Scroll Top

Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Como Conquistar o homem dos seus Sonhos

Dicas de Saúde Doenças

Gonorreia: O que é, Sintomas e Tratamento

Gonorreia: O que é, Sintomas e Tratamento. Além disso, Gonorreia é uma doença sexualmente transmissível (DST) comum, que afeta tanto aos homens quanto as mulheres. Pois, a gonorreia é causada pela bactéria Neisséria gonorrhoeae, também conhecida como gonococo. Qualquer indivíduo que tenha qualquer prática sexual pode contrair a gonorreia. A infecção pode ser transmitida por contato oral, vaginal ou anal. Confira agora Gonorreia: Sintomas e Tratamento:

Fatores de Risco: Alguns fatores considerados de risco podem facilitar a contaminação com a bactéria causadora da gonorreia. Confira:

  • Pouca idade.
  • Ter vários parceiros sexuais.
  • Ter um parceiro com histórico de qualquer infecção sexualmente transmissível.
  • Não usar camisinha durante o ato sexual.
  • Uso abusivo de álcool ou de substâncias ilegais, que é um fator de risco para o sexo desprotegido.

Sintomas: A gonorreia é uma doença comum, transmitida durante a relação sexual, incluindo contatos vaginais, anais e orais. É mais popular entre os jovens, com idades compreendidas entre os 15 e os 24 anos, e pode causar várias infecções genitais, retais e da garganta.

No pênis, os sinais mais comuns da Gonorreia são:

  • Dor e ardência ao urinar.
  • Secreção abundante de pus pela uretra.
  • Dor ou inchaço em um dos testículos.

Já na Vagina, os sintomas são:

  • Aumento no corrimento vaginal, que passa a ter cor amarelada e odor desagradável.
  • Dor e ardência ao urinar.
  • Sangramento fora do período menstrual.
  • Dores abdominais
  • Dor pélvica.

Mas a Gonorreia Também Pode Surgir em Outras Partes do Corpo: confira:

Reto: os sintomas comuns da gonorreia na região anal são coceira, secreção de pus e sangramentos.
Olhos: dor, sensibilidade à luz e secreção de pus em um ou nos dois olhos.
Garganta: dor e dificuldade em engolir, presença de placas amareladas na garganta.
Articulações: se a bactéria afetar alguma articulação do corpo, esta poderá ficar quente, vermelha, inchada e muito dolorida.

Gonorreia a deve ser tratada imediatamente caso contrário pode desenvolver graves consequências, especialmente em mulheres, tais como obstruir as trompas de Falópio, infertilidade e gravidez ectópica. Os homens podem desenvolver sensações dolorosas nos testículos e, em casos raros, incapacidade de ter filhos. A Gonorreia é tratada com sucesso com antibióticos, mas é importante localizar a doença nos estágios iniciais.

Tratamento da Gonorreia: Há dois objetivos no tratamento de uma doença sexualmente transmissível (DST):, o primeiro é curar a infecção do indivíduo, enquanto o segundo é interromper a cadeia de transmissão da doença. Para isso, além de tratar o paciente, é importante localizar e examinar todos os seus contatos sexuais para tratá-los, se indicado. Por se tratar de uma doença bacteriana, o tratamento pode ser feito por meio de antibióticos. Converse com seu médico sobre qual o melhor antibiótico disponível para seu caso.

Em caso de bebês, rotineiramente os pediatras aplicam um medicamento imediatamente após o parto nos olhos do recém-nascido para evitar infecção. Se ainda assim o bebê desenvolver a infecção, poderá ser tratado com antibióticos também.

Uma visita de acompanhamento após o tratamento é importante, principalmente em caso de dor nas articulações, erupções cutâneas ou dores mais fortes na região pélvica ou abdominal. Também devem ser realizados exames para garantir que a infecção tenha sido curada. Todos os parceiros sexuais do paciente com gonorreia devem ser contatados e examinados para evitar futuras transmissões da doença.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.