Scroll Top

Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Como Conquistar o homem dos seus Sonhos

Dicas de Saúde Efeitos Colaterais

Os 7 Efeitos Colaterais da Amoxicilina em Bebês

Os Efeitos Colaterais da Amoxicilina em bebês, Porém, o que pode ser benéfico para algumas pessoas, para crianças e bebês pode ocorrer certos efeitos colaterais, então veja todos os detalhes a seguir. Além disso, houve muitas invenções maravilhosas no que diz respeito à indústria farmacêutica e uma delas é a amoxicilina. Este antibiótico de penicilina luta contra bactérias e é a primeira escolha por muitos médicos para tratar a amigdalite, bronquite, estreptococo, pneumonia, gonorreia e clamídia. Também é aconselhável para outras infecções bacterianas, como da orelha, nariz, garganta, pele ou trato urinário. Muitas dessas doenças afetam as crianças e são comumente prescritas por muitos pediatras.

Efeitos Colaterais da Amoxicilina em Bebês:

  • Diarreia;
  • Erupção Cutânea;
  • Vômito;
  • Assaduras;
  • Defeitos do esmalte dentário.

Embora grande parte desses profissionais consideram seguro para crianças, a amoxicilina também está associada a alguns efeitos colaterais assustadores. Houve relatos de alguns casos raros de hepatite induzida pelo remédio devido a uma reação ao ácido amoxicilina. Um homem de 53 anos de idade desenvolveu hepatite após usar ácido amoxicilina ao longo de quatro semanas enquanto estava sendo tratado por rinossinusite crônica. A amoxicilina é conhecida por afetar o fígado e rim, mas apenas por um curto período de tempo. Neste caso, também, o paciente não sofreu nenhum dano a longo prazo.

Efeitos colaterais da amoxicilina em bebês: Mas e os efeitos colaterais da amoxicilina em bebês? Um estudo relata que, em comparação com outros medicamentos como cefuroxima axetil e cefaclor, os bebês e crianças tratadas com amoxicilina experimentaram mais efeitos colaterais. As crianças, que estavam sendo tratadas com otite média aguda (uma doença comum da orelha) relataram principalmente diarreia, vômito ou erupção cutânea.

Estes são alguns efeitos colaterais comuns da amoxicilina em crianças pequenas. No entanto, nem todas as crianças experimentam esse sintoma. Por isso, se você notar que sua criança está tendo alguma dessas reações adversas à amoxicilina, deve entrar em contato com seu pediatra imediatamente. Então, confira agora Os 7 Efeitos Colaterais da Amoxicilina em Bebês.

Diarreia: Um dos Efeitos Colaterais da Amoxicilina em Bebês pode ser a diarreia. De acordo com um estudo com 240 crianças tratadas com este remédio para otite média aguda, 17 por cento sofreram diarreia no quarto dia. Essa porcentagem foi reduzida para 12% no décimo dia. De fato, dois sujeitos tiveram que ser excluídos do estudo em função da diarreia. O estudo comparou os efeitos da amoxicilina com placebo em crianças menores de dois anos.

Erupção Cutânea: Todos sabemos que, às vezes, os antibióticos e analgésicos podem levar a reações adversas e a mais comum é uma erupção cutânea. Também não é diferente para as crianças. Em crianças pequenas submetidas ao tratamento com amoxicilina por mononucleose, o medicamento tem sido associado à maior incidência de erupções cutâneas induzidas por antibióticos.
Das 238 crianças observadas em um estudo, 29% relataram uma erupção cutânea. Sendo uma dos Efeitos Colaterais da Amoxicilina em Bebês, é interessante notar que todos os outros antibióticos foram associados a uma menor incidência cutânea em relação à amoxicilina.

Vômito: Sua criança pode vomitar durante o tratamento com amoxicilina. Sim, o vômito está entre os Efeitos Colaterais da Amoxicilina em Bebês. Pode acontecer com o uso da amoxicilina ou com a combinação de amoxicilina com ácido clavulânico.

Assaduras: Não há nada mais irritante do que uma criança chorando de dor devido a uma erupção cutânea. Infelizmente, um dos muitos efeitos colaterais da amoxicilina também é dermatite de fralda. Em um estudo com 57 crianças, verificou-se que o uso de amoxicilina aumenta o risco de desenvolver dermatite na fralda

Defeitos do Esmalte Dentário: O esmalte dental é talvez o tecido mais difícil, mais mineralizado, no corpo humano. Ele cobre e protege nossos dentes de todos os tipos de danos. De acordo com um estudo, parece haver uma ligação entre o uso de amoxicilina durante a infância e os defeitos do esmalte relativos ao desenvolvimento dos dentes permanentes. Os dentes permanentes em erupção inicial de 579 indivíduos foram avaliados quanto à fluorose usando o Índice de Risco de Fluorose em crianças com 9 anos de idade. Elas foram acompanhadas desde o nascimento até os 32 meses usando questionários a cada três a quatro meses. Os resultados revelaram que o uso de amoxicilina com idades de três a seis meses aumentou significativamente o risco de fluorose nos incisivos centrais superiores. Sendo um dos Efeitos Colaterais da Amoxicilina em Bebês.

Existem Efeitos Colaterais a Longo Prazo: De acordo com um estudo de 2015, os medicamentos antibióticos comumente prescritos, como a amoxicilina, têm um efeito à longo prazo sobre as crianças. Usando um rato como modelo para imitar o consumo de antibióticos em crianças, os cientistas conseguiram ilustrar que o efeito do medicamento na aceleração da massa total e crescimento ósseo. Eles também fazem mudanças progressivas na diversidade e na estrutura populacional das bactérias intestinais.

A amoxicilina, em particular, levou a ossos anormalmente grandes e também foi associada a uma baixa diversidade e proporção inadequada de comunidades de bactérias que vivem no intestino. Da próxima vez que o pediatra prescrever a amoxicilina para o bebê, discuta as possibilidades de efeitos colaterais antes de prosseguir com o tratamento.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.