Câncer Dicas de Saúde Dicas Para os Homens

Câncer de Pênis – Causas, Sintomas e Tratamentos

Câncer de Pênis – Causas, Sintomas e Tratamentos

Revisado por

Educação Física pela UGF

Especialista do Dicas de Saúde

Câncer de Pênis – Causas, Sintomas e Tratamentos
4.8 (95.87%) 334 voto[s]

Conheça os Sintomas, causas e Tratamentos do Câncer do pênis. Alem disso, O câncer de pênis é um tumor raro que pode surgir no órgão ou apenas na pele que o cobre, provocando mudanças na cor e textura da pele, assim como surgimento de nódulos ou feridas que demoram muito tempo para desaparecer.

Os sinais e sintomas abaixo nem sempre significam que um homem tem câncer de pênis. Na verdade, muitos deles podem ser causados por outras condições clínicas. Entretanto, se você tiver qualquer um destes sinais ou sintomas, consulte um médico imediatamente, para que a causa seja diagnosticada e, se necessário, iniciado o tratamento. Quanto mais cedo o diagnóstico é feito, mais cedo você pode iniciar o tratamento e as chances de cura são maiores. Então, Confira Agora As Causas, Sintomas e Tratamentos do Câncer de Pênis.

Câncer de Pênis

Sintomas do Câncer de Pênis são:

  • Dor e inchaço nas ínguas da virilha.
  • Inchaço da extremidade do pênis
  • Sangramento pelo pênis
  • Corrimento com mau cheiro que sai pela uretra
  • Pele do pênis mais espessa ou com alterações na cor
  • Nódulo no pênis, na glande ou no prepúcio
  • Aparecimento de ferida avermelhada que não cicatriza

Prevenções Para o Câncer de Pênis:

  • A prevenção do câncer de pênis está diretamente associada a três princípios básicos:
  •  higiene diária com água e sabão, especialmente na hora do banho e depois das relações sexuais;
  •  cirurgia de fimose, quando a pele do prepúcio inviabiliza a exposição da glande e a higiene adequada da região;
  •  uso de preservativos nas relações sexuais

Câncer de Pênis sintomas

Principais causas de Câncer no pênis são:

  • A causa exata do câncer peniano não é conhecida, mas os fatores relacionados abaixo estão associados ao aumento do risco.
  • HPV: as verrugas genitais estão relacionadas a um risco seis vezes maior do câncer de pênis.
  •  Nódulo no pênis.
  • Ferida ou úlcera persistente, que sangra.
  • Protuberâncias avermelhadas e aveludadas
  • Pequenos edemas sólidos.
  • Lesões de cor marrom-azulada.
  • Secreção persistente, muitas vezes com mau cheiro.

Tratamento Para o Câncer de Pênis: O tratamento do câncer de pênis, assim como outros tumores, é determinado pela gravidade e extensão da doença. A cirurgia constitui o tratamento mais utilizado, principalmente para o controle local, sendo, muitas vezes, necessária a amputação parcial ou total do órgão e retirada dos gânglios inguinais. A quimioterapia geralmente é indicada em casos de doença avançada ou metastática. Em alguns casos, a radioterapia pode ser considerada.

0/5 (0 Reviews)

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.