Remédios Caseiros

Soro caseiro – para que serve? como fazer?

Soro Caseiro

O soro caseiro é muito simples de ser feito, pois contém apenas ingredientes fáceis de serem encontrados, muitas pessoas não sabem, mas quando alguém sofre de desidratação, a principal perda é da água presente no corpo.

Porém há também muitas perda de eletrólitos, que tem como principais células o potássio, fosfato, bicarbonato, magnésio, sulfato e um baixa quantia de sódio.

A perda desses nutrientes é mais do que o necessário para que haja uma desorganização do funcionamento do nosso organismo, resultando assim em problemas que podem se tornar sérios para a nossa saúde.

soro caseiro
soro caseiro

O tratamento para desidratação inclui a ingestão de líquidos com nutrientes específicos para reposição de eletrólitos. Dentre eles, o mais fácil de fazer.

É importante lembrar que o soro caseiro não cura as principais causas da desidratação, mas somente serve para aliviar os sintomas e ajudar a repor os nutrientes perdidos durante esses casos.

Portanto, se a desidratação afetar você ou alguém próximo, faça o uso do soro caseiro. Se isso não funcionar, procure assistência médica ou de um farmacêutico.

Para que serve o soro caseiro?

O soro caseiro é usado para combater os sintomas da desidratação. Ele atua repondo a água e sais minerais perdidos em vômitos ou diarreia, comuns em caso de gastroenterite e na dengue, por exemplo.

Além disso, o soro caseiro é indicado para todas as idades e pode ser utilizado, inclusive em cães e gatos, quando houver a necessidade. Entretanto, para bebês que ainda estão na fase de amamentação, não é recomendável utilizá-lo, mantendo-o hidratado somente através do leite materno.

Como tomar soro caseiro?

O soro caseiro deve ser tomado no mesmo dia em que foi feito e em pequenos goles ao longo do dia. Nos casos em que a desidratação é causada por vômito ou diarreia, deve-se observar a quantidade de líquidos perdido durante esses episódios e tomar o equivalente.

Uma das formas de fazer essa medição é através da sede, devendo se tomar pequenas quantidades do soro para evitar a sede e acabar com a sensação de boca seca.

Não se deve tomar mais de meio copo de soro caseiro de uma vez só, pois isso pode causar irritabilidade no estômago e intestino e ter o efeito reverso.

Como funciona o soro caseiro?

A solução de soro caseiro funciona da seguinte forma: a glicose ajuda na absorção do sal e este atrai as moléculas de água para dentro dos vasos. Então, a combinação de água e açúcar contida no soro, ajuda na entrada de água nas células.

O soro caseiro é composto de água, mais sódio (sal) e glicose (açúcar), logo, equilibra o meio interno simulando realmente o que acontece dentro do corpo.

Talvez você se pergunte se somente a água não seria suficiente, mas ela sozinha não tem a capacidade de hidratar pois o corpo não conseguiria reter o líquido.

como fazer um soro caseiro
como fazer soro caseiro

Quando um paciente sofre de diarreias e vômitos, ele não perde somente água, mas também sais minerais, como por exemplo, o potássio, sódio e bicarbonato.

Logo, a reposição a ser feita deverá ser composta de água e eletrólitos para evitar que o paciente tenha outros quadros de doenças mais sérias como a hiponatremia (baixa de sódio no sangue), hipocalemia (baixa de potássio no sangue) ou acidose metabólica (acidez no sangue).

Devido a isso, ele que é composto de cloreto de sódio que é o sal, e glicose que é o açúcar, é o método mais adequado para repor o líquido perdido em razão de uma diarreia.

Para que é utilizada a solução de açúcar e sal?

A terapia de reidratação oral com soro caseiro é um tipo de reposição hídrica usada para prevenir e tratar a desidratação, principalmente devido à diarreia.

Envolve água potável com quantidades modestas de açúcar e sais, especificamente sódio e potássio. que funciona como a glicose aumenta a absorção de sódio.

Qual a função do sal e do açúcar no soro caseiro?

A função do sal e do açúcar é fazer a hidratação pois ele ague dentro do organismo. “Esse líquido é composto de água, mais sódio e glicose esses elementos presentes, no sal e no açúcar são como portas de entrada da água nas células do organismo.

Como fazer o soro caseiro?

Ingredientes:

-1 litro de água filtrada, fervida ou mineral engarrafada;
– uma colher de sopa bem cheia de açúcar ou 2 colheres rasas de açúcar (20 g);
– 1 colher de café de sal (3,5 g).

Modo de preparo:

  1. Misture todos os ingredientes e beba pequenos goles várias vezes ao dia, de preferência na mesma proporção de líquidos perdidos através do vômito ou da diarreia.
  2. Ao provar, este não deve ser mais salgado que uma lágrima, por exemplo.
  3. A durabilidade no máximo, 24 horas e se for necessário tomar o soro por mais dias, deve ser preparada uma nova receita a cada dia.

OBS: O soro caseiro não deve ser dado a bebês que ainda mamam exclusivamente no peito, neste caso o mais indicado é continuar dando somente o peito para manter o bebê hidratado.

Quais os efeitos colaterais do soro caseiro?

Os efeitos Colaterais do soro caseiro só ocorre com o uso de água contaminada que pode piorar os sintomas da diarreia, vômito e infecção urinária. Além disso, não exceda ultrapasse as medidas de sal e açúcar.

Gostou do post? Avalie!
[Total: 0 votos: ]

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

Deixe um comentário