Scroll Top

Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Como Conquistar o homem dos seus Sonhos

Dicas de Saúde Doenças e Tratamentos Sintomas

Síndrome do Túnel do Carpo – O que é, Causas, Sintomas e Tratamento

Antes de ler o Artigo, Curta-nos Abaixo!

Síndrome do Túnel do Carpo – O que é, Causas, Sintomas e Tratamento que pode ser feito em casa, dependendo do grau da situação. Além disso, Síndrome do Túnel do Carpo surge devido à compressão do nervo mediano, que passa pelo punho e inerva a palma da mão, causando o surgimento de formigamento e sensação de agulhas no polegar, indicador ou dedo médio.

Geralmente, a Síndrome do Túnel do Carpo piora ao longo do tempo desde que surge, agravando, especialmente, durante a noite. Uma série de fatores podem contribuir para a Síndrome do Túnel do Carpo. Inclui-se aí a anatomia de seu punho, certos problemas de saúde e padrões relativos ao uso das mãos.

Formado por ossos e ligamentos, o Túnel do Carpo é uma passagem estreita localizada no punho (na mesma face da palma da mão). Este túnel protege um nervo importante para a mão e os nove tendões que dobram os dedos.

Causas da Síndrome do Túnel do Carpo: A causa principal da Síndrome do Túnel do Carpo é a L.E.R. (Lesão do Esforço Repetitivo), gerada por movimentos repetitivos como digitar ou tocar instrumentos musicais. Existem também causas traumáticas (quedas e fraturas), inflamatórias (artrite reumatoide), hormonais, diabetes mellitus e medicamentosas. Tumores também estão entre as possíveis causas da síndrome.

Apesar da relação clínica observada nos consultórios, as evidências científicas são conflitantes e esses fatores não foram estabelecidos como causas diretas da Síndrome do Túnel do Carpo. Vários estudos têm avaliado se existe uma associação entre o uso do computador e a Síndrome do Túnel do Carpo.

No entanto, ainda não há evidências consistentes de que o uso excessivo do computador possa causar a doença – muito embora possa, sim, causar dores na região das mãos e dos punhos.

Sintomas da Síndrome do Túnel do Carpo: Os principais sinais e sintomas da Síndrome do Túnel do Carpo incluem:

  • Dor no punho ou na mão, de um ou dos dois lados;
  • Dor persistente que se estende até o cotovelo;
  • Dormência ou formigamento do polegar e dos dois ou três dedos seguintes, de uma ou de ambas as mãos;
  • Problemas com movimentos finos dos dedos (coordenação) em uma ou ambas as mãos;
  • Fraqueza em uma ou ambas as mãos;
  • Movimento de pinça débil ou dificuldade para carregar bolsas (uma queixa comum);
  • Desgaste do músculo sob o polegar (em casos avançados ou de longa duração);
  • Dormência ou formigamento da palma da mão.

A dor normalmente é pior à noite, podendo ser tão intensa a ponto de acordar a pessoa. Em alguns casos pode vir associada de irradiação proximal podendo chegar ao braço e ombro. A flexão intensa dos punhos tende a piorar os sintomas de dormência e dor.

Em casos mais avançados, a sensação de fraqueza da musculatura inervada pelo nervo mediano pode ser percebida na dificuldade de segurar um copo, fechar um tampa ou mesmo amarrar sapatos.

Outros sintomas possíveis de Síndrome do Túnel do Carpo incluem:

  • Pele seca, inchaço ou alterações na cor da pele da mão;
  • Tornar-se menos sensível ao toque (hipoestesia);
  • Atrofia dos músculos na base do polegar.

Os sintomas da Síndrome do Túnel do Carpo são muitas vezes piores depois de usar a mão afetada.

Tratamento da Síndrome do Túnel do Carpo: O tratamento leva em conta o grau de comprometimento da doença. Se for leve, indica-se a colocação de uma órtese para imobilizar o pulso e o uso de anti-inflamatório não-hormonal. Se não houver melhora, aplica-se cortisona dentro do canal do carpo.

  • Aplicação de compressas geladas sobre o pulso para reduzir o inchaço e aliviar a sensação de picadas e formigamento nas mãos;
  • Utilização de uma munhequeira para imobilizar o pulso, especialmente enquanto se dorme, reduzindo o desconforto provocado pela síndrome;
  • Ingestão de remédios anti-inflamatórios, como Ibuprofeno ou Naproxeno, para reduzir a inflamação no pulso e aliviar os sintomas;
  • Injeção mensal de corticoides no Túnel do Carpo para reduzir o inchaço do local e aliviar a dor e desconforto durante o mês.

Esgotadas as possibilidades de tratamento clínico, é indicada a cirurgia.

Recomendações: Lembre-se de que alterações dos hormônios da tireoide e doenças como diabetes podem acarretar neuropatias compressivas. Procure o médico se tiver sensação de formigamento nas mãos;

  • Tente evitar atividades que impliquem movimentos de flexo-extensão do punho;
  • Sente-se corretamente e apoie braços e punhos quando usar o computador. Não se esqueça de que seu uso inadequado é um fator de risco para L.E.R. e a Síndrome do Túnel do Carpo;
  • Mulheres no climatério estão mais sujeitas à Síndrome do Túnel do Carpo, por causa da queda na produção de estrógeno.

Cuidado: Existem outras doenças com sintomas semelhantes e por isso a realização do tratamento clínico sem consultar o neurocirurgião pode atrasar o diagnóstico correto e prejudicar a saúde do paciente.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.