Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Dicas de Saúde Doenças e Tratamentos

As 10 Dicas Para Prevenir a Unha Encrava

As Dicas Para Prevenir a Unha Encravada com dicas simples e fáceis a serem seguidas. Além disso, Onicocriptoses, geralmente conhecido como Unha Encravada é uma inflamação provocada pelo crescimento da unha em direção à pele, causando lesão da mesma. Normalmente, costuma gerar muita dor, inflamação ao redor da unha e vermelhidão. É muito importante prestar atenção a esta condição e tratá-la o quanto antes para evitar que resulte em uma infeção. Quando vemos que a pele nas bordas da unha fica avermelhada ou até infectada, é possível que tenhamos uma unha que se incrustou na carne que a rodeia. O mais comum é que isso ocorra no dedão, mas na realidade pode acontecer em qualquer dedo.

Sintomas de Unhas Encravadas: As pessoas que sofrem de obesidade, artrite, com sistemas imunitários fracos e distúrbios circulatórios ou outros problemas, tais como diabetes e estresse possuem um maior risco de terem Unha Encravada. Estes são alguns dos sintomas:

  • Dor latejante encarnada no dedo;
  • Vermelhidão na dobra da pele do dedo;
  • Inchaço na área afetada;
  • Possibilidade de infecções.

Causa da Unha Encravada: Não há uma única causa para as Unha Encravada. Os motivos mais habituais são os seguintes:

  • Sapatos desconfortáveis que nos apertam e não se ajustam bem, especialmente se praticamos esportes ou fazemos atividades que exigem movimentos ou estar de pé com frequência.
  • Unhas que não tenham sido cortadas corretamente.
  • Questões físicas do pé, como deformações ou formas especiais dos dedos, que podem causar uma pressão adicional sobre os outros dedos do pé.
  • É importante ter em mente que algumas pessoas, por questões genéticas, nascem com as unhas dos pés curvadas, grandes demais ou com tendência a crescer para baixo.

Por isso, existem pessoas que sofrem com frequência com este problema, apesar de usar o sapato adequado e cortar as unhas corretamente. Então, confira agora As 10 Dicas Para Prevenir a Unha encravada.

1# Dica Para Prevenir a Unha Encravada: A melhor forma de evitar o desenvolvimento de Unha Encravada é cortar as unhas em linha reta, pois isso evita que os cantos cresçam para o interior da pele. Porém, se mesmo assim as unhas continuarem a encravar enquanto crescem é aconselhado consultar um podologista para avaliar cada caso e saber se existe uma forma mais adequada para cortar as unhas.

2# Corte as unhas em Formato Quadrado: As unhas possuem um espaço de crescimento determinado. Se você corta as laterais, a pele passa a ocupar esta região e, assim que a unha começar a crescer novamente, disputar o lugar, fazendo pressão no dedo. Resultado: a unha fica sem espaço pra crescer e acaba encravando. Por isso, o ideal é remover o excesso de pele das laterais, mas nunca deixar buraquinhos porque a unha foi cortada nos cantos. Sendo uma das melhores Dicas Para Prevenir a Unha Encravada.

3# Lixe as Unhas Após o Corte: Não basta cortar as unhas, é preciso lixar também. O lixamento remove as espículas de unha, aquelas pontinhas que podem encravar. Isso acontece porque o organismo entende essas sobras de unha como um corpo estranho, gerando o processo inflamatório.

4# Evite Tirar as Cutículas: A cutícula incomoda muita gente, mas esta pele fininha é a proteção da unha contra fungos e bactérias. Sem a cutícula, a unha fica mais propensa às infecções. Uma boa Dicas Para Prevenir a Unha Encravada.

5# Fuja dos Sapatos Apertados: Fãs de sapatos com bico fino, uma má notícia: esse tipo de calçado, especialmente, ou outros modelos que apertem demais as unhas acabam levando ao encravamento. Meire conta que sapatos apertados exercem uma pressão sobre os cantos das unhas, o que gera um processo inflamatório e a unha acaba encravando. O sapato ideal é aquele que tem o bico mais alargado ou arredondado, deixando os dedos fiquem mais soltos, ou uma sandália que deixa o pé bem livre.

6# Deixe os Pés Limpinhos: Higiene sempre é muito importante, ainda mais para quem sofre constantemente com Unha Encravada. O maior acúmulo de células mortas do pé facilita a proliferação de micro-organismos. A higiene limita a invasão de fungo ou bactéria. Mantenha os pés sempre limpos, principalmente debaixo das unhas, para não dar espaço às infecções. Essa é umas das principais Dicas Para Prevenir a Unha Encravada.

7# Verifique seus Pés Todos os Dias: Durante ou depois do banho não esqueça de observar os dedos do pés, procurando unhas que possam estar encravando. Geralmente a Unha Encravada é mais facilmente tratada no início e, dessa forma, é possível evitar feridas e dores intensas;

8# Ande Descalço: Não existe melhor forma de aliviar a pressão sobre os dedos pés do que andar descalço. Assim, é possível deixar que a unha cresça naturalmente, evitando que se desenvolva para debaixo da pele. Ao seguir essas dicas é possível diminuir a probabilidade de ter Unha Encravada e manter as unhas e os pés sempre saudáveis. São dicas simples, mas fundamentais para o conforto dos pés. Se já está com uma encravada veja como pode tratar o problema e aliviar a dor.

9# Use Sapatos Confortáveis: Quando se utiliza sapatos muito apertados a pressão sobre os dedos é maior e, por isso, há maior risco de a unha se desenvolver debaixo da pele. Esta dica é importante especialmente para quem tem diabetes, uma vez que pode não sentir a unha se desenvolvendo debaixo da pele, sendo sendo a melhor Dicas Para Prevenir a Unha Encravada.

10# Mantenha a postura correta: Andar sem postura acaba aumentando a pressão sobre partes específicas dos pés. Quando este esforço recai sobre os dedos, pode haver alguma mudança no crescimento da unha e favorecer o encravamento.

E Quando Nada Disso Adianta: Muitas pessoas têm o que a dermatologista Meire chama de Unha Encravada congênita, ou seja, o problema decorre do próprio formato da unha, que tem um espaço pequeno demais para crescer e, muitas vezes, não consegue. Esse problema se manifesta até mesmo em bebês e um dermatologista pode ajudar no diagnóstico e na recomendação do melhor tratamento. Uma das opções é a instalação de um aparelho, parecido com um ortodôntico, que empurra e aumenta a região de crescimento da unha, progressivamente. Em casos extremos, o médico pode apelar para a cirurgia, que consiste na diminuição da matriz da unha, diminuindo sua largura.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.