Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Dicas de Saúde Doenças Doenças e Tratamentos Sintomas

Os 12 Principais Sintomas da Doença de Addison

Os Principais Sintomas da Doença de Addison que não devemos ignorar. Além disso, a Doença de Addison é uma desordem que ocorre quando seu corpo produz quantidades insuficientes de certos hormônios produzidos pelas glândulas adrenais. Na Doença de Addison, suas glândulas adrenais produzem muito pouco cortisol e, muitas vezes, níveis insuficientes de aldosterona também. Também chamado de insuficiência adrenal, a Doença de Addison ocorre em todas as faixas etárias e afeta ambos os sexos. A Doença de Addison pode ser fatal. O tratamento para a Doença de Addison envolve a adoção de hormônios para substituir as quantidades insuficientes feitas por suas glândulas adrenais, a fim de imitar os efeitos benéficos produzidos por seus hormônios naturais.

Causas da Doença de Addison: A Doença de Addison resulta quando suas glândulas adrenais são danificadas, produzindo quantidades insuficientes de hormônios cortisol e, muitas vezes, de aldosterona também. Estas glândulas estão localizadas logo acima dos rins. Como parte de seu sistema endócrino, eles produzem hormônios que dão instruções para praticamente todos os órgãos e tecidos em seu corpo.

Suas glândulas adrenais são compostas por duas seções. O interior (medula) produz hormônios tipo adrenalina. A camada externa (córtex) produz um grupo de hormônios chamados de corticosteróides, que incluem glicocorticóides, mineralocorticóides e hormônios sexuais masculinos (andrógenos). Alguns dos hormônios produzidos pelo córtex são essenciais para a vida – os glicocorticóides e os mineralocorticóides.

  • Glucocorticóides. Estes hormônios, que incluem cortisol, influenciam a capacidade do seu corpo para converter combustíveis alimentares em energia, desempenham um papel na resposta inflamatória do seu sistema imunológico e ajudam o seu corpo a responder ao estresse.
  • Mineralocorticóides. Estes hormônios, que incluem aldosterona, mantêm o equilíbrio do seu corpo de sódio e potássio para manter sua pressão arterial normal.
  • Andrógenos. Estes hormônios sexuais masculinos são produzidos em pequenas quantidades pelas glândulas adrenais em homens e mulheres. Eles causam o desenvolvimento sexual nos homens e influenciam a massa muscular, a libido e a sensação de bem-estar tanto em homens como em mulheres.

Sintomas da Doença de Addison: Os sintomas da Doença de Addison geralmente se desenvolvem lentamente, muitas vezes ao longo de vários meses, e podem incluir:

  • Fadiga extrema
  • Perda de peso e diminuição do apetite
  • Escurecimento da sua pele (hiperpigmentação)
  • Pressão arterial baixa, mesmo desmaie
  • Desejo de sal
  • Baixa quantidade de açúcar no sangue (hipoglicemia)
  • Náuseas, diarreia ou vômitos
  • Dor abdominal
  • Dores musculares ou articulares
  • Irritabilidade
  • Depressão
  • Perda de cabelo corporal ou disfunção sexual em mulheres

Quando Consultar um Médico: Consulte o seu médico se você tem sinais e sintomas que ocorrem geralmente em pessoas com Doença de Addison, tais como:

  • Escurecimento das áreas da pele (hiperpigmentação)
  • Fadiga severa
  • Perda de peso involuntária
  • Problemas gastrointestinais, como náuseas, vômitos e dor abdominal
  • Tonturas ou desmaios
  • Anseios de sal
  • Dores musculares ou articulares

Seu médico pode ajudar a determinar se a Doença de Addison ou alguma outra condição médica pode estar causando esses problemas.

Tratamentos da Doença de Addison: Todo o tratamento para a Doença de Addison envolve terapia de reposição hormonal para corrigir os níveis de hormônios esteroides que seu corpo não está produzindo. Algumas opções de tratamento incluem:

  • Corticosteroides orais. A hidrocortisona (Cortef), a prednisona ou o acetato de cortisona podem ser usados ​​para substituir o cortisol. Seu médico pode prescrever fludrocortisona para substituir a aldosterona.
  • Injeções de corticosteroides. Se você estiver doente com vômitos e não pode reter medicamentos orais, podem ser necessárias injeções.

Recomenda-se uma grande quantidade de sódio, especialmente durante o exercício pesado, quando o clima está quente ou se você sofre de perturbações gastrointestinais, como diarreia. O seu médico também sugerirá um aumento temporário da sua dosagem se estiver enfrentando uma situação estressante, como uma operação, uma infecção ou uma doença menor.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.