Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Dicas de Saúde Doenças e Tratamentos

Os 8 Principais Sintomas da Tuberculose

Os Principais Sintomas da Tuberculose que todos devem ficar atentos. Além disso, a Tuberculose pode ser manifestada por sintomas como cansaço, falta de apetite, suores ou febre, no entanto, é comum surgir outros sintomas, de acordo com o órgão que é afetado pela doença. Então, confira Os 8 Principais Sintomas da Tuberculose:

O que é Tuberculose: A Tuberculose é uma doença causada pela bactéria Bacilo de Koch (BK) que, geralmente, afeta os pulmões, mas que pode afetar qualquer outra área do corpo, como os ossos, intestino ou bexiga.

Sintomas da Tuberculose: Alguns pacientes não exibem nenhum indício da Tuberculose, outros apresentam sintomas aparentemente simples que são ignorados durante alguns anos (ou meses). Contudo, na maioria dos infectados com Tuberculose, os sinais e sintomas mais frequentemente descritos são:

  • cansaço excessivo
  • febre baixa geralmente à tarde
  • sudorese noturna
  • falta de apetite
  • palidez
  • emagrecimento acentuado
  • rouquidão
  • fraqueza
  • prostração

Prevenção da Tuberculose: Além das vacinas disponibilizadas pelos postos de saúde aplicada nas crianças no primeiro mês de vida, a prevenção da Tuberculose consiste mais em hábitos saudáveis de vida. Hábitos que incluem evitar ambientes com muitas pessoas e pouca ventilação, ou mesmo lugares altamente frequentados mas com pouca incidência solar, pois são muito propícios à propagação da Tuberculose.

Além disso, um estilo de vida saudável e equilibrado com as vitaminas ideais também é um forte aliado na prevenção da Tuberculose, isso porque vitaminas como o ácido ascórbico (Vitamina C) ajudarão a fortalecer o sistema imunológico, impedindo a evolução desta bactéria no organismo.

Tratamento Para a Tuberculose: Os doentes que apresentam sintomas de Tuberculose são tratados com um esquema de antibióticos por no mínimo 6 meses. O principal esquema é o chamado RIPE – Rifampicina, Isoniazida, Pirazinamida e Etambutol por 2 meses, seguido por mais 4 meses de rifampicina e isoniazida.

Já há um medicamento sendo distribuído gratuitamente pelo Ministério Saúde chamado Coxcip 4, que é um único comprimido que contém a combinação das 4 drogas contra Tuberculose: rifampicina, isoniazida, pirazinamida e etambutol. Nos dois primeiros meses de tratamento este é o único medicamento necessário. Nos 4 meses seguintes, o paciente passa a tomar comprimidos de isoniazida e rifampicina separados.

O tratamento das formas latentes, isto é, pacientes assintomáticos, mas com PPD positivo, é feito apenas com a Isoniazida, também pelo período de 6 meses. O grande problema do controle da Tuberculose é o abandono antes do final dos 6 meses. Como os sintomas melhoram em pouco tempo e os efeitos colaterais são comuns, muitos pacientes não completam o tempo total de tratamento, favorecendo o surgimento de cepas multirresistentes do bacilo de Koch.

Os pacientes deixam de transmitir Tuberculose após aproximadamente 15 dias de tratamento. Porém, podem voltar a ser bacilíferos (transmissores do bacilo) se não completarem o curso de 6 meses de antibióticos. A Tuberculose não tratada pode levar à sepse grave e morte.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.