Scroll Top

Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Como Conquistar o homem dos seus Sonhos

Alimentos Saudáveis Dicas de Saúde

Os 20 Alimentos que Fortalecem o Sistema Imunológico

Os Alimentos que fortalecem o sistema imunológico são fundamentais na prevenção e no desenvolvimento de algumas doenças e ajudando o corpo a reagir àquelas que já se manifestaram. Além disso, O sistema imunológico humano (ou sistema imune, ou ainda imunitário) consiste numa rede de células, tecidos e órgãos que atuam na defesa do organismo contra o ataque de invasores externos.

sistema-imunologico-alimentosEstes invasores podem ser microrganismos (bactérias, fungos, protozoários ou vírus) ou agentes nocivos, como substâncias tóxicas (ex. veneno de animais peçonhentos). As substâncias estranhas ao corpo são genericamente chamadas de antígeno. Os antígenos são combatidos por substâncias produzidas pelo sistema imune, de natureza proteica, denominadas anticorpos, que reagem de forma específica com os antígenos. Quando o sistema imune não consegue combater os invasores de forma eficaz, o corpo pode reagir com doenças, infecções ou alergias.

A defesa corporal é realizada por um grupo de células específicas que atuam no processo de detecção do agente invasor, no seu combate e total destruição. Todo este processo é denominado de resposta imune. além disso, As células do sistema imune pertencem a dois grupos principais, os linfócitos e os macrófagos.

Como Funciona o Sistema Imunológico?: Explicando de uma forma simplificada, esse mecanismo de defesa funciona como uma verdadeira barreira, cujos elementos participantes (Células, órgãos, entre outros) entram em ação com a função de proteger o corpo por meio do combate e expulsão dos mecanismos invasores que querem danificar algum tecido ou função do corpo.

O sistema é extraordinariamente complexo e funciona com barreiras contra a penetração de organismos estranhos, como pele e mucosas. Há a presença de células capazes de engolir e digerir elementos estranhos e fatores derivados de outras células que circulam pelo sangue, como os anticorpos, que são proteínas que reconhecem e se ligam a micro-organismos. Depois, um outro sistema, denominado complemento, destrói esses micro-organismos. Então, Confira abaixo Os 20 Alimentos que Fortalecem o Sistema Imunológico.

Limão: O Limão é um dos principais Alimentos que Fortalecem o Sistema Imunológico. Pois, ele é uma fonte de vitamina C assim como a laranja, o limão, além de ser um escudo contra doenças, também contém geraniol, substância que é capaz de inibir a multiplicação de células cancerosas. A fruta ainda possui limoneno, uma substância encontrada em sua casca que promove grandes benefícios à saúde.

Ele penetra com facilidade em todos os tecidos e células do nosso organismo e é um poderoso solvente das toxinas e gorduras, com isso, dissolve cálculos renais e ajuda a desentupir veias.

Alho: O tempero é capaz de acabar com micro-organismos nocivos e espantar males como resfriado, tosse e até mesmo bronquite. Ele também dá um chega pra lá nas inflamações e ajuda a controlar a pressão arterial e os níveis de colesterol. Além disso, A alicina, presente no alho, age como um potente antioxidante, protetor contra doenças inflamatórias e cardiovasculares.

A substância ainda é a responsável pelo odor presente no alimento. Se não bastassem os benefícios citados acima, o alho, além de ser diurético (por atuar nos rins e aumentar a quantidade de urina), também é um grande aliado na luta contra o câncer. O ideal é consumi-lo fresco.

Laranja: A Laranja é uma ótima alternativa de Alimentos que Fortalecem o Sistema Imunológico. Pois, Além do delicioso suco que é possível obter por meio da fruta, ela também é fonte de vitamina C, nutriente essencial para o sistema imunológico. Além disso, A vitamina C funciona como antioxidante, barrando algumas doenças, como resfriados e tumores. Os benefícios da laranja não param por aí. Ela ainda é rica em fibras e potássio: a primeira ajuda o intestino funcionar com regularidade e o segundo auxilia no controle da pressão arterial.

Iogurte: O Iogurte é fonte de lactobacilos, bactérias do bem que transformam a lactose em ácido lático, inibindo a ação da bactéria H, pylori, responsável por úlcera e gastrite. Isso acontece porque micro-organismos benéficos, mais conhecidos como probióticos, aderem às paredes do sistema digestivo e liberam substâncias que eliminam micróbios perigosos, prevenindo problemas gastrointestinais.

Nos iogurtes encontramos probióticos que melhoram a nossa flora intestinal, desse modo, reduzimos a presença de bactérias ruins e aumentamos as boas, diminuindo o risco de infecções e melhorando a absorção de nutrientes. O alimento também é uma boa opção para quem tem intolerância à lactose (açúcar do leite), já que suas bactérias benéficas digerem parcialmente o açúcar, facilitando o seu consumo, quem sofre do problema pode encontrar o cálcio em vegetais como o brócolis e couve, além do iogurte.

Mamão: Famoso por ajudar a regular o intestino, o mamão tem muitos outros benefícios. A fruta possui licopeno substância responsável por sua cor avermelhada e pelo seu poder antioxidante, capaz de prevenir o câncer de próstata. Também é fonte de betacaroteno, importante para a saúde dos olhos. Além disso, O mamão foi consagrado pela sabedoria popular como um santo remédio para prisão de ventre por conter papaína, enzima que facilita a digestão. Ele ainda ajuda a tratar de: doenças respiratórias, calos, feridas, prisão de ventre, problemas digestivos, anemia, verminoses e verrugas.

Acerola: A Acerola é outra boa opção de Alimentos que Fortalecem o Sistema Imunológico. Pois, Ela estimula, e muito, a produção de anticorpos, protegendo o corpo contra bactérias que podem causar diversas doenças. A fruta ainda pode ser considerada um escudo contra o câncer. Além disso, A acerola possui carotenoides e flavonoides. Estes compostos associados à vitamina C dão à fruta um excelente potencial bloqueador dos radicais livres, o que pode explicar sua fama de planta que previne o câncer.

Amêndoas: As Amêndoas são ricas em gorduras monoinsaturadas, elas ajudam a combater o colesterol ruim (LDL). Também são ricas em potássio e pobres em sódio, contribuindo para a manutenção da pressão arterial. Selênio, manganês, vitamina E e outros antioxidantes presentes na amêndoa fornecem proteção contra os danos pelo excesso de radicais livres. E tem mais: essas delícias são ricas em fibras que ajudam no processo digestivo.

Nozes: As Nozes são ricas em gorduras poli-insaturadas que auxiliam na diminuição nas taxas do colesterol ruim (LDL). Por conter nutrientes como ácido fólico, zinco, potássio e vitamina C, essa oleaginosa é essencial para a cicatrização de tecidos. Assim, quem se recupera de grandes ferimentos pode apostar neste alimento.

Mel: Seus compostos antioxidantes bloqueiam as enzimas necessárias para multiplicação dos germes, funcionando como um escudo do organismo. O mel ainda inibe a bactéria causadora da tosse. Como se não bastasse, o doce possui ação antioxidante, que combate os radicais livres, responsáveis pelo envelhecimento da pele e por outras doenças como o câncer.

Além disso, o alimento auxilia no funcionamento intestinal e na melhora de problemas respiratórios em geral. O mel tem polifenóis, substâncias antioxidantes que vão proteger o corpo contra as doenças do coração e de alguns tipos de câncer. Sendo assim, ele ajuda a deixar a imunidade um pouco melhor.

Tomate: Ingrediente de molhos, sopas, sucos ou salada, o tomate proporciona muitos benefícios à saúde. Isso porque contém licopeno, uma substância responsável pela coloração avermelhada e também pela redução do risco de tumores, sobretudo os de próstata, pâncreas e pulmão. Além disso, O consumo de licopeno mostra que, homens que consomem tomates cozidos, têm risco reduzido de desenvolver câncer de próstata.

Couve: Tradicional acompanhante da feijoada, a couve merece mais espaço no cardápio. Isso porque possui vitaminas como A e C, ao lado de substâncias que estimulam a produção de enzimas que ajudam o corpo a se proteger de tumores.

Além disso, suas folhas têm propriedades anti-inflamatórias que amenizam a irritação das mucosas do estômago, aliviando os sintomas da gastrite, por exemplo. A couve protege contra câncer de pulmão e contra a gripe . Ela é rica em vitaminas A e vitamina C e também ajudam a melhorar a cicatrização, sendo fator de proteção da pele.

Cenoura: Ótimo acompanhamento de sopas, saladas e carnes, a cenoura deixa o prato saudável. O alimento é fonte de vitamina A, nutriente importantíssimo para manter a pele bonita, além de proteger os olhos. A cenoura ainda possui betacaroteno, importante antioxidante. É um dos alimentos mais ricos nesta substância. Ela ajuda na proteção de pele, proteção contra os raios (UVA e UVB). A carência desse antioxidante pode provocar problemas no sistema imunológico, deixando você bem mais suscetível a infecções.

Abóbora: A sua cor alaranjada denuncia uma grande fonte de betacaroteno, substância que se transforma em vitamina A no organismo. Ela combate os radicais livres, moléculas que alteram o código genético das células, propiciando o desenvolvimento de câncer.

Óleo de Coco: O Óleo de Coco Possui ácido láurico e o ácido cáprico, duas substâncias que têm a propriedade molecular e o sistema imunológico. Alguns estudos apontam essa relação, mostrando a eficácia do óleo no combate a fungos, vírus e bactérias. Além disso, ele contribui de forma indireta para melhora da imunidade, por facilitar o trabalho do intestino ao eliminar as bactérias ruins.

Cogumelos: Quem está com a imunidade baixa deve apostar no consumo de cogumelos. O alimento possui betaglucana, carboidrato presente na sua parede celular, que se alia às células de defesa, promovendo um forte ataque do organismo contra vírus, bactérias e até mesmo alguns tumores. Além disso, é um grande aliado dos diabéticos, já que regula o nível de açúcar no sangue.

alimentos-sistema-imunologico2Feijão: Acompanhante perfeito para o arroz, o feijão é uma das melhores fontes de proteína vegetal, essencial para a construção dos tecidos do corpo. Além disso, possui substâncias antioxidantes capazes de prevenir câncer de mama e pulmão. Por conter grande quantidade de fibras, também ajuda a regular o intestino.

Ostras: As Ostras contêm altos níveis de zinco, cobre, selênio, ferro, vitamina B12 e vitamina D. As ostras são boas fontes de ácidos graxos essenciais. Os ácidos graxos em ostras podem reduzir os sintomas de um sistema imunológico hiperativo e promover a saúde gastrointestinal.

Sardinhas: Sardinhas contêm altos níveis de vitaminas do complexo B, vitamina D, selênio e ácidos gordos essenciais. As Sardinhas conter níveis moderados de muitas vitaminas e minerais que suportam o sistema imunológico, tornando-o uma escolha especialmente saudável entre os peixes. O instituto nacional de envelhecimento começou a formar um estudo em 2009 sobre os efeitos dos ácidos graxos encontrados em sardinha e outros peixes no sistema imunológico.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.