Refrigerante de Gengibre Caseiro Para Tratar Enxaqueca

Revisado por

Drª. Valeria Carneiro Graduada em Ginecologia e Obstetrícia!

Especialista do Dicas de Saúde

Refrigerante de Gengibre Caseiro Para Tratar Enxaqueca
4.8 (95.92%) 211 votos

Refrigerante de Gengibre Caseiro Para Tratar Enxaqueca, uma bebida folclórica que sobreviveu aos faraós, entre outros, é nada mais que água com gás infundida com gengibre. Além disso, quando uma enxaqueca terrível supera a capacidade de pensar, ou um espasmo muscular, atrapalha o raciocínio. Refrigerante de Gengibre Caseiro Para tratar Enxaqueca é  muito importante quando a pessoa se sente desesperada, é quando inicia-se a pesquisa por remédios caseiros naturais.

Refrigerante de Gengibre Caseiro Para Tratar Enxaqueca  pode se tornar um remédio caseiro interessante para a enxaqueca. O gengibre regula as vias bioquímicas ativadas na inflamação crônica.Refrigerante de Gengibre Caseiro

Células danificadas produzem ácido araquidônico. Isto é convertido em prostaglandina, por duas enzimas, ciclooxigenase-1 e -2 (COX-1 e COX-2).

As prostaglandinas desencadeiam então uma cascata de reações, causando inflamação (dor, inchaço, vermelhidão). Os componentes ativos do gengibre– gingerol e shogaol – inibem COX-1 e COX-2, atacando o problema de prostaglandina em sua raiz.

Nenhuma prostaglandina significa inflamação inibida. Esta tática analgésica ou eliminadora de dor seguida pelo gengibre é muito semelhante às drogas antiinflamatórias não-esteroides convencionais, como aspirina, ibuprofeno ou naproxeno.

Para reforçar ainda mais sua estratégia anti-inflamatória, o gengibre também inibe a síntese de outros agentes do sistema imunitário, tais como leucotrienos, citocinas, incluindo TNF-α (nada além de mensageiros químicos que dão o sinal verde para o início do processo de inflamação), e fatores de transcrição como NfκB. Tudo somado, é uma reação imune suprimida e inflamação sufocada.

Enxaqueca: Mais do que apenas uma mera dor de cabeça, enxaquecas são um distúrbio do sistema nervoso central que afeta o cérebro. Acionada por luzes brilhantes, sons altos, cheiros penetrantes, mudanças climáticas, horários de sono impróprios, ou estresse, dores de cabeça são apenas um dos sintomas de uma enxaqueca. Náusea, constipação, desejo por alimentos, rigidez do pescoço, visão turva, são outros percebidos. Embora a causa exata e maneiras da enxaqueca sejam incertas, genética e gênero desempenham um papel importante.

As células do cérebro excitadas estimulam a serotonina de neurotransmissor. Uma teoria sustenta que a serotonina dilata os vasos sanguíneos, causando dor intensa, tipicamente unilateral, palpitante. É defendida por entusiastas do gengibre que este item, com toda a probabilidade, alivia a dor da enxaqueca, bloqueando os receptores de serotonina. No final do dia, gengibre é eliminador de dor natural. A próxima vez que uma enxaqueca atingir, considerar seguir para a cozinha e rapidamente optar pelo refrigerante de gengibre caseiro para tratar enxaqueca. Então, confira Refrigerante de Gengibre Caseiro Para Tratar Enxaqueca. 

Receita de Refrigerante de Gengibre:

INGREDIENTE:

MODO DE PREPARO:

  • Adicionar 1 gengibre finamente picado a 2 xícaras de água fervente.
  • Deixar cozinhar por 5 minutos.
  • Coar para remover pedaços de gengibre.
  • Misturar a água infundida de gengibre com água espumante (água gaseificada) numa proporção de 1 por 3.
  • Adicionar o mel, o Stevia, ou o suco de Limão para dar sabor.
  • Adicionar alguns cubos de gelo e pronto.

Preocupação Se Um Analgésico Natural Vai Realmente Funcionar: A pesquisa provou que o gengibre é tão eficaz quanto o sumatriptano, menos os efeitos colaterais. As propriedades anti-inflamatórias do gengibre fazem o refrigerante de gengibre caseiro para tratar enxaqueca ser útil não só para acabar com enxaquecas, mas também no tratamento de alergias, cólicas menstruais e dores musculares após intensa atividade física. O refrigerante de gengibre caseiro para tratar enxaqueca pode dessensibilizar os receptores de dor.

0/5 (0 Reviews)
Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Valéria Carneiro

Drª. Valeria Carneiro Graduada na Universidade Federal de Minas Gerais em Medicina Especializada em Ginecologia e Obstetrícia, Pós Graduada no Departamento de Ginecologia na UNIFESP/ EPM a 2 anos, Experiencia clinica em patologias do trato genital feminino e foco em cirurgias ginecológicas como também especialista em partos normais e cirúrgicos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *