Scroll Top

Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Como Conquistar o homem dos seus Sonhos

Dicas de Saúde Doenças e Tratamentos Sintomas

Neuralgia do Trigêmeo – Causas, Sintomas e Tratamentos

Neuralgia do Trigêmeo – Causas, Sintomas e Tratamentos que muitos não sabem. Além disso, a Neuralgia do Trigêmeo é inflamação do nervo trigeminal, causando dor facial intensa. Também é conhecido como tic doloroso porque a dor intensa pode causar que os pacientes contornem o rosto em uma careta e fazem com que a cabeça se afaste da dor. O movimento óbvio é conhecido como um tic. A dor da Neuralgia do Trigêmeo é intensa e pode ser um episódio isolado ou pode ocorrer a cada poucas horas, minutos ou segundos.

Pode haver meses ou anos entre os ataques, mas em alguns pacientes cuja dor não está bem controlada. Pode levar a uma síndrome da dor crônica, afetando as atividades do cotidiano e causando depressão. Embora possa afetar pessoas de qualquer idade, a Neuralgia do Trigêmeo tende a afligir pessoas com mais de 60 anos de idade. Isso afeta o lado direito do rosto cinco vezes mais vezes do que o esquerdo.

Causas da Neuralgia do Trigêmeo: O nervo do trigêmeo recebe esse nome porque tem três ramificações, o ramo oftálmico (que acompanha os olhos), o ramo maxilar (que acompanha todo o maxilar superior) e o ramo mandibular (que acompanha o maxilar inferior).

Assim como vários outros nervos presentes no rosto, o nervo do trigêmeo é um nervo sensitivo que controla as sensações que se espalham pela face, enviando-as como mensagens ao cérebro.

A dor provocada pela Neuralgia do Trigêmeo se distribui de acordo com o ramo do nervo afetado. A neuralgia pode se distribuir em três grandes partes do rosto:

  • Região frontal, que toma a órbita ocular e parte do nariz.
  • Região malar, que se estende até o nariz e parte do lábio superior
  • Região temporal que passa pelo lado do ouvido e acompanha o maxilar inferior.
  • Na Neuralgia do Trigêmeo, a função do nervo do trigêmeo é interrompida.

Geralmente, o problema é causado pelo contato entre um vaso sanguíneo normal – neste caso, uma artéria ou de uma veia – e o nervo do trigêmeo. Esse contato coloca pressão sobre o nervo e faz com que ele não funcione corretamente e provoque a dor característica.

Uma série de gatilhos pode desencadear a dor da Neuralgia do Trigêmeo, incluindo:

  • Barbear-se.
  • Acariciar o próprio rosto.
  • Alimentar-se.
  • Beber.
  • Escovar os dentes.
  • Falar.
  • Maquiar-se.
  • Ser exposto à brisa e ao vento.
  • Sorrir.
  • Lavar o rosto.

Sintomas de Nevralgia do Trigêmeo: A dor pode aparecer espontaneamente, mas geralmente é desencadeada pelo toque em alguma área em particular ou por ações rotineiras, como escovar os dentes. Quando se manifesta, os sintomas mais comuns são:

  • Dor leve e ocasional, como pontadas;
  • Dor intensa, com início repentino e que pode ser relacionada a um choque elétrico;
  • Crises com duração de alguns segundos;
  • Episódio com vários ataques, que pode durar dias, semanas ou meses;
  • Dores nas áreas pelas quais o nervo trigêmeo passa;
  • Dores em somente um lado do rosto;
  • Dores que se fixam em um só lugar ou que irradiam para outras áreas do rosto;
  • Crises cada vez mais frequentes e intensas.

O rosto também pode ficar vermelho na área afetada, pois o nervo possui um componente relacionado a vasodilatação. A doença pode afetar ambos os lados da face, mas nunca ao mesmo tempo.

As áreas mais comuns de serem afetadas são:

  • Ramo maxilar (55% de frequência);
  • Ramo mandibular (30% de frequência);
  • Ramo maxilar e mandibular simultaneamente (20% de frequência);
  • Ramo oftálmico e maxilar (10% de frequência);
  • Ramo oftálmico (4% de frequência);
  • Todos os ramos trigeminais (1% de frequência).

Tratamento de Nevralgia do Trigêmeo: O tratamento para Neuralgia do Trigêmeo geralmente começa com o uso de medicamentos anticonvulsivos e antiespasmódicos. Em muitos casos, não é necessário tratamento adicional.

No entanto, ao longo do tempo, algumas pessoas com essa condição podem parar de responder aos medicamentos ou, então, passam a ter efeitos colaterais desagradáveis. Para essas pessoas, injeções e cirurgia podem ser opções viáveis. Agora, se a Neuralgia do Trigêmeo for causada por outro problema mais grave, o médico deverá tratar a doença subjacente específica.

Medicamentos Para Nevralgia do Trigêmeo: Os medicamentos mais usados para o tratamento de nevralgia do trigêmeo são:

  • Alginac.
  • Carbamazepina.
  • Intervenção.
  • Mionevrix.

Somente um médico pode dizer qual o medicamento mais indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a duração do tratamento. Siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.