Chá de Tanchagem: Para que Serve, Benefícios e Como Fazer!

Revisado por

Dermatologia graduada pela Unicamp

Especialista do Dicas de Saúde

Chá de Tanchagem: Para que Serve, Benefícios e Como Fazer!
4.8 (96.06%) 310 votos

Tanchagem ou Chá de Tanchagem para que serve, benefícios, como fazer, como usar, receitas e se há efeitos colaterais do Chá de Tanchagem são tópicos que vamos detalhar neste artigo. Além disso, a tanchagem ( Plantago Lanceolata ) é uma planta herbácea perene da família Plantaginaceae muito comum em toda a Europa e Norte da África. Ela cresce praticamente em todos os lugares entre prados, campos, colinas e até mesmo nas rachaduras no meio das calçadas.

Chá de Tanchagem
Chá de Tanchagem

O nome “tanchagem” deriva do termo latino ” Planta” devido à forma das folhas que se assemelham à sola do pé, mas também devido ao uso feito pelos viajantes. Eles costumavam aplicar folhas frescas diretamente sobre a pele danificada do caminho ou usá-la como um antídoto para picadas de cobra e escorpião.

Propriedades:

O Chá de Tanchagem já era apreciado desde os tempos antigos. Na Idade Média, foi usado para tratar queimaduras, úlceras, inflamações oculares, passagens nasais e mordidas de cães e também para parar o sangramento e tratar feridas.

O Chá de Tanchagem ganhou a maior reputação e é provavelmente mais conhecido por suas propriedades de cicatrização de feridas. O efeito adstringente, antibacteriano e anti-inflamatório do chá faz com que seja útil no tratamento de pequenas feridas, cortes e arranhões.

Pode ser aplicado diretamente na pele danificada, a fim de interromper o sangramento, acelerar a cicatrização, parar a coceira e aliviar a dor. Considera-se útil no tratamento de picadas de cobras e insetos e urticária. Além disso, a erva tem sido usada para tratar eczema, psoríase e queimaduras de primeiro grau.

Além disso, o Chá de Tanchagem tem propriedades adstringente, antibacteriana, redutora de irritação, expectorante, analgésica, anti-inflamatória, desintoxicante, cicatrizante, depurativa, descongestionante, digestiva, diurética, sedativa, laxativa e tônica

Benefícios:

Ajuda a Prevenir o Câncer:

A natureza anti-inflamatória deste chá é bem conhecida. Isso permite que ele funcione como um agente anti-cancerígeno e anti-tumores também. Ele diminui e reprime o crescimento de células cancerígenas e tumores, sendo assim bastante eficiente em aliviar e prevenir a propagação desta condição maligna.

Bom Para o Sistema Digestivo:

Beber uma xícara de o Chá de Tanchagem para aliviar a inflamação incomodando sua barriga. Ele também ajuda a melhorar o fogo digestivo e até mesmo combater problemas de constipação de maneira saudável. Uma cura eficaz para diarreia, este chá é um remédio eficaz para úlceras gástricas, úlceras intestinais, dispepsia e disenteria.

Ajuda a Lidar com Problemas Pós-Parto:

Estudos sugerem que o Chá de Tanchagem pode ser usado para recuperação pós-parto mais rápida. Enquanto a natureza estica ajuda no controle do sangramento, esta erva também é conhecida por ajudar na eliminação da placenta. É conhecido por ter impactos positivos no controle das cãibras associadas à recuperação pós-parto. Também ajuda a tonificar o útero após o nascimento da criança.

Diurético Natural:

O Chá de Tanchagem é uma cura natural para condições inflamatórias que afetam a bexiga e os rins. Sendo um diurético natural e um demulcente, permite a micção frequente, eliminando assim as toxinas dos rins e bexigas. Também é eficaz em aliviar as condições de edema em vários problemas de saúde. Ele também pode ser usado como uma cura eficaz para molhar a cama em bebês.

Ajuda a Aliviar a Caspa:

O Chá de Tanchagem tem sido apontada como um remédio eficaz para caspa e couro cabeludo escamoso desde tempos imemoriais. As propriedades anti-sépticas e antibacterianas desta erva protegem o seu couro cabeludo contra infecções e oferecem alívio da caspa.

Trata Acne e Rosácea:

Para Que Serve o Chá de Tanchagem
Para Que Serve o Chá de Tanchagem

Condições inflamatórias da pele, como acne e rosácea, obtêm benefícios da aplicação tópica do Chá de Tanchagem. Além de aliviar a inflamação e prevenir a região de infecções, esta erva também evita a formação de cicatrizes, induzindo uma cicatrização mais rápida e a regeneração das células da pele.

Trata Gripes e Resfriados:

O Chá de Tanchagem tem propriedades expectorantes. Isto significa que promove a remoção de muco a partir da traqueia e brônquios, abrindo as vias aéreas e melhorar o bem-estar do paciente sofre de catarro brônquica, bronquite crônica, tosse, sinusite, constipações, ou outras doenças catarral .

Trata Picadas de Inseto:

O Chá de Tanchagem, por sua ação anti-inflamatória e antimicrobiana, são efetivamente usadas externamente na pele para tratar feridas, picadas de insetos e picadas de animais. Podem ser aplicados localmente por ataduras, após uma lavagem cuidadosa em água fervida na picada. Além de aliviar a dor e matar os germes, o Chá de Tanchagem agirá sobre a ferida, bloqueando o sangramento e acelerando a cura, graças à sua ação curativa.

Ajuda a Tratar Conjuntivite:

Também por causa das suas propriedades anti-inflamatórias e anti-microbianos, o Chá de Tanchagem é muito útil para as doenças dos olhos, tais como conjuntivite, pálpebra e inflamação dos olhos também alérgica.

Ajuda a Tratar Problemas na Cavidade Oral:

O Chá de Tanchagem também é extremamente útil para resolver a inflamação da cavidade oral e das vias aéreas superiores. Suas propriedades são reforçadas através da combinação da tanchagem com as folhas de malva, usá-los em conjunto para a preparação de um chá de ervas quente, a ser utilizado para fazer a lavagem que terá a capacidade para aliviar a inflamação causada por gengivite, periodontite, dor de garganta e faringite.

Alivia Prurido na Pele:

O Chá de Tanchagem também têm propriedades antipruriginosas e são muito úteis para aliviar todas as irritações da pele acompanhadas de prurido, como a dermatite alérgica.

A banana também tem um efeito purificador, diurético e anti-anêmico .

Confira no vídeo abaixo um dos principais benefícios do Chá de Tanchagem:

Chá de Tanchagem Ajuda a Emagrecer:

O Chá de Tanchagem também pode ser utilizado em processos e dietas de emagrecimento. A planta tem grande efeito diurético, o que já foi provado em laboratório. Ao eliminar a água do corpo pela urina, há a redução do inchaço do organismo.

Isso não quer dizer, entretanto, que a perda do inchaço seja suficiente para a pessoa emagrecer. Esses processos sempre devem ser acompanhados de dieta alimentar apropriada e, claro, exercícios físicos recomendados por médicos, como caminhadas.

Contra-Indicações:

O consumo não é recomendado para aqueles que usam anticoagulantes, ou coagulantes, pois o Chá de Tanchagem pode interferir no primeiro caso e aumentar o efeito do fármaco no segundo.

Se ingerido em grandes quantidades, o Chá de Tanchagem pode causar constipação.

Como Reconhecer se a Planta é Tanchagem:

Sim, tanchagem há em qualquer lugar e, por isso mesmo, é super importante que você saiba reconhecê-la, para não coletar outra planta qualquer, o que poderá ser, até, perigoso para sua saúde.

As tanchagens não possuem caule algum – soltam uma roseta de folhas acima do solo e, no centro destas, um caule com sementes, ou flores pequeninas. Lembre-se que todas têm as tais 7 veias que as diferenciam de outras ervas semelhantes no formato.

As folhas novas são mais suaves ao paladar mas, as folhas maduras, mais velhas, são mais ricas em fitoquímicos específicos.

Nunca colha, para fins medicinais ou alimentares, tanchagem ou qualquer outra planta que se encontre em local poluído, em beira de ruas e estradas, em praças públicas urbanas ou perto de áreas agrícolas que usam agrotóxicos em seus cultivos. Essas recomendações são para a preservação da tua saúde afinal você não vai querer tomar um caldo de veneno junto com planta tão benéfica.

Onde Comprar a Tanchagem?

Você pode comprar tanchagem em forma de chá ou como tintura (extrato hidroalcoólico) em qualquer fitoterapeuta. Você também pode comprá-lo através da internet.

Como Usar:

Para gargarejar, a tanchagem deve passar por um processo de fervura que dure pelo menos 15 minutos, a proporção aproximada seria de 60 gr. de folhas em um litro de água, quando está pronto as folhas são removidas e o líquido é usado para as gargarejos.

Para beber em infusões, a proporção seria de aproximadamente 30 gr. de folhas em um litro de água, deixe ferver por cerca de 10 minutos, retire as folhas e reserve para ingerir até 4 xícaras por dia.

Receitas:

Chá de Tanchagem

Chá de Tanchagem:

INGREDIENTES:

  • 1 xícara de folhas de tanchagem frescas.
  • 2 xícaras de água
  • Tigela à prova de calor com tampa de encaixe

MODO DE PREPARO:

  • Lave bem as folhas de tanchagem e mantenha-as em uma tigela com tampa.
  • Ferva a água e despeje sobre as folhas na tigela, cubra com a tampa e deixe em infusão até que a tigela esteja fria ao toque.
  • Coe o chá e guarde na geladeira por até duas semanas.
  • Beba 1-2 xícaras de Chá de Tanchagem por dia para controlar a diarreia ou aliviar os sintomas do resfriado e da febre.
  • Você pode beber simples ou adicionar mel a gosto.

Dosagem e Administração:

Como chá: 1 / 4-1 / 2 colher de chá (1-3 gramas) das folhas secas ou frescas em um copo de água quente mergulhada por 10 a 15 minutos. A dose diária recomendada é de três xícaras por dia.

As folhas frescas podem ser aplicadas diretamente, várias vezes ao dia, para tratar pequenas lesões, dermatites e picadas e picadas de insetos.

Efeitos Colaterais:

As pessoas que estão usando qualquer tipo de insulina precisam saber que o Chá de Tanchagem pode reduzir o açúcar no sangue e evitar o consumo de banana-da-terra. Mulheres grávidas e lactantes devem sempre consultar seu médico antes de tomar qualquer tipo de remédio herbal.

0/5 (0 Reviews)
Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Wanessa Matos

Drª. Wanessa Matos Dermatologista formou-se em Medicina na Unicamp e na mesma instituição realizou sua residência em Dermatologia, obtendo o título de especialista. Atua nas áreas de dermatologia clínica, cirúrgica e estética. Além disso, é sócio titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia, com registro no Conselho Regional de Medicina e Associação Médica Brasileira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *