervicobraquialgias e no tratamento da fibromialgia. Além disso, é indicado como coadjuvante de outras medidas para o alívio dos sintomas, tais como fisioterapia e repouso.

Ciclobenzaprina

Usos:

A Ciclobenzaprina é usada a curto prazo para tratar espasmos musculares. Geralmente é usado junto com repouso e fisioterapia. Funciona ajudando no relaxamento dos músculos.

Como usar o Cyclobenzaprine:

Tome este medicamento por via oral com ou sem alimentos, conforme indicado pelo seu médico, geralmente 3 vezes ao dia.
A dosagem é baseada em seu problema médica e resposta ao tratamento. Este medicamento só deve ser usado a curto prazo (durante 3 semanas ou menos), a menos que indicado pelo seu médico. Não aumente a dose ou use este medicamento com mais frequência ou por mais tempo do que o prescrito. Seu problema médico não melhorará mais rapidamente e o risco de efeitos colaterais aumentará.

Informe à seu médico caso o problema persista após 2 a 3 semanas ou se agravar.

Efeitos Colaterais:

Sonolência, tontura, boca seca, constipação ou cansaço podem ocorrer. Caso algum destes efeitos persista ou piore, informe o seu médico ou farmacêutico imediatamente.

Lembre-se de que seu médico receitou este medicamento porque julgou que o benefício para é maior do que o risco de efeitos colaterais. Muitas pessoas que usam este medicamento não têm efeitos colaterais graves.

Informe à seu médico imediatamente caso tenha quaisquer efeitos colaterais graves, incluindo: batimentos cardíacos rápidos e irregulares, alterações mentais e do humor (como confusão, alucinações) e dificuldade em urinar.

Uma reação alérgica muito grave a este remédio é raro. No entanto, procure ajuda médica imediatamente caso note quaisquer sintomas de uma reação alérgica grave, incluindo: erupção cutânea, comichão, inchaço (especialmente da face/ língua/garganta), tonturas graves e dificuldade em respirar.
Esta não é uma lista completa de possíveis efeitos colaterais. Caso note outros efeitos não listados acima, contate o seu médico ou farmacêutico.

Precauções:

Antes de tomar Cyclobenzaprine, informe à seu médico ou farmacêutico caso seja alérgico a ela; ou se tiver outras alergias. Este produto pode conter ingredientes inativos, que podem causar reações alérgicas ou outros problemas. Fale com o seu farmacêutico para mais detalhes.
Antes de usar este medicamento, informe à seu médico ou farmacêutico seu histórico médico, especialmente de: doença hepática, tireoide hiperativa (hipertireoidismo), problemas cardíacos (como batimentos cardíacos irregulares, bloqueio cardíaco, insuficiência cardíaca e ataque cardíaco recente), dificuldade para urinar (como devido a um aumento da próstata) e glaucoma.

Ciclobenzaprina como tomar

Este remédio pode deixá-lo tonto ou sonolento. Álcool ou maconha podem deixá-lo mais tonto ou sonolento. Não dirija, use máquinas ou faça qualquer coisa que precise de atenção até poder executar com segurança. Evite bebidas alcoólicas. Converse com seu médico caso esteja usando maconha.
Antes de fazer uma cirurgia, informe à seu médico ou dentista sobre todos os produtos usados (incluindo medicamentos prescritos, sem receita médica e produtos fitoterápicos).

Os adultos mais velhos podem ser mais sensíveis aos efeitos colaterais desse remédio, especialmente sonolência, confusão, constipação ou dificuldade para urinar. Sonolência e confusão podem aumentar o risco de cair. Durante a gravidez, este medicamento deve ser usado somente quando necessário. Discuta os riscos e benefícios com o seu médico.
Não se conhece se este medicamento passa para o leite materno. No entanto, remédios semelhantes passam para o leite materno. Consulte o seu médico antes de amamentar.

Interações:

As interações medicamentosas podem alterar a forma como seus medicamentos funcionam ou aumentam o risco de efeitos colaterais graves. Este documento não contém todas as interações medicamentosas possíveis. Mantenha uma lista de todos os produtos usados (incluindo prescrito, sem receita médica e produtos fitoterápicos) e compartilhe com seu médico e farmacêutico. Não inicie, pare ou altere a dosagem de qualquer medicamento sem a aprovação do seu médico. Alguns produtos que podem interagir com este medicamento incluem: antidepressivos tricíclicos (como amitriptilina, imipramina).

Tomar inibidores da MÃO com este medicamento pode causar uma interação medicamentosa grave (possivelmente fatal). Evite tomar inibidores (isocarboxazida, linezolida, moclobemida, fenelzina, procarbazina, rasagilina, safinamida, selegilina, tranilcipromina) durante o tratamento com esta medicação. A maioria desse inibidores também não deve ser tomada por duas semanas antes do tratamento com esta medicação. Pergunte ao seu médico quando iniciar ou parar de tomar este medicamento.

Antes de usar este medicamento, relate o uso de remédios que aumentam a serotonina, incluindo certos antidepressivos e tramadol, entre outros.
Informe à seu médico ou farmacêutico caso esteja tomando outros produtos que causam sonolência, como opioide para dor ou tosse (como codeína, hidrocodona), álcool, maconha, remédios para dormir ou ansiedade (como alprazolam, lorazepam, zolpidem), outros relaxantes musculares (como carisoprodol, metocarbamol) ou anti-histamínicos (como cetirizina, difenidramina).

Verifique os rótulos de todos os seus medicamentos (como alergia ou produtos para tosse e resfriado), pois podem conter ingredientes que causam sonolência. Pergunte ao seu farmacêutico sobre o uso desses produtos com segurança.

Overdose:

Se alguém tiver uma overdose e apresentar sintomas graves, como desmaio ou dificuldade para respirar, ligue para o serviço de emergência. Os sintomas de sobredosagem podem incluir: batimentos cardíacos rápidos e irregulares, desmaios, sonolência grave, fala arrastada, convulsões, alterações mentais e do humor (como confusão, alucinações).

Notas:

  • Não compartilhe este medicamento com os outros.
  • Este medicamento foi prescrito somente para o problema atual.
  • Não use mais tarde para outra condição, a m00enos que seu médico lhe oriente.
  • Uma medicação diferente pode ser necessária nesse caso.

medicamento Ciclobenzaprina

Dose Perdida:

Caso perca uma dose, tome assim que lembrar. Se estiver perto da hora da próxima dose, pule a dose e retome o seu esquema posologia habitual. Não duplique a dose para recuperar o atraso.

Armazenamento:

Armazene em temperatura ambiente longe de luz e umidade. Não guarde no banheiro. Mantenha todos os medicamentos fora do alcance de crianças e animais de estimação.

Não descarte os medicamentos no vaso sanitário ou em um ralo, a menos que seja recomendado. Descarte este produto adequadamente quando expirar ou não for mais necessário.

0/5 (0 Reviews)

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Francisco Silva

Sou Formado em Educação Física, pela UGF – (Universidade Gama Filho) - Na turma 2012-2016. Atuei e atuo em academias e clubes, nas modalidades de Musculação do Iniciante ao Avançado, Ginástica em Grupo, Natação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

Inhame Amargo: O que é, Como Funciona e Efeitos Colaterais

Nabumetona

Nabumetona: Para que Serve, Como Usar e Efeitos Colaterais!