Scroll Top

Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Como Conquistar o homem dos seus Sonhos

Dicas de Saúde Dicas Variadas

Insônia – O que Causas, Sintomas e Tratamento

Insônia – O que Causas, Sintomas e Tratamento são diversos e traz um grande risco a saúde. Além disso a insônia é a dificuldade de iniciar ou manter o sono ou ainda a percepção de um sono não reparador, com prejuízo na atividade social ou profissional.

Devido ao grande número de pessoas atingidas por insônia e às suas repercussões, a insônia torna-se um problema de saúde pública. Na maioria das vezes a insônia está relacionada a uma redução da quantidade de horas necessárias para um sono satisfatório.  Sabemos que não existe apenas um tipo de insônia mas vários tipos de “insônia”. Elas geralmente decorrem da interação de diversos fatores como predisposição genética, fatores físicos, biológicos, mentais, psicológicos e sociais. A insônia podem ser agravadas por outros distúrbios do sono como SAHOS (Síndrome da Apnéia Hipopnéia Obstrutiva do Sono), Síndrome das Pernas Inquietas e Parassomias.

Algumas Causas da Insônia:  As da insônia também podem ser causadas ou agravadas por outras condições como Depressão, Transtorno da Ansiedade, Fibromialgia, Dor Crônica, Distúrbios Metabólicos Hormonais (por exemplo, doenças da tireóide), algumas medicações e substâncias (estimulantes, benzodiazepínicos, bebidas alcóolicas). Em algumas situações a insônia é primária. Muitos pacientes com insônia Idiopática (sem causa aparente) relatam dificuldade para dormir de início ainda na infância.

 

Características e Sintomas da Insônia: A grande maioria dos casos de insônia pode ser caracterizada como insônia inicial que se caracteriza pelo aumento da latência do sono, ou seja, aumento do tempo que o indivíduo demora para iniciar o sono. Também é muito freqüente a insônia de manutenção onde ocorre o aumento dos despertares durante a noite.

A insônia terminal é um pouco menos comum e se caracteriza pelo despertar precoce, quando o indivíduo acorda muito antes do horário que desejaria, mas não consegue voltar a dormir.

Alguns pacientes com insônia queixam-se na realidade da qualidade de seu sono, ou seja, mesmo dormindo uma quantidade de horas considerada satisfatória, estes indivíduos têm a sensação de que o sono não foi reparador.

Consequências da Insônia Crônica: A insônia crônica pode resultar em distúrbios da memória e concentração, ansiedade, depressão, irritabilidade, sentimento de insatisfação constante, baixo rendimento profissional, prejuízo do convívio social e aumento do risco de acidentes com veículos automotores.

Tratamento Insônia: Nem todo o paciente com queixa de insônia precisará passar por um exame de polis sonografia, entretanto a insônia pode ser um sintoma de outro transtorno. Por exemplo, alguns pacientes com apneia do sono ou com narcolepsia podem interpretar seus despertares freqüentes como insônia quando na verdade fazem parte de outro problema.

Na correta interpretação da queixa de insônia são fundamentais a história clínica e o exame físico detalhados, procurando estabelecer relação da insônia com outros achados clínicos para chegar ao diagnóstico do problema.

Caso exista suspeita de algum distúrbio primário do sono pode ser solicitada polis sonografia onde serão monitorizados os parâmetros do sono, quantidade de horas dormidas, eficiência do sono e se há alguma causa que leve o paciente a despertar durante a noite.

Uma vez estabelecido o diagnóstico insônia várias opções de tratamento para insônia, seja medicamentoso, seja através de terapias cognitivo-comportamentais, sendo indispensável o acompanhamento médico adequado.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.