Scroll Top

Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Como Conquistar o homem dos seus Sonhos

Dicas de Saúde Doenças e Tratamentos Remédios Naturais

Remédio Caseiro de Alho com Mel Para Tratar Amigdalite

Remédio Caseiro de Alho com Mel Para Tratar Amigdalite de forma simples e natural. Além disso, amigdalite consiste na inflamação de origem viral ou bacteriana das amígdalas orais, as quais estão localizadas na extremidade do palato e no início (uma de cada lado) da garganta. As amígdalas são formadas de tecido linfoide que serve como uma defesa dos germes que penetram na boca com o alimento, com o ar que respiramos, etc.

Quando estão muito expostas as infecções podem se inflamar, aumentar de tamanho e às vezes se observam pontos de pus. É, nesse momento, quando falamos de amigdalite. Os bebês são especialmente sensíveis a essa doença, mas possa se apresentar em qualquer idade.

Além dos sintomas mencionados também podem surgir outros, como rouquidão, dor de cabeça, dor de ouvido, dificuldade para engolir os alimentos e febre.

Sintomas da Amigdalite: Os sintomas apresentados pelo paciente são: coceira e dor na garganta, dificuldade de deglutir, falta de apetite, tosse irritativa, febre, mal-estar, vermelhidão na garganta, mau hálito, algumas vezes, inchaço dos linfonodos do pescoço e da mandíbula; pode também haver a presença de um exsudato purulento.

Diagnóstico Para Amigdalite: O diagnóstico  para a amigdalite ou amidalite é feito por um médico através da anamnese onde é identificado vermelhidão ou a presença de placas brancas, linfonodos do pescoço infartados. Amostras de tecido inflamado podem ser coletadas para análise bacteriológica. Confira agora os Benefícios  do Alho com Mel Para Saúde:

Beneficio do Alho: O alho é considerado um dos alimentos mais poderosos do mundo. O alho é uma planta notável faz parte de muitas refeições preparadas em diversas cozinhas em todo o mundo, mas ao mesmo tempo o alho é extremamente eficaz no tratamento de inúmeros problemas de saúde. Apesar de seu cheiro forte, o alho é extremamente benéfico quando se trata se um Remédio Caseiro de Alho com Mel Para Tratar Amigdalite pela sua riqueza e benefícios para a nossa saúde.

O alho ajuda a prevenir de doenças cardíacas (como aterosclerose, colesterol alto e pressão arterial elevada) e câncer (como o estômago e cólon). O alho também reduz o colesterol e problemas cardiovasculares.

Benefício do Mel: O mel tem grandes recursos naturais muito benéficos para os seres humanos. E é algo tão natural, que deve ser bom com um Remédio Caseiro de Alho com Mel Para Tratar Amigdalite. Não é apenas um dos mais ricos adoçantes naturais que existem, mas também é um composto presente nos remédios caseiros que aliviam vários desconfortos.

O mel natural é constituído por minerais, tais como Sódio, Potássio, Magnésio, Cálcio, Ferro, Manganês, Cobre, Fósforo, Zinco, Selênio, Vitamina A, Vitamina C e do complexo B. O mel têm propriedades nutricionais e curativas que são conhecidas desde a antiguidade. Além disso, o mel pode adoçar até 25 vezes mais do que o açúcar, além de ser facilmente digerido.

O mel é um remédio antibiótico, e cura o raquitismo, escorbuto, anemia, inflamação do intestino, hidropisia, prisão de ventre, reumatismo, dores de cabeça e tonturas. Além disso, o mel é considerado tônico e promove a absorção de triptofano, uma substância precursora da serotonina, indutora do sono.

Causada por impurezas e bactérias, ingestão excessiva de bebidas alcoólicas ou consumo de alimentos muito quentes ou frios demais, a amidalite é a inflamação das amídalas. Então, confira Remédio Caseiro de Alho com Mel Para Tratar Amigdalite.

INGREDIENTES:

MODO DE PREPARO:

  • em um copo, amasse o alho, a sálvia, a alfavaca e a rosa com o cabo de uma colher.
  • Depois despeje o mel, tampe e deixe descansar por 12 horas em local arejado.
  • Coe, espremendo bem, e tome 1 colher ( café) 3 vezes por dia.

Contraindicações: Grávidas não devem consumir alfavaca. Gestantes, lactantes, epilético a e usuários de remédios para o coração devem evitar o consumo de sálvia.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.