Doenças e Tratamentos

Os 8 Principais Sintomas da Ascite

Os Principais Sintomas da Ascite que todos devem ficar atentos. Além disso, a Ascite, ou barriga d’água, é o nome dado ao acúmulo anormal de líquidos dentro da cavidade peritoneal – um espaço entre os órgãos abdominais e os tecidos que revestem o abdômen. Então, confira Os 8 Principais Sintomas da Ascite:

Principais Sintomas da AsciteSintomas de Ascite: No início, a Ascite é quase sempre assintomática. Com a evolução do quadro, no entanto, dependendo do volume de líquido retido no abdômen, podem surgir os alguns sintomas, como por exemplo:

Dependendo da causa subjacente à Ascite, o paciente pode apresentar, ainda, outros sinais e sintomas, tais como fígado aumentado, emagrecimento, edemas nas pernas e nos pés, fadiga, icterícia, ginecomastia e encefalopatia hepática.

tratamento Para Ascite: O tratamento da Ascite deve ser simultâneo à tentativa de diagnosticar e tratar a patologia causal. A única solução definitiva para a Ascite é o controle ou a eliminação da doença de base. O tratamento deve visar evitar as complicações da ascite, aliviar a sintomatologia e prevenir o retorno dela.

Em doentes com formas ligeiras de Ascite, o tratamento pode ser feito em ambulatório; se a Ascite é mais severa, a hospitalização torna-se necessária. Em geral, o tratamento é feito com diuréticos, paracentese terapêutica (retirada total ou em grandes quantidades do líquido por punção, através de uma agulha apropriada) e outras medidas sintomáticas, além do tratamento da causa.

Na Ascite transudativa de pequena monta pode ser bastante estabelecer a imediata restrição de sal, para permitir um aumento da diurese (produção de urina). Para isso, pode-se utilizar também diuréticos. Nos pacientes com Ascite severa pode ser necessária uma paracentese terapêutica adicional. Drenagens mais difíceis podem ser feitas sob controle da ecografia.

A Ascite refratária a esses tratamentos deve ser considerada uma indicação clássica para transplante hepático. Os desvios venosos (shunts) podem ser usados em doentes com cirrose avançada que têm Ascites recorrentes, para aliviar os sintomas, mas não parecem aumentar a expectativa de vida dos pacientes.

Em geral, a Ascite exsudativa não responde à diminuição de sal ou à terapêutica diurética, sendo necessárias paracenteses repetidas e tratamento da causa subjacente.

Gostou do post? Avalie!
[Total: 0 votos: ]

Técnico em informática, Cursando Sistema em informação, hábil em seo, estrutura de dados, e apaixonado por musculação, boa alimentação e bem estar. Buscando sempre informação de forma segura com profissionais qualificados no assunto.

Deixe um comentário