Como Tratar a Síndrome do Intestino Irritável Naturalmente

Revisado por

Dermatologia graduada pela Unicamp

Especialista do Dicas de Saúde

Como Tratar a Síndrome do Intestino Irritável Naturalmente
4.8 (95.81%) 124 voto[s]

Como Tratar a Síndrome do Intestino Irritável Naturalmente de forma eficaz. Além disso, a síndrome do intestino irritável, é uma doença crônica cujos principais sintomas são dor abdominal e mudanças no ritmo do sistema digestivo. As causas do intestino irritável não são totalmente claras. No entanto, alguns estudos descobriram que a doença ocorre com maior incidência nos pacientes com algum tipo de intolerância alimentar, que sofre de qualquer alteração hormonal, ou que pode ser devida a factores genéticos.

Como Tratar a Síndrome do Intestino IrritávelPrincipais Sintomas do Intestino Irritável: Como observamos acima, um dos sintomas mais característico é a dor abdominal. É uma dor na parte inferior do abdômen e sentir dores, intensidade ligeira ou moderada; e, em geral, geralmente é aliviada após a defecação. Outro dos sintomas mais comuns em pessoas que sofrem desta doença é a alteração nos hábitos intestinais, quer sob a forma de constipação ou diarreia. Então, confira Como Tratar a Síndrome do Intestino Irritável Naturalmente.

Chá de Anis: Este é o melhor remédio natural que existe para combater a síndrome do intestino irritável. Uma planta que funciona como um encanto, especialmente quando a dor abdominal é intensa e alivia quase que imediatamente. No entanto, o chá de anis não é aconselhável tomar se tiver diarreia.

Para prepará-lo você simplesmente tem que colocar água para ferver e, quando chegar ao seu ponto de ebulição, adicione uma colher de sopa de sementes de anis. Tome no café da manhã e chá da tarde.

Chá de Sálvia: Sálvia é um dos mais desejável tomar como um chá se um tem Síndrome do Intestino Irritável. Ao contrário de anis, você pode tomar tanto se você tem diarreia e constipação. Um bom chá que vem a calhar para controlar os distúrbios abdominais que causam esta doença, uma vez que age como sedativo, para que alivia o inchaço.

Preparar por mistura de 10 gramas de sálvia com três xícaras de água a ferver. Deixe repousar 5 minutos. Pode tomar até três infusões diárias.

Chá de Tomilho: Outra remédio caseiro que funciona melhor quando aliviar os sintomas da síndrome do intestino irritável. Uma planta que ajuda a ter uma melhor digestão e também aliviar a dor e inflamação, bem limpa os intestinos de bactérias e toxinas.

Só que aconselhados a tomar o chá de tomilho durante o dia. Basta misturar 1 colher de chá de tomilho, 1 xícara de água fervente, escorra e deixe descansar por 5 minutos.

Chá de Valeriana: Valeriana é um sedativo 100% naturais que, além de aliviar o estresse e insônia, também ajuda a reduzir a dor abdominal e inflamação intestinal.

Como Tratar a Síndrome do Intestino Irritável Naturalmente!

Imediatamente antes de deitar, misture 5 gramas de raiz com um copo de água fervente. Deixe descansar durante a noite, tome na manhã seguinte.

Dicas Para Evitar a Síndrome do Intestino Irritável: Se você não sofre desta doença, existem várias dicas importante ter em mente para preveni-la. Se você já tem, você pode avaliá-los da mesma forma para o quadro clínico não piora:

Alimentos: Uma alimentação adequada é essencial para evitar a síndrome do intestino irritável. As refeições não deve conter também muita gordura e deve ser rica em proteínas e fibras. Recomenda-se a evitar os alimentos que causam uma grande quantidade de gases, tais como porcas e couve. Uma boa dica é para seguir a dieta mediterrânea.
Hidratação: A água é fundamental e é também tida em conta para evitar esta doença. É aconselhável beber de meio litro a dois litros por dia.
Exercício: Junto com uma boa nutrição e hidratação, exercício também é muito bom porque ajuda a melhorar a mobilidade intestinal.
Estresse: Na medida do possível, devemos manter o ritmo calmo da vida. O estresse pode causar irritação do cólon.

0/5 (0 Reviews)
Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Wanessa Matos

Drª. Wanessa Matos
Dermatologista formou-se em Medicina na Unicamp e na mesma instituição realizou sua residência em Dermatologia, obtendo o título de especialista. Atua nas áreas de dermatologia clínica, cirúrgica e estética. Além disso, é sócio titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia, com registro no Conselho Regional de Medicina e Associação Médica Brasileira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

Os 10 Sinais de que Você Está com Excesso de Açúcar no Sangue

Úlcera Gástrica – O que é, Causas e Tratamentos