Mau Hálito e Bafo Nunca Mais! Receita Caseira que Elimina o mau hálito da Sua Vida!

Revisado por

Dermatologia graduada pela Unicamp

Especialista do Dicas de Saúde

Mau Hálito e Bafo Nunca Mais! Receita Caseira que Elimina o mau hálito da Sua Vida!
4.8 (95.33%) 527 votos

Como Curar o Mau Hálito de Forma Natural e eficaz. Além disso, muitas pessoas podem se perguntar como curar o mau hálito de forma natural? Sendo esse um problema que geralmente não acontece apenas ao comer algum alimento específico, como a Cebola, ou algo recorrente que atrapalha a socialização no dia a dia.

Mau Hálito

A cheiro ruim que afeta a boca pode ter muitos culpados, sendo uma das causas a alimentação inadequada que afeta diretamente o estômago. Grande parte dos problemas podem ser sanados devido a uma boa higiene bocal, com escovações de dentes, gengivas e língua adequadas e com o uso de enxaguantes de forma moderada.

Apesar de as vezes haver uma certa necessidade para os enxaguantes, em alguns casos eles podem ser caros e por isso existem maneiras mais simples, baratas e naturais para tratar dos maus odores. Neste artigo você vai conhecer 2 receitas caseiras para acabar com o mau hálito em minutos. Então, veja Como Curar o Mau Hálito de Forma Natural:

1. Mastigar Hortelã Ajuda a Curar o Mau Hálito:

Uma pesquisa afirmou que mastigar Hortelã é uma das melhores maneiras de curar o mau hálito.

Muitas das dicas para combater o mau hálito sugerem que o chá de hortelã é uma boa arma, mas a bebida perde parte dos componentes necessários para diminuir os maus odores sendo que a folha possui melhores resultados.

Caso a pessoa não goste e mastigar Hortelã, existe a opção de comer Alface ou Maçã, sendo que ambas têm boa eficácia na eliminação do mau hálito e podem ter um sabor mais agradável.

2. Suco de Limão Ajuda a Curar o Mau Hálito:

O Suco de Limão é um ótimo combatente do mau hálito principalmente se o causador dele for alguma bactéria que está na boca ou no estômago.

O Limão é um ótimo bactericida e antifúngico natural, tendo boa eficácia na eliminação desses micro seres que por muitas vezes trazem malefícios como doenças e o mau hálito.

As pessoas que não gostam ou não podem tomar Limão, podem substituir a fruta por outra cítrica como Abacaxi ou Laranja, estas estimulam a saliva e previnem o ressecamento da boca, um outro fator para o mau hálito.

3. Um Suco Diferente, Mas que Pode Ser Ideal:

Há uma receita de Suco de Maçã com Cenoura e Tomate, este é repleto de fibras, vitaminas e minerais que auxiliam na hidratação bucal e também na manutenção da saúde desta região.

Ingredientes:

  • 1 copo de água (filtrada);
  • 1 porção de Cenoura;
  • 1 porção de Maçã;
  • 1 porção de Tomate.

Como Preparar:

  • Leve todos os ingredientes ao liquidificador, bata até ficar homogêneo e beba uma vez por dia.

Abaixo você vai conhecer outra poderosa receita para curar o mau hálito em minutos.

Para essa receita você vai precisar de:

  • Suco de 2 limões,
  • Meia colher (chá) de Mel puro,
  • 1 colher (chá) de Canela em pó,
  • 1 copo de água morna.

Como Preparar:

  • Misture o Mel com a Canela numa jarra de vidro.
  • Após isso, despeje a água morna na mistura e adicione o Suco de Limão.
  • Em seguida, tampe a jarra e coloque na geladeira.
  • Lave a boca diariamente com a mistura preparada e você vai notar a diferença em menos de 2 minutos.
  • Essa receita é muito poderosa graças às propriedades antibacterianas do Mel e da Canela.
  • Em casos graves, procurar um dentista

Casos mais intensos em que o mau hálito teima em desaparecer, um dentista pode ser consultado. Sendo este profissional capaz de avaliar qual o causador do problema e erradicar o mal pela raiz.

Alguns pacientes podem estar sofrendo com caries, algum problema na garganta ou simplesmente tendo uma alimentação inadequada.

0/5 (0 Reviews)
Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Wanessa Matos

Drª. Wanessa Matos Dermatologista formou-se em Medicina na Unicamp e na mesma instituição realizou sua residência em Dermatologia, obtendo o título de especialista. Atua nas áreas de dermatologia clínica, cirúrgica e estética. Além disso, é sócio titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia, com registro no Conselho Regional de Medicina e Associação Médica Brasileira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *