Receita Caseira Eficaz Para Aliviar Conjuntivite

Revisado por

Formado em Medicina pela USP!

Especialista do Dicas de Saúde

Receita Caseira Eficaz Para Aliviar Conjuntivite
4.8 (95.9%) 239 votos

A Receita Caseira Eficaz Para Aliviar Conjuntivite de forma rápida e eficaz é uma alternativa caseira e simples. Além disso, a conjuntivite é uma doença ocular desagradável causada por alergias ou infecções. O corpo pode curar-se sozinho, mas há algumas medidas que podem ser tomadas para acelerar o processo, dependendo do tipo de conjuntivite que você tiver. Eis aqui o que você precisa saber sobre como se livrar deste problema rapidamente. A conjuntivite viral pode afetar um ou os dois olhos, e quem estiver contaminado pode ter sensibilidade à luz. Ela é muito contagiosa e difícil de tratar. Geralmente, é preciso deixá-la passar sozinha, o que pode levar de uma a três semanas. O melhor jeito de tratar a conjuntivite viral é prevenir as complicações que podem surgir a partir dela.

Receita Caseira Eficaz Para Aliviar ConjuntiviteA conjuntivite, também conhecida como olhos vermelhos, é o termo clínico que descreve a inflamação ou infecção da fina membrana (conjuntiva) que cobre a parte branca dos olhos e o interior das pálpebras. Quando a conjuntiva fica irritada, os pequenos vasos sanguíneos que a compõem dilatam para expulsar as substâncias tóxicas e trazer os anticorpos de proteção para a superfície do olho. Portanto, o olho adquire uma cor vermelho rosado.

Principais Sintomas da Conjuntivite:

  • Ardência ou coceira constante.
  • Extrema sensibilidade à luz e lacrimejamento.
  • Vermelhidão dos olhos e sua superfície pode inchar.
  • Secreção aquosa, mucosa ou, no caso de uma infecção bacteriana, uma supuração espessa que sai dos olhos(de manhã os olhos parecem estar selados com cola).

As Principais Causas da Conjuntivite:

  • Infecções por vírus associadas com resfriados, herpes simplex.
  • Infecções por bactérias contraídas pelo contato entre a mão e o olho ao tocar qualquer coisa que tenha estado em contato com uma matéria infecciosa.
  • Corpos estranhos que entram sob as pálpebras.
  • A exposição à luz ultravioleta.
  • Alergias causadas por cosméticos ou soluções usadas para limpar lentes de contato.
  • Vento.
  • Fumaça e outros tipos de contaminação do ar.
  • Cloro da piscina.

Descubra que tipo de conjuntivite você tem. Esta doença pode ser ocasionada por vírus, bactérias ou alergias. Todos os tipos de conjuntivite fazem os olhos ficarem vermelhos, lacrimejantes e coçando, mas outros sintomas variam de acordo com a causa. A conjuntivite bacteriana provoca uma secreção grudenta, amarela ou verde, localizada no canto dos olhos. Em casos extremos, este secreção pode fazer com que as pálpebras fiquem grudadas. Ela pode afetar um olho ou os dois e é contagiosa.

O melhor é buscar tratamento médico. Você pode até conseguir se curar em casa, mas antibióticos podem reduzir a duração de modo significativo. A conjuntivite alérgica costuma ser acompanhada de outros sintomas de alergia, como nariz entupido ou escorrendo. Ela afeta os dois olhos e não é contagiosa. É comum tratá-la em casa, mas pacientes que têm alergias severas podem precisar de tratamento médico para melhorar de modo mais rápido. Então confira agora A Receita Caseira Eficaz Para Aliviar Conjuntivite.

INGREDIENTE:

Aliviar ConjuntiviteMODO DE PREPARO:

  • Passar a Cenoura pela centrífuga e utilizar o suco para fazer compressas molhadas com algodão ou gaze.
  • Para usar, deve-se colocar a compressa sobre o olho fechado durante 15 minutos.
  • Para melhorar o efeito, é recomendado renovar a compressa a cada 5 minutos.
  • Isto pode ser feito 2 vezes por dia.
  • sempre após a lavagem dos olhos com água ou soro fisiológico.
0/5 (0 Reviews)

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Osmar da Costa Junior

Sou formado em medicina pela USP no ano de 2012. Atuo na área de estudo e orientação inicial de doentes; Coordenação de exames de saúde regular; Diagnóstico e tratamento de grande parte das doenças de adultos; Acompanhamento e tratamento de doentes crônicos; Orientação de pacientes que apresentam quadros complexos, com patologias raras e múltiplas, juntamente com a participação de outros especialistas, quando for necessário; Integração final de dados clínicos e exames complementares, decorrentes da observação dos pacientes por outro especialista. Atualmente sou Clinico Geral residente no Hospital Regional de Cotia e Editor no site "Dicas de Saúde" onde tenho participação com comentários, e criação de artigos relacionados a saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *