Scroll Top

Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Como Conquistar o homem dos seus Sonhos

Dicas de Saúde Doenças e Tratamentos

Orquite – O que é, Sintomas e Tratamentos

Orquite – O que é, Sintomas e Tratamentos desta doença que muitos desconhecem. Além disso, a Orquite é uma inflamação dos testículos. Esta inflamação pode ser causada por bactérias ou vírus. Ambos os testículos podem ser afetados pela Orquite ao mesmo tempo. No entanto, os sintomas geralmente aparecem em apenas um testículo. Este tipo de inflamação testicular é freqüentemente associado ao vírus da caxumba.

A Orquite, ou orquiepididimite, pode ser inflamatória (quando há traumas) ou infecciosa (infecção por vírus e bactérias). A Orquite viral pode ser provocada pela caxumba, nos homens que a adquirem na puberdade, durante a evolução da doença. A orquiepididimite pode ser transmitida através de DSTs (doenças sexualmente transmitidas) como a gonorreia e a clamídia. Bactérias como a Escherichia coli, causadoras de infecções renais, também são causas de orquiepididimite. A orquiepididimite inflamatória também pode ser causada por trauma local.

Causas da Orquite: A Orquite pode ser causada pelos mais diversos fatores, tais como bactérias, vírus, parasitas, espiroquetas, ou ainda, ser devido a traumas, a causas químicas ou ser idiopática (de causa desconhecida). Um dos principais fatores causadores de Orquite é o vírus da caxumba. Por isso, pessoas que não tenham sido infectadas anteriormente pelo vírus da caxumba devem ser vacinadas contra ele, pois um em cada cinco homens que tenham caxumba desenvolve alguma forma de Orquite, potencialmente esterilizadora e causadora de impotência.

Sintomas da Orquite: Os principais sinais e sintomas da Orquite são:

  • Inchaço (aumento do volume) e dor no(s) testículo(s) que se propaga para a fossa ilíaca do mesmo lado e que se exacerba com o manuseio dos testículos.
  • Escroto hiperemiado.
  • Sensação de peso no escroto.
  • Ejaculação de sangue.
  • Hematúria.
  • Suor nos testículos.
  • Febre.
  • Mal-estar.

Tratamentos da Orquite: O médico urologista deve ser procurado assim que os sintomas aparecerem. Se, por meio de exames de urina, ecografia escrotal, testes para gonorreia e clamídia, for detectada a inflamação, o tratamento deverá ser iniciado. O tratamento inclui repouso geral, repouso sexual, uso de sunga especial pelo paciente, analgésicos e anti-inflamatórios.

O não tratamento da Orquite pode levar a uma diminuição do volume dos testículos, infertilidade, além da possibilidade de a infecção evoluir para um abcesso. Há casos em que é necessária a retirada do testículo. É importante lembrar que o aumento de volume no saco escrotal, sensibilidade ao manuseá-lo, mas sem sintomas de dor, pode ser a causa de algum tumor; por isso o médico urologista precisa ser consultado.

Prevenção da Orquite: Alguns casos de Orquite não podem ser prevenidos. Isto é especialmente verdadeiro se você sofre de problemas congênitos do trato urinário. No entanto, você pode se proteger contra certos tipos de Orquite viral. Vacine seus filhos contra caxumba para reduzir o risco de contrair Orquite.

Praticar sexo seguro pode ajudar a prevenir a Orquite bacteriana. Use um preservativo e procure saber a vida sexual do seu parceiro.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.