Seios Doloridos e Inchados: O que Pode Ser e Como Tratar!

Revisado por

Drª. Valeria Carneiro Graduada em Ginecologia e Obstetrícia!

Especialista do Dicas de Saúde

Seios Doloridos e Inchados: O que Pode Ser e Como Tratar!
4.8 (95.79%) 242 votos

Seios Doloridos e Inchados: O que Pode Ser e Como Tratar de forma correta sem prejudicar sua saúde. Além disso,  Seios doloridos e inchados fora do período menstrual podem ser causados por diversas situações, como aproximação da menstruação, alterações hormonais, uso de anticoncepcional, gravidez , entre outras. Dentre as diversas modificações que ocorrem no organismo materno durante a gravidez estão as alterações nas mamas, como aumento de tamanho, inchaço, aumento da sensibilidade, mudança na coloração da aréola e do mamilo.

Seios Doloridos e InchadosEssas alterações são importantes para preparar as mamas para a produção de leite e iniciar a amamentação. Seios doloridos e inchados e a sensibilidade podem acarretar desconfortos que vão acompanhar a gestante até o final da gravidez .

Geralmente a sensibilidade nos seios ocorre desde as primeiras semanas de gravidez . Há mulheres que confundem a rigidez nos seios com os sintomas da menstruação. Mais vale lembrar que os seios doloridos e inchados pode ser sinais de muitas outras coisas, por isso veja as causas dos seios doloridos e inchados abaixo:

Seios Doloridos e Inchados O que Pode Ser:

Existem diversas condições que podem causar seios doloridos e inchados,e uma das causas de dor não-cíclicas, podemos citar as seguintes:

Mastite:

A mastite pode ser uma das causas de seios doloridos e inchados. A mastite nada mais é do que uma inflamação que ocorre nas mamas. É bastante comum no período de lactação, mas também pode afetar mulheres que não estão amamentando.

Mamas Demasiado Grandes:

O peso excessivo das mamas pode causar seios doloridos e inchados, pois causa o estiramento do ligamento que dá estrutura e sustentação, causando dor.

Traumas:

Depois de sofrer lesões ou traumas as mamas podem apresentar um estado dolorido por um tempo.

Ectasia Ductal: 

Esse tipo de dor ocorre quando há a obstrução e dilatação do duto que transporta o leite materno. Isso por levar a uma inflamação, provocando um quadro semelhante à mastite , causando seios doloridos e inchados.

Câncer de Mama:

Um tumor maligno, denominado doença de Paget da mama, pode provocar ulcerações e inflamações nas mamas. Mas, essa é uma forma incomum de câncer.

Gravidez:

As mudanças hormonais e o desenvolvimento das mamas na preparação do corpo para a gravidez podem causar dor não-cíclica, ou seja seios doloridos e inchados.

Cirurgia da Mama:

Caso a mulher tenha feito uma cirurgia ou biopsia, a cicatrização dos tecidos das mamas pode provocar um quadro de dor.

Remédios:

Determinados medicamentos podem levar ao surgimento de dores não-cíclicas, tais como antidepressivos, metronidazol, anticoncepcionais orais, espironolactona e clomifeno, entre outros.

Seios Doloridos e Inchados Pode ser Gravidez?

Pode sim, se os seios estiverem inchados e doloridos e estiver com atraso menstrual e outros sintomas, como cansaço, sono, tontura, inchaço abdominal, pode ser que você esteja grávida. Entretanto, as causas mais comuns de seios doloridos e inchados fora do período menstrual são TPM (tensão pré-menstrual), alterações hormonais e uso de anticoncepcionais.

Antes da menstruação é normal seios doloridos e inchados devido à retenção de líquidos provocada pela mudança hormonal no corpo nessa fase. Grande parte dos casos de seios doloridos e inchados está relacionada o ciclo menstrual ou com o uso de hormônios, que causa retenção de líquidos e deixa os seios doloridos e inchados, levando a uma reação inflamatória no tecido que provoca dor. Para saber exatamente por que os seus seios estão inchados fora do período menstrual, você deve procurar um médico ginecologista.

Seios Doloridos e InchadosSeios Doloridos e Inchados O que Fazer?

Mesmo antes de procurar um ginecologista, as mulheres podem e devem fazer elas mesmas um exame nas mamas. O chamado autoexame nas mamas é simples de fazer, e o ideal é fazê-lo no banho.

Tocando o seio em regiões diferentes, a mulher pode perceber se há nódulo, ou alguma glândula, que doe quando é tocada. São pequenos “caroços” que podem aparecer em alguma parte do seio, e caso eles aumentem ou gerem algum tipo de incomodo, procure um médico imediatamente.

Caso você não note nada de anormal, durante sua consulta de rotina com o médico pergunte a ele a forma correta de tocar as mamas para sentir se há algum problema. Existem casos de seios doloridos e inchados que também se nota secreções saindo pelo bico, ou mudanças na pele das mamas. Nesses casos, seu médico indicará exames mais específicos antes de passar o diagnóstico.

O Que Você Pode Fazer Se Tiver com Seios Doloridos e Inchados?

Veja o que você pode fazer para encontrar alívio:

Aplique Calor:

Uma almofada de aquecimento elétrica ou uma toalha úmida e quente podem reduzir a dor e o inchaço no início da gravidez.

Pegue um Sutiã Novo:

Prepare-se para um novo sutiã pelo menos uma vez durante a gravidez para compensar seus seios em crescimento.

Use Almofadas de Mama:

Você pode usar almofadas de mama ,forros para o interior do seu sutiã durante o primeiro trimestre para evitar a irritação do mamilo.
Use um sutiã para dormir. Muitas mulheres acham que usar uma maternidade ou sutiã esportivo ajuda a dormir mais confortavelmente.

Se estiver com Seios Doloridos e Inchados é Preciso Fazer Mamografia?

Na grande maioria dos casos de seios doloridos e inchados, não é preciso fazer o exame de mamografia. Esse exame é mais indicado apenas em casos de suspeitas de doenças mais graves, como o câncer de mama. Outros problemas como infecção na mama, dilatação do duto mamário, nódulos mamários, mastite e infecções linfáticas podem ocorrer na região dos seios, se sua menstruação estiver atrasada você pode fazer o exame de sangue para comprovar uma futura gravidez.

O exame correto a ser feito será indicado pelo especialista durante a consulta com o mastologista ou o ginecologista. Mas em geral, as mulheres podem fazer a mamografia de forma preventiva quando completam 35 anos, e depois dos 40 anos o exame deve ser feito anualmente, caso a mulher tenha condições.

É importante lembrar que antes de fazer esse exame mais complexo, que utiliza a tecnologia do Raio X e dura aproximadamente 15 minutos, note se você passou por alguma situação que pode ter alterado seu nível hormonal, como citado acima. Se isso ocorreu, avise o médico, pois pode ajudar no diagnóstico.

Como Evitar e Prevenir Seios Doloridos e Inchados:

As mulheres que querem evitar Seios Doloridos e Inchados, é muito bom que ter uma prática de sempre que necessários não usar sutiã apertado, tenham uma alimentação saudável com menos gorduras que ajuda a ter um peso com equilíbrio beneficiando o seu corpo evitando dores e consumindo vitaminas B6, B1 e E com alguns casos de dor mais excessiva, o uso de medicamentos.

Seios Doloridos e InchadosQual Tratamento Para os Seios Doloridos e Inchados:

Seios Doloridos e Inchados tem tratamento! Para que possa estar evitando algum tipo de doença relacionada ao seios, é recomendado que procurem especialistas todos os anos para fazer exames específicos para o tratamento inclusive exames de imagem até mesmo mamografia que detecta variáveis tipos de alteração na mama que causam Seios Doloridos e Inchados.

Para todo o tipo de tratamento o ideal é que o paciente mantenha a calma, e sigam as orientações certas do médico e o uso correto dos medicamento.

0/5 (0 Reviews)
Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Valéria Carneiro

Drª. Valeria Carneiro Graduada na Universidade Federal de Minas Gerais em Medicina Especializada em Ginecologia e Obstetrícia, Pós Graduada no Departamento de Ginecologia na UNIFESP/ EPM a 2 anos, Experiencia clinica em patologias do trato genital feminino e foco em cirurgias ginecológicas como também especialista em partos normais e cirúrgicos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *