Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Dicas de Saúde Doenças

As 3 Causas da Bronquite Crônica

As 3 Causas da Bronquite Crônica que todos devem saber. Além disso, há uma confusão ao diferencia a bronquite da asma, assim como gripe e resfriado, rinite e sinusite. “São doenças diferentes, mas que se manifestam de maneira muito semelhante”. A Bronquite Crônica é uma inflamação dos brônquios, tubos que conduzem o ar até os alvéolos pulmonares, estruturas em que se realizam as trocas gasosas, e pode ser classificada em aguda (com curta duração, de uma a duas semanas) ou crônica (que permanece por pelo menos três meses em dois anos consecutivos).

Diferentes Causas: “Pode ser causada por vírus, bactérias, inalação de fumaça ou de produtos químicos”. Porém, o cigarro é considerado o principal responsável por agravar e até desencadear o problema, fazendo instala-se a Bronquite Crônica. “Tanto faz ser fumante ativo ou passivo. O paciente com Bronquite Crônica, em geral tem uma história de tabagismo”. Os fatores capazes de desencadear o problema, como a exposição á fumaça do fogão á lenha ou produção de carvão vegetal, porém são causadores menos comuns.

Como Identificar: Com a doença, os brônquios ficam contraídos e cheios de secreção. Por isso, provocam sintomas como a tosse produtiva (com muco), que é uma tentativa do organismo expelir a secreção que, na Bronquite Crônica, é clara no inicio e pode se torna amarelada e espessa com a evolução do problema.
Na bronquite aguda, a tosse também pode ser seca. Outros sintomas que podem aparecer são: desconforto no peito, cansaço, falta de ar e febre baixa. O médico pode diagnosticar a doença apenas por avaliação clinica ou pedir exames como raio-X do tórax, amostras de expectorações e Prova de Função Pulmonar (que mede a capacidade dos pulmões).

Alívio Espontâneo: Bronquite Crônica é considera uma doença autolimitada, ou seja, tende a evoluir espontaneamente para a cura. A Bronquite Crônica tende a desparecer em torno de 10 dias e, nesse período, tratam-se apenas dos sintomas. Xaropes expectorantes, bronco dilatadores, medicamentos para reduzir a febre e antibióticos no caso de infecções bacterianas podem ser utilizados, mas somente com orientação médica. Beber bastante líquido e ficar longe da fumaça do cigarro são medidas fundamentais. A Bronquite Crônica aumenta o risco de outras infecções respiratórias. Por isso, portadores da doença precisam ser vacinados contra a gripe e contra a pneumonia.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.