Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Dicas de Saúde Sintomas

As 20 Causas Mais Comuns de Impotência e Disfunção Erétil

As 20 Causas Mais Comuns de Impotência e Disfunção Erétil, A maioria dos homens, em algum momento de suas vidas, têm algum tipo de disfunção erétil. Pelo menos 10 a 20 milhões de homens nos Estados Unidos sofrem de Disfunção Erétil. Especialistas acreditam que o número pode mesmo ser mais elevado porque os homens, por vezes, não se sentem confortável para falar com seus médicos sobre questões sexuais.

Impotência e Disfunção ErétilO que é a disfunção eréctil e impotência: Impotência refere-se à incapacidade de um homem de obter ou manter uma ereção suficiente para ter relações sexuais. Ter ocasionalmente problemas para obter ou manter uma ereção é bastante comum. E não é geralmente um motivo de preocupação. Se isso acontece com mais frequência, então ele precisa ser tratado com o seu médico. A disfunção erétil pode ser um sinal de uma condição de saúde subjacente, como diabetes ou doenças cardíacas. Independentemente da causa da impotência, não tratada, pode se tornar um empecilho em seus relacionamentos e sua autoconfiança.

Os sintomas: Enfrentar problemas com ereções de vez em quando é algo que acontece com a maioria dos homens em algum ponto de sua vida. Mas quando os seguintes sintomas são persistentes, ou tornar-se um problema para você e seu parceiro, podem ser motivo de preocupação:

  • Dificuldade em ficar ereto
  • Dificuldade em manter uma ereção forte
  • Diminuição da libido

Causas da disfunção erétil: Há vários fatores que desempenham um papel na excitação sexual de um homem, pode ser tanto física como emocional. As causas da Disfunção Erétil podem ser tão simples como um efeito colateral de uma medicação, estresse, problemas de relacionamento ou o resultado de uma doença.

Algumas causas físicas comuns incluem:

  • Certos medicamentos de prescrição
  • Doença cardíaca
  • Diabetes
  • Pressão alta
  • Colesterol alto
  • Níveis baixos de testosterona
  • Síndrome metabólica
  • Obesidade
  • Esclerose múltipla
  • Mal de Parkinson
  • Tratamentos contra o câncer
  • Doença de Peyronie
  • Determinadas cirurgias
  • Uso de drogas e tabaco
  • Consumo excessivo de álcool

As causas psicológicas mais comuns incluem:

  • Depressão
  • Ansiedade
  • Estresse
  • Problemas de saúde mental
  • Problemas de relacionamento decorrentes de ressentimento, raiva ou falta de confiança.

Fatores de risco: Há muitos fatores que podem causar a Disfunção Erétil. Além de muitas causas físicas ou psicológicas, há também outras Causas Mais Comuns de Impotência e Disfunção Erétil. alem disso, Os fatores que poderiam colocá-lo em risco de desenvolver um problema permanente de conseguir ou manter uma ereção, ou ficar excitado.

O fator mais comum é o envelhecimento. Como os homens envelhecem, torna-se mais difícil de ter uma ereção. Em alguns casos, um pouco de toque extra e estímulo pode ajudar, enquanto outros podem exigir tratamento. E um fator de risco raramente discutido é a prática de ciclismo prolongado, que afeta o fluxo de sangue para o pênis e pode comprimir os nervos, levando a disfunção erétil temporária.

Impotência-e-Disfunção ErétilTratamento: O primeiro passo no tratamento da Disfunção Erétil é um exame por um médico. Eles vão querer saber seus sintomas e sobre qualquer estresse em sua vida. O seu médico vai querer saber quando os sintomas começaram, e se você tem ereções noturnas espontâneas. Seu médico também pode falar com seu parceiro.

Um exame físico completo, incluindo testes de urina e sangue e, possivelmente, um ultra-som, também será usado para determinar o que poderia estar causando o problema. Não é fácil falar com alguém sobre a sua saúde sexual ou seu relacionamento, mas o mais sincero e você é sobre o que está acontecendo, mais fácil será para o seu médico ajudá-lo. a conhecer os Causas Mais Comuns de Impotência e Disfunção Erétil. alem dissoO tratamento vai depender do que for encontrado durante o seu exame. Se uma condição médica como a pressão arterial elevada ou doença cardíaca é considerada a causa, então o tratamento dessas condições é susceptível de melhorar a sua condição. Se a causa é psicológica, em seguida, o aconselhamento pode ser parte de seu tratamento. Isso pode incluir aconselhamento de casais se os problemas em seu relacionamento são um problema.

Existem várias opções de tratamento disponíveis para a Disfunção Erétil que pode ajudá-lo a alcançar e manter uma ereção, incluindo:

  • Medicamentos orais ( Viagra )
  • Vardenafil (Levitra, Staxyn)
  • Tadalafil (Cialis)
  • Autoinfecções de alprostadil
  • Bombas peniana

A testosterona também pode ser utilizada para tratar baixos níveis de testosterona. Ansiolíticos e antidepressivos também podem ser prescritos para tratar problemas psicológicos.
As opções cirúrgicas também estão disponíveis em casos raros. A cirurgia dos vasos sanguíneos irá reparar os vasos sanguíneos danificados ou obstruídos que podem estar causando a impotência ou Disfunção Erétil. Ou uma cirurgia de implante peniano pode ajudar se todas as outras opções de tratamento foram esgotados.
Mudanças de estilo de vida para melhorar a disfunção eréctil

Há mudanças de estilo de vida que você pode fazer para ajudar a melhorar a disfunção eréctil. Perder peso se você está acima do peso vai melhorar muito sua saúde geral. Uma dieta saudável e exercício físico regular irá ajudá-lo a atingir e manter um peso saudável, o que pode afetar a sua saúde sexual. Ele também melhora a circulação e pode ajudar a manter a problemas cardíacos e diabetes sob controle. Fumo e álcool ou drogas podem ser fatores que contribuem para a impotência ou Disfunção Erétil, e também causam estragos na sua saúde física e mental.
Há também técnicas de relaxamento que ajudam as pessoas a lidar com o estresse e ansiedade. Esses incluem:

  • Ioga
  • Meditação
  • Respiração profunda
  • Massagem

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

2 Comentários

  1. Gustavo disse:

    Cuido muito bem da minha alimentação, como bastante frutas vermelhas, e produtos que auxiliam na vasodilatação e graças a Deus nunca tive esse tipo de problema

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.