Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Dicas de Saúde Dietas Para Emagrecer

As 10 Dicas Para Perder Peso Com Medicina Funcional

As Dicas Para Perder Peso Com Medicina Funcional que você ainda não conhece. Além disso, você começou este ano com a promessa de perder aqueles quilos extras? Esta é a sua segunda, terceira, quarta ou enésima tentativa para perder estes quilos extras? E se você não conseguiu ainda, não é tarde demais. É hora de cumprir essa meta que você tanto procura. Este artigo será seu guia no caminho da perda de peso, que inclui a busca da dieta perfeita para você, superando as causas subjacentes de ganho de peso, bem como aperfeiçoar sua dieta para suas necessidades exclusivas com o foco na medicina funcional.

O que é Medicina Funcional? O termo e o campo da medicina funcional referem-se a algo completamente diferente do que nós temos até então, conhecidos como medicina convencional ou o modelo padrão de cuidados. Para melhor entender a medicina funcional é importante para contrastá-la com a medicina convencional.

Aqui se encontra a clara distinção e definição de medicina funcional. Em vez de perguntar, que medicamentos combinam com esta enfermidade? A medicina funcional faz perguntas vitais que muito poucos médicos convencionais perguntam, Por que está função parou” ,” “por que esse problema em primeiro lugar” e “o que podemos fazer para restaurar esta função?” em outras palavras, medicina funcional procura encontrar a causa raiz ou mecanismo envolvido com qualquer perda de função, que em última análise, revela porque um conjunto de sintomas são, em primeiro lugar, ou porque o paciente tem uma determinada doença.

Foco da Medicina Funcional Para Perda de Peso: Essa é uma das Dicas Para Perder Peso Com Medicina Funcional. Além disso, na medicina funcional, para realizar uma dieta, antes de tudo, é necessário retirar todos os alimentos tóxicos e inflamatórios, e identificar quaisquer sensibilidades pessoais aos alimentos.

Se você estiver fazendo uma dieta de alimentos processados (sim, até mesmo comidas rotuladas como “saudável”, “sem glúten”, “baixa em calorias” ou “baixas em teor de gordura”), ou está comendo alimentos que têm sensibilidade, você está continuamente danificando seu intestino, alterando os hormônios, e sublinhando o seu sistema imunitário, todos os quais podem causar ganho de peso.

Seu corpo é projetado para comer e digerir alimentos reais — carnes, legumes e frutas — não aqueles alimentos que são embalados, incluindo rótulos de glúten ou outros ingredientes intolerantes. Quando você alimenta seu corpo com alimentos que são ricos em calorias, pobres em nutrientes e cheios de produtos químicos tóxicos, isso não funciona corretamente. Seus sistemas ficam fora de controle, os quilos começarão a aparecer, você se cansará facilmente e poderá ter problemas de concentração. Isso soa familiar?

A boa notícia é que pode modificar a sua dieta para alimentos integrais, que são fáceis de digerir, limpando seu corpo e revertendo todos os sintomas, impulsionando sua perda de peso. Depois que seu corpo der uma pausa na inflamação constante, você poderá começar a digerir os alimentos “reais”, você pode adicionar um alimentos de cada vez, para encontrar aquele que melhor lhe beneficiará (e continuar consumindo), e quais lhe trazem sensibilidade.

Como Combater as Causas Subjacentes de Peso Obstinado: Para um pequeno grupo de pessoas, a mudança para uma dieta limpa e anti-inflamatória poder ser útil, mas não o suficiente para chegar a percorrer todo o caminho para a perda de peso. Se você está neste campo, é muito provável que existam problemas de saúde subjacentes que sabotam a sua perda de peso. Vamos dar uma olhada em quais podem ser esses problemas de saúde subjacentes, e como você poderá superá-los.

Hipotireoidismo: Estima-se que 20 milhões de pessoas, só nos EUA, tenham um problema de tireoide, e apenas 60% deles estão totalmente cientes disso. Hipotireoidismo, que é um dos tireoides hipoativos, representa 90% de todos os desequilíbrios da tireoide, e um dos principais sintomas do hipotireoidismo é o ganho de peso inexplicado ou incapacidade de perder peso.

Isto é porque a tireoide é responsável pela regulação de muitos processos do seu corpo, incluindo o metabolismo. Então, se sua tireoide estiver pouco ativa, retardará seu metabolismo e diminuirá a sua saída de energia total. Além de gerar incapacidade de perder peso, o hipotireoidismo pode levar à fadiga, alterações de humor, ansiedade, dores musculares e articulares, perda de cabelo, constipação, confusão mental e baixa temperatura corporal.

Se suspeitar que você possa ter hipotireoidismo, é importante obter um teste ou exame de sangue para tireoide com diagnóstico completo. As maiorias dos médicos convencionais usam apenas um ou dois testes, em comparação com um painel de teste completo, e utilizam os valores de referência de laboratório “normais” como guia.

Estresse Crônico Como um Fator de Ganho de Peso: Você pode ter ouvido que o estresse contribui para o ganho de peso, mas isso vai muito além da necessidade de ir consumir um chocolate depois de um dia longo e fatigante. Quando você experimenta o estresse, seu corpo libera uma grande quantidade de cortisol, o hormônio que dá energia para a resposta de luta ou fuga. Um efeito colateral do cortisol que na verdade pode fazer você ganhar peso e impedir que você possa perdê-lo.Por outro lado, quando cronicamente estressado, seus níveis de cortisol aumentam constantemente, causando aumento ou perda de pode peso progressivo. Numerosos estudos têm mostrado que quando um animal está estressado, ele tende a ganhar peso, mesmo se ele estiver comendo a mesma quantidade de calorias antes de ficar estressado. Esses estudos também mostraram que animais estressados ganham mais peso do que os animais não estressados ingerindo exatamente a mesma quantidade de calorias.

Se você está tendo problemas de perda de peso, honestamente deve verificar os seus níveis de estresse diário. Você está constantemente tendo excesso de trabalho? Está fazendo alguma coisa para reduzir o estresse? Se não, você terá que incorporar técnicas de redução de estresse em seu programa.

Outros Desequilíbrios Hormonais que Ajudam a Ganhar Peso: Desequilíbrios nos hormônios da tireoide e estresse são causas comuns de incapacidade de perder peso, mas eles não são os únicos hormônios que podem causar problemas. Desequilíbrios em insulina e hormônios sexuais (Estrogênios, progesterona, testosterona) são também os culpados mais comuns de peso obstinado.

Quando os níveis de insulina e açúcar no sangue são baixos, se pode experimentar a ansiedade pelo açúcar, fraqueza, irritabilidade e excesso de gordura na barriga. Um desequilíbrio de hormônios sexuais pode levar a uma incapacidade de perder peso, bem como a perda de massa muscular, falta de sono, problemas de memória e dificuldades sexuais.

Sobrecarga Tóxica: O mundo moderno está cheio de produtos químicos perigosos, metais pesados, drogas e outras toxinas que podem causar estragos no sistema endócrino. Muitas das toxinas em sua água e produtos de higiene pessoal de casa como shampoo, loções, e maquiagens, que imitam a atividade dos hormônios, como o estrogênio. Esta interrupção do ciclo hormonal natural pode provocar uma incapacidade para perder peso, bem como outros problemas mais sérios, tais como doenças auto-imunes.

Como Aperfeiçoar Sua Dieta Para Perder Mais Peso: Você já se adaptou a uma dieta limpa e apropriada para suas necessidades específicas, você identificou todas as causas de ganho de peso e você deseja aperfeiçoar ainda mais sua perda de peso, vamos nos aprofundar um pouco mais.
Estas são algumas dicas adicionais dentro da medicina funcional que pode ajudá-lo a ajustar sua dieta e obter um equilíbrio no seu estilo de vida.

Obtenha Uma Imagem Clara das Calorias que Você Ingeri Contra as Calorias Totais que Você Queima: Essa é uma boa Dicas Para Perder Peso Com Medicina Funcional. Não é geralmente aconselhável contar calorias dentro da medicina funcional, porque, como mencionamos, algumas pessoas podem ficar estressadas devido o trabalho extra, mas se você estiver interessado em excluir todas as causas subjacentes que impedem seus progressos , a causa pode ser simplesmente que você está consumindo muitas calorias. Até mesmo excesso de calorias de alimentos saudáveis pode causar um ganho de peso.

Existem muitos aplicativos de exercícios e calorias por ai, que você pode baixar diretamente em seu telefone. Estas ferramentas estimam sua ingestão calórica diária ideal com base na sua altura, peso e sexo, e comparados com o número real de calorias que você consome durante todo o dia. A maioria deles também permite que você controle o seu exercício, assim você pode comparar o total de calorias consumidas com as calorias queimadas.

Você não precisa contar as calorias ao longo de todo o programa, mas você pode passar uns dias ou uma semana apresentando suas refeições e exercícios para ter uma ideia de onde você está parado. Se você notar que a ingestão de calorias diárias excede a necessidade calórica recomendada, reduza as porções ou corte o consumo de alimentos com conteúdo de alto teor calórico.

Encontre o Equilíbrio Correto Entre Carboidratos, Proteínas e Gorduras: Esta é uma das melhores Dicas Para Perder Peso Com Medicina Funcional. Se você fez o rastreamento de calorias e notou que está dentro das faixas recomendadas, dê uma olhada em sua relação de macro nutrientes-carboidratos, proteínas e gorduras. Nos anos 1980 e 1990, dietas de baixo teor de gordura estavam na moda. A gordura foi demonizada e responsabilizada pelo excesso de peso e problemas de saúde. Na medicina funcional sabemos que as gorduras saudáveis e benéficas são muito importantes, e o pêndulo está voltando para o outro lado, porque as dietas de baixo carboidrato estão ganhando popularidade.

A verdade é que não há algo 100% preciso para perda de peso, ou saúde geral. É verdade que a gordura é rica em calorias e que as proteínas e carboidratos podem causar picos indesejáveis de açúcar no sangue, mas o objetivo não é cortar completamente com grupos inteiros de macronutrientes. Os três tipos de macronutrientes são essenciais para que seu corpo funcione, o objetivo é encontrar o equilíbrio correto para seu corpo.

Se necessitar reduzir totalmente as calorias, você deve tentar reduzir a gordura (mas não eliminá-la). Se você não está vendo efeitos com carboidratos, deve focar em alimentos baixos em carboidratos, como legumes verdes, ao invés de alimentos mais elevados de carboidratos como batata doce.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.