Os 12 Sintomas e Causas do Refluxo Ácido

Revisado por

Graduado em Ciências da Nutrição!

Especialista do Dicas de Saúde

Os Sintomas e Causas do Refluxo Ácido que muitas pessoas ignoram. Alem disso, o refluxo ácido é frequentemente associado a azia, mas caso sofra de azia mais do que duas vezes por semana, você está realmente sofrendo de refluxo ácido, também conhecido como refluxo gastroesofágico (DRGE).

O DRGE é causado quando o ácido se move para o esôfago muitas vezes porque o esfíncter esofágico inferior (o músculo no fundo do esôfago) não fecha corretamente  provocando uma sensação de queimação.

Refluxo ÁcidoA DRGE afeta cerca de 20% da população dos EUA, deixando muitas pessoas sofrendo deste problema doloroso. Embora a azia ocasional seja normal, caso experimente esse problema com frequência, você pode estar portando de refluxo gastresofágico ou outra condição. É extremamente importante falar com seu médico para recuperar o corpo.

Uma causa comum de refluxo ácido é uma anormalidade do estômago chamada hérnia hiatal. Este tipo de hérnia é causado quando a parte superior do estômago o esfíncter esofágico inferior, que normalmente mantém o ácido fora de sua garganta fica ácido e causa uma sensação de queimação. Então confira Os 12 Sintomas e Causas do Refluxo Ácido.

  • Comer grandes refeições;
  • Sobrepeso ou obesidade;
  • Comer antes de ir dormir;
  • Consumir alimentos como cítricos, tomates, chocolate, hortelã, alho, cebolas ou alimentos picantes ou gordurosos;
  • Beber álcool, bebidas carbonatadas, café ou chá;
  • Fumar;
  • Estar grávida;
  • Tomar aspirina, ibuprofeno, relaxantes musculares ou medicamentos para pressão arterial;

Os sintomas mais comuns do refluxo ácido são azia e regurgitação. O aquecimento do estômago é aquela sensação de queimação e desconforto que se move de estômago para o abdômen ou tórax, e até mesmo a garganta.

A regurgitação é um ácido com sabor amargo ou azedo que se move em sua garganta ou boca. Nem são agradáveis, mas ambos são possivelmente indicativos de refluxo ácido caso seja sentido frequentemente. Caso tenha uma doença de refluxo ácido, você pode experimentar:

  • Inchaço;
  • Fezes sangrentas ou pretas;
  • Vômito sangrento;
  • Disfagia um estreitamento do esôfago, que parece que a comida está presa na garganta;
  • Náuseas;
  • Perda de peso inexplicável;
  • Sibilância, tosse seca, rouquidão ou dor de garganta constante;

Tratamento: Caso experimente esses sintomas mais do que duas vezes por semana, ou eles comecem a interferir com sua vida ou ao dormir, é importante visitar seu médico.

Muitas vezes, você pode tratar refluxo ácido com as seguintes ações:

  • Não deite, durma ou dobre logo após uma refeição;
  • Eleve a cabeça ao dormir;
  • Coma pelo menos duas a três horas antes de dormir;
  • Durma em uma cadeira para cochilos diurnos;
  • Perca peso caso esteja acima do peso;
  •  Evite cintos apertados;
  • Pare de fumar;
  • Evite possíveis alimentos desencadeantes como alimentos picantes, cebolas, produtos cítricos, produtos de tomate como molho de macarrão ou ketchup, alimentos gordurosos ou fritos, hortelã, chocolate, álcool, bebidas carbonatadas e café ou outras bebidas com cafeína;
  •  Evite refeições grandes ou gordurosas;
0/5 (0 Reviews)

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Rafael Cardoso

Com mais de 5 anos de experiência, Rafael Almeida é Graduado em Ciências da Nutrição pela Universidade Ceuma desde 2012. Atua em Atendimento Clínico-Nutricional, com foco no bem estar e qualidade de vida do paciente, através da reeducação alimentar e acompanhamento nutricional, com planos alimentares personalizados, de acordo com o objetivo e avaliação clínica individual, comprometido com o sucesso do tratamento de seus pacientes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

Receita de Mousse de Hibisco

Suco Roxo Detox Para EMAGRECER até 5kg em 15 Dias