Scroll Top

Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Como Conquistar o homem dos seus Sonhos

Câncer Dicas de Saúde

Os 8 Sinais de Câncer de Ovário que Não Devem Ser Ignorados

Os Sinais de Câncer de Ovário que Não Devem Ser Ignorados fique atentos nos Sintomas. Alem disso, Os sintomas que indicaremos a seguir foram relacionados com o câncer de ovário, ainda que também possam ser sinais de outros problemas de saúde. pois assim como outros tipos de cânceres, os sintomas podem aparecer quando a doença já está muito avançada, tornando difícil seu tratamento. Esse tipo de câncer é o segundo em termos de cânceres do tipo ginecológico mais comum entre as mulheres, e é o que apresenta uma maior taxa de mortalidade, já que em quase todos os casos é descoberto muito tarde. Considerá-los e identificá-los pode ser a chave para detectar a tempo essa doença e receber o tratamento mais adequado. Então Confira Os 8 Sinais de Câncer de Ovário que Não Devem Ser Ignorados.

Distensão abdominal ou inchaço: ainda que seja um sintoma comum a diferentes problemas de saúde, sentir o estômago inflamado e notar que o abdômen aumenta pode ser um indicativo de câncer de ovário. Se você notar esse problema com frequência é melhor consultar um médico.

Sintomas Digestivos: além da distensão abdominal, sintomas como a indigestão, prisão de ventre, câimbras e incômodos abdominais ou qualquer mudança nas fezes, também são sinais de alerta.

Dor Pélvica: uma dor pélvica pode ser um sinal muito importante dessa doença. Se a dor é frequente e parece não ter uma explicação, o ideal é consultar um médico e evitar mascará-la com qualquer tipo de analgésico. essa dor pode ser um dos Sinais de Câncer de Ovário.

Dor Nas Costas: ao sentir dores na parte inferior das costas que surgem sem nenhuma explicação, você terá outro sintoma da doença.

Micção Frequente e Incontrolável: se de uma hora pra outra começar a sentir vontade de urinar e quase não puder controlá-la, pode ser indicativo de que algo não está certo. Em geral, esses incômodos vêm acompanhados de dor ou ardor ao urinar e um desejo frequente de fazê-lo em intervalos bem curtos. Esses sintomas podem indicar uma fraqueza dos músculos da base pélvica, ou também podem ser sintomas claros de uma infecção urinária. Porém, é importante consultar um médico, pois esse também é um dos Sinais de Câncer de Ovário

Perda ou Ganho de Peso Inexplicáveis: muitas mulheres costumam se sentir muito felizes quando perdem peso inexplicavelmente, mas devem saber que isso não é normal, e pode ser um sinal de que algo anda muito mal com o organismo. O mesmo ocorre quando há um ganho de peso sem motivo. Em geral também é possível notar uma perda do apetite ou sensação de estar saciada o tempo todo.

Cansaço: as pessoas podem sentir cansaço por muitos problemas de saúde e inclusive devido ao estresse. Porém, esse sintoma também é muito comum para quem sofre de câncer de ovário. Se sentir cansaço com frequência, falta de energias e fraqueza é melhor consultar com um especialista.

Dor durante o Ato Sexual: se ao invés de desfrutar de suas relações sexuais, você sentir algum incômodo, consulte um médico, porque esse é realmente um sintoma muito comum ao câncer de ovário

Maternidade e Menstruação: as mulheres que nunca deram à luz têm um risco aumentado de desenvolver câncer de ovário do que mulheres que tiveram filhos. Na verdade, o número de entregas está diretamente correlacionado com uma diminuição do risco de desenvolver câncer de ovário. A explicação provável deste fator de risco parece estar relacionada ao número de períodos menstruais que uma mulher já teve em sua vida. Aqueles que começaram a menstruar mais cedo (antes da idade de 12), não tinha filhos, tiveram seu primeiro filho após os 30 anos, e/ou menopausa após 50 anos são mais propensos a desenvolver câncer de ovário do que a população em geral experiente.

Medicamentos: Alguns estudos mostram que mulheres que tomaram medicamentos de fertilidade, ou terapia hormonal após a menopausa, podem ter um risco ligeiramente maior de desenvolver câncer de ovário. O uso de contraceptivos orais, por outro lado, parece diminuir a probabilidade de mulheres para pegar a doença.

Usos de Talco: alguns estudos relatam um ligeiramente elevado risco de câncer de ovário em mulheres que regularmente aplicar pó de talco na área genital. Não foi relatado um risco semelhante para os pós de amido de milho.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.