Medicamentos

Fluconazol – para que serve? e como usar!

fluconazol

O fluconazol é um antimicótico, ou seja, um medicamento utilizado para o tratamento de doenças e infecções que acontecem por causa de fungos que entram em contato com o organismo e provocam uma série de efeitos, como dores, ardências, deformidade.

Fluconazol é um remédio anti-fúngico que pode ser usado em forma de comprimido, pomada ou injeção. O modo de ação deste medicamento consiste na destruição da estrutura do fungo responsável pela infeção, sendo mais fácil a sua eliminação no organismo. Para usar em forma de comprimido basta tomar 1 comprido por dia durante o período indicado pelo médico.

fluconazol
fluconazol

Em forma de pomada basta aplicar a quantidade indicada na embalagem do produto para aplicar diariamente na vagina e na região externa, assim como no pênis do parceiro. Além disso, o fluconazol é comercializado com o nome de Zoltec, produzido pela farmacêutica Pfizer. Existe também remédio genérico do fluconazol produzido pela farmacêutica Medley. Este medicamento não corta o efeito da pílula anticoncepcional.

Para que serve o fluconazol:

Entre as infecções fúngicas que podem ser tratadas com o Fluconazol, podemos citar:

  • Candidíase vaginal;
  • Candidíase oral;
  • Blastomicose;
  • Candidíase de esôfago;
  • Candidíase sistêmica;
  • Tinea cruris (micose de virilha);
  • Onicomicose (micose de unha);
  • Candidíase peniana;
  • Tinea pedis (frieira);
  • Coccidioidomicose;
  • Criptococose;
  • Pitiríase versicolor (pano branco).

Em geral, o fluconazol é o antimicótico de escolha no tratamento das infecções por Candida albicans ou Cryptococcus. Em relação às outras espécies de Candida, como a C. glabrata e a C. krusei, sua ação é menos efetiva, não devendo ser a primeira escolha para o tratamento destes fungos . A dose mais usada é de 150 mg uma vez por dia. Nos casos de infecção fúngica de pele, sejam dermatofitoses ou infecções por cândida, o tratamento costuma ser 1 comprimido por semana por 2 a 6 semanas.

Fluconazol para candidíase:

As diversas formas de candidíase podem ser tratadas com fluconazol. A forma, seja ela comprimidos ou via intravenosa depende da gravidade da candidíase. Para candidíase vaginal ou peniana, a dose recomendada é de 150 mg em dose única. Em casos recorrentes, indica-se repetição da dose de 150 mg após 3 dias. Para candidíase oral o tratamento deve ser feito com 150 mg por dia por 7 a 14 dias.

Efeitos colaterais do fluconazol:

Os efeitos colaterais do fluconazol podem ser dor na barriga, erupção na pele, náusea, vômito, diarreia, alteração na função hepática, dificuldade para respirar, inchaço das pálpebras, face ou lábios, coceira pelo corpo, icterícia.

Contraindicações do fluconazol:

O fluconazol é contraindicado em pacientes com hipersensibilidade a qualquer componente da fórmula. Grávidas e mulheres que estejam amamentando só devem tomar mediante orientação médica. Este remédio não deve ser tomado por pessoas que estejam tomando outros medicamentos como astemizol, cisaprida, pimozida, quinidina ou eritromicina.

Gostou do post? Avalie!
[Total: 0 votos: ]

Graduada em jornalismo com especialização em Marketing social na UFMG Universidade Federal de Minas Gerais, escreve artigos com conteúdos sobre beleza, saúde e bem estar com noções de SEO e tem a dinâmica e versatilidade na elaboração de artigos.

Deixe um comentário

xpornplease pornjk porncuze porn800 porn600 tube300 tube100 watchfreepornsex