Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Dicas de Saúde Doenças e Tratamentos

As 3 Principais Causas do Fibroadenoma da Mama

As 3 Principais Causas do Fibroadenoma da Mama são fundamentais para o correto tratamento do Fibroadenoma da Mama. Além disso, o Fibroadenoma da Mama é um tipo sólido de nódulo não cancerígeno na mama mais comum em adolescentes e mulheres até os 30 anos.

O Fibroadenoma da Mama pode ter a sua forma descrita como delimitada, dura ou elástica, de superfície lobulada (com irregularidades) e de tamanho pequeno. Normalmente este tipo de tumor não causa dor, mas pode ser sentido como uma bolinha de gude que se move facilmente embaixo da pele do seio quando pressionado.

Fibroadenoma da Mama pode variar de acordo com o tamanho, e pode crescer ou até encolher sozinho. Eles estão entre as causas mais comuns de nódulos mamários em mulheres jovens. O tratamento do Fibroadenoma da Mama pode incluir monitoramento com a finalidade de detectar mudanças no tamanho ou forma do Fibroadenoma da Mama, biópsia para avaliar o tumor ou uma cirurgia para removê-lo.

Tipos de Fibroadenoma da Mama: Existem dois tipos de Fibroadenoma da Mama:

  • 1. Fibroadenoma da Mama simples. Os tumores simples não aumentam o risco de carcinoma na mama (câncer) e tem o mesmo aspecto quando são vistos ao microscópio.
  • 2. Fibroadenoma da Mama complexo. Os tumores complexos contêm outros componentes, tais como macrocistos (sacos cheios de líquido grandes o suficiente para ser sentidos e vistos sem um microscópio), lóbulos alargados, calcificações (depósitos de cálcio), papiloma ou hiperplasia.

Os tumores complexos podem aumentar ligeiramente o risco de câncer de mama. A American Cancer Society diz que mulheres com Fibroadenoma da Mama têm um risco de aproximadamente 1-1,5 vezes maior de desenvolver câncer de mama do que mulheres que não apresentam nódulos.

As Principais Causas do Fibroadenoma da Mama: A causa exata do Fibroadenoma da Mama não é conhecida. Hormônios como o estrogênio podem desempenhar um papel importante no crescimento e desenvolvimento dos tumores. Tomar anticoncepcionais orais antes dos 20 anos tem sido associado a maior risco de desenvolvimento de Fibroadenoma da Mama. Esses tumores podem crescer, principalmente durante a gravidez. Durante a menopausa, muitas vezes, eles se reduzem. Também é possível que o Fibroadenoma da Mama desapareça sozinho.

Sintomas de Fibroadenoma da Mama: O Fibroadenoma da Mama se caracterizam como nódulos ou massas sólidas nos seios que normalmente não causam dor, se movem facilmente quando pressionados, são firmes ou elásticos, redondos e bem definidos. Quando se aperta a região, pode parecer que há uma bolinha de gude sob a pele. É possível ter mais de um Fibroadenoma da Mama ao mesmo tempo. Ele pode ser muito pequeno para ser sentido ao toque – normalmente é detectado via ultrassom ou mamografia – ou chegar até cerca de oito centímetros de diâmetro.

Prevenção do Fibroadenoma da Mama: Não são conhecidas formas eficientes de prevenir o Fibroadenoma da Mama. Contudo, sabe-se que ter um estilo de vida saudável – ou seja, ter uma alimentação adequada, praticar exercícios físicos, não fumar, manter um peso apropriado para a sua idade e altura, cuidar do sono e beber aproximadamente dois litros de água por dia – estão relacionados à melhores condições de saúde no geral.

Tratamento para Fibroadenoma da Mama: O tratamento para Fibroadenoma da Mama deve ser orientado por um mastologista, mas normalmente é feito apenas com mamografias e ultrassonografias anuais para vigiar o desenvolvimento do nódulo. Porém, caso o médico suspeite que o nódulo seja câncer em vez de Fibroadenoma da Mama, pode recomendar cirurgia para retirar o Fibroadenoma da Mama e fazer uma biópsia que confirme o diagnóstico. Após a cirurgia para Fibroadenoma da Mama, o nódulo pode voltar a surgir e, por isso, a cirurgia só deve ser utilizada em casos de suspeita de câncer da mama, uma vez que não é uma cura para o Fibroadenoma da Mama.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.